Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão PGR da ANATEL - Regulamentação da Revenda SCM (parceria)

    Olá a todos.

    Faz uns dias postei aqui num outro tópico sobre um assunto interessante: a ANATEL está preocupada em criar regras para a revenda de SCM, ou seja, uma empresa que não tem SCM poderá REVENDER o SCM de outra que possui autorização para prestar o serviço.

    Isso já ocorre nos dias de hoje, sendo comumente conhecida como "Parceria SCM".

    Segue abaixo link para o site da ANATEL que trata da "Proposta de Plano Geral de Atualização da Regulamentação das Telecomunicações no Brasil - PGR"

    Esse plano define propostas de regulamentação do setor de telecomunicações a curto, médio e longo prazo. Vou transcrever uma parte do que está lá:

    V. Ações de Curto Prazo



    V. Ações para Atualização da Regulamentação das Telecomunicações – Curto Prazo


    A seguir são listadas as Ações concretas de curto prazo de implementação imediata para a atualização da regulamentação das telecomunicações, no sentido de atingir os objetivos descritos nesse documento, considerando os Propósitos Estratégicos citados.

    Estas ações devem ser implementadas de maneira harmoniosa, ordenando-as de forma adequada a garantir níveis satisfatórios de competição em todos os serviços e em todo o território nacional.

    ...

    V.9



    V.9. Regulamentação dos Serviços para ampliação da oferta e da competição.
    • STFC (revenda).
    • SMP (Regulamento para Operação Virtual no SMP).
    • SCM (revenda).
    • Provimento de capacidade satelital (revenda).
    Eu estive conversando com pessoas que tem uma boa circulação dentro da ANATEL em Brasília para tentar entender o que seria essa "revenda" de SCM. Resumindo o que me foi dito (por mais de uma pessoa) sobre o assunto é o seguinte:

    Já se percebeu que além do caríssimo preço para tirar a autorização em si, a manutenção da SCM é muito cara, pois exige responsável técnico, jurídico, resgistro em CREA, etc... Que são custos que a maioria dos provedores não tem como arcar, ou seja, a legislação hoje está criando provedores piratas e querer fechar essas empresas irá prejudicar o usuário final.

    Por outro lado a falta da regulamentação do tema está criando problemas dentro da ANATEL, pois nos estados onde a ANATEL não "gosta" de parcerias estão pipocando recursos para Brasília, que não proíbe parceria, mas coloca regras rígidas para que ela seja considerada legal.

    Assim, essa regulamentação da "revenda SCM" irá colocar limites e determinar regras para que alguém possa revender a SCM de outra empresa!

    Indo mais além, pelo que me foi dito a revenda seria o seguinte: a empresa paga uma taxa para a ANATEL para se cadastrar como revenda e aí ela poderá revender de quem quiser. Essa taxa será muito menor que o valor de uma SCM.

    Acredito que essa revenda terá limitações para se diferenciar de uma SCM normal, cara e paga por milhares de provedores. Talvez algo do tipo proibição de vender para órgãos públicos ou algo do tipo

    Bem, fica aí o texto para reflexão e análise dos colegas!

    O link no site da ANATEL é: SACP - ACOMPANHAMENTO DE CONSULTA PÚBLICA - [SIS versão 2.2.1]

    Abraços!
    Fabrício

  2. #2

    Padrão Essa é boa



    Essa é boa, como meu scm, próprio, vai sair daqui uns dias, e pretendo trabalhar com parceria scm. Vejo com bons olhos;.



  3. #3

    Padrão

    Isso seria uma boa mesmo!

    q um provedor pequeno q esta começando tirar scm de cara eh dificil!

    e com isso vai diminuir o numero de provedores piratas!

  4. #4

    Padrão

    Só não fica legal que não quer agora.



  5. #5
    Batalhamos todos os dias Avatar de Almirgas
    Ingresso
    Oct 2008
    Localização
    Santa Catarina
    Posts
    722

    Padrão

    Tomara que seja aprovado,,, fiquei hoje duas horas na fila do Banco pra pagar minha primeira parcela de SCM hj,,, bem na hora essa nova lei.. vou poder revender com muito prazer.. e $$$ pro bolso.

  6. #6
    xargs -n 1 kill -9 Avatar de sergio
    Ingresso
    Jan 2004
    Localização
    Capital do Triângulo
    Posts
    5.202
    Posts de Blog
    9

    Padrão

    é... se isso passar, tem alguns, que adoram condenar essa operação, pois precisam vender seus préstimos, irão se rasgar... hahahahaha



  7. #7

    Padrão

    Que lei??
    Não tem lei nenhuma isso ai é um plano como muito que não foram pra frente na agência.

    Muitas pessoas que tem transito pela Anatel diz que ano que vem deve sair alguma coisa, mas até lá....

  8. #8

    Padrão

    Isso mesmo, pelo que fiquei sabendo, seria lá pela segunda metade do ano que vem...

    Esse ano tá por conta do wimax e a briga que está causando.

    No primeiro semestre de 2010 seria para regular a revenda de SMP e no segundo a de SCM.

    Vamos torcer para que isso tudo seja bom para nós todos!

    Abraço
    Fabricio



  9. #9

    Padrão

    Citação Postado originalmente por sergio Ver Post
    é... se isso passar, tem alguns, que adoram condenar essa operação, pois precisam vender seus préstimos, irão se rasgar... hahahahaha
    Pois é, tem muitos, principalmente aqui na minha região, acham que pelo fato de uma empresa menor não ter o SCM, não podem trabalhar. Tirar o SCM é questão de tempo para as empresas que são sérias. Quem é ruim não fica, não adianta, com ou sem SCM. Isso sem contar empresas que acham que por SCM se garatem, e acabam não tendo CND, não estão em dia com a papelada.

  10. #10

    Padrão

    um topico que era pra tratar de um assunto de interesse geral virou balcão de negócios ....

    agora voltando ao assunto ; fico feliz por isso pois só assim acaba com aquele dilema ( usar scm de outra empresa nao é permitido )



  11. #11

    Padrão

    Citação Postado originalmente por carlinhotocabrabo Ver Post
    um topico que era pra tratar de um assunto de interesse geral virou balcão de negócios ....

    agora voltando ao assunto ; fico feliz por isso pois só assim acaba com aquele dilema ( usar scm de outra empresa nao é permitido )
    amigo desulpe, mas aki é um forum publico, e parceria scm é um interesse gera!

  12. #12



  13. #13

    Padrão

    Eis algumas melhorias com as novas mudanças na Regulamentação do SCM.

    • Elaboração do Regulamento de Remuneração de Redes.
    • Elaboração do Regulamento de Numeração.
    • Elaboração do Plano Geral de Metas de Qualidade para detentor de PMS.
    • Avaliação do SCM para possível incorporação de outros Serviços.

    Fonte: http://www.anatel.gov.br/Portal/verificaDocumentos/documento.asp?numeroPublicacao=214522&assuntoPublicacao=Apresenta%E7%E3o%20na%20Audi%EAncia%20P%FAblica%20de%20Bras%EDlia%20Sobre%20o%20Plano%20Geral%20de%20Atualiza%E7%E3o%20da%20Regulamenta%E7%E3o%20das%20Telecomunica%E7%F5es%20no%20Brasil%20-%20PGR&caminhoRel=null&filtro=1&documentoPath=214522.pdf
    Miniaturas de Anexos Miniaturas de Anexos Painel PGR.pdf  

  14. #14

    Padrão Re: PGR da ANATEL - Regulamentação da Revenda SCM (parceria)

    isso ta valendo ou acabou ?



  15. #15

    Padrão Re: PGR da ANATEL - Regulamentação da Revenda SCM (parceria)

    Estamos aguardando..
    Abraço
    Fabricio

  16. #16

    Padrão Re: PGR da ANATEL - Regulamentação da Revenda SCM (parceria)

    é gente
    ate 2014 teremos muitas mudancas aocntecendo.. se preparem

    com todas essas promessas, eu estou projetando o futuro de 5 meses
    mas, ja contando com mudancas imprevistas.
    estou nao 1... mas com 10 pé atras.

    no mais... estamos no aguardado



  17. #17

    Padrão Re: PGR da ANATEL - Regulamentação da Revenda SCM (parceria)

    Olá amigos do forum, gostaria de saber se é possiel fazer a parceria, recebi uma proposta da Local Net, alguém tem parceria com eles, são de confiança mesmo???

  18. #18

    Padrão Re: PGR da ANATEL - Regulamentação da Revenda SCM (parceria)

    Citação Postado originalmente por adbthomaz Ver Post
    Olá amigos do forum, gostaria de saber se é possiel fazer a parceria, recebi uma proposta da Local Net, alguém tem parceria com eles, são de confiança mesmo???
    A situação atual é que alguns "ex-parceiros" Local Net tem me procurado nos últimos meses para ajuda-los a tirar sua própria outorga... Motivo? MUITOS fiscais da ANATEL vem lacrando parceiros dessa empresa em virtude de não aceitarem o modelo pactuado entre o SCM e o PSCI.. Até provar na justiça que fucinho de porco não é tomada - qd consegue provar - foi se toda clientela.. Então, eis ai a intenção de ter sua própria outorga... Não é tão caro qt parece, faça o mesmo! Abraços!!!



  19. #19

    Padrão Re: PGR da ANATEL - Regulamentação da Revenda SCM (parceria)

    Kleber, vou meter a minha colher no assunto, pois isso também me preocupa.
    Apesar de não ser tão caro assim, uma outorga também tem seus custos para manutenção.
    Creio que o mais fácil é obter. Manter é outra coisa. Deve haver um número razoável de assinantes para sustentar tudo isso. Não me refiro aos PADOs, pois se isso acontecer, tanto faz se foi em parceria ou não, pois o parceiro vai ter que arcar com a multa.
    Mas as exigências periódicas vão exigir um estrutura mínima para atender isso ou então pagar uma consultoria externa mensalmente.
    Por outro lado, mesmo pequeno, o provedor não pode ficar a descoberto.
    Porém o que tenho observado ao conversar com vários SCM que oferecem uma parceria, é que o modelo não se adequa ao que a Anatel está exigindo. E não é só questão de cabeça de fiscal não. É uma questão de lógica.
    Algumas SCM acham que só ter um contrato com o parceiro (que na verdade é um contrato de gaveta) e depois dois contratos com o cliente, um de SCM e outro de SVA e uma base registrada e está tudo resolvido.
    Já conversei com alguns que foram fiscalizados e alguns itens que foram exigidos, nenhuma parceria de SCM não atende. Alguns SCM que contatei até nem me deram mais retorno quando toco nestes pontos.
    1- contrato de aluguel da infraestrutura por parte do SCM. Já viu alguém que tem? Este é que prova que o SCM está assumindo uma estrutura pré-existente. E efetivamente pagar por isso.
    2 - contrato que autoriza o SVA a representa-lo nas instalações, manutenção e cobrança dos valores de SCM.
    3 - Documentos que provem que o SVA está repassando mensalmente todos os valores de SVA recebidos. Isto é importantíssimo , pois senão pode caracterizar um contrato só de fachada. E já houve casos onde isto foi exigido. Um conhecido meu passou por um sufoco com isso. Não lacraram mas deram um prazo para apresentar estes documentos.
    Daí que se deduz que um valor fixo por mês caractezaria aluguel de SCM, enquanto que um valor variável em função do número de assinantes e efetivamente transferido já dá mais respeito.
    4- Acesso por parte do SCM, do servidor instalado, pois num caso de fiscalização isto poderá provar que o SCM efetivamente está com o poder de exercer controle sobre a rede instalada. Isto se consegue facilmente com vários dos gerenciadores do mercado. Bastaria que o SCM optasse por um padrão e em cada cidade o SCM tivesse um usuário e senha para ele, para em qualquer momento fazer uma fiscalização do serviço. Chegou fiscal e está querendo provar quem é o responsável pelo serviço, é só telefonar para o SCM e pedir para ele entrar no servidor para mostrar que ele realmente faz o controle remoto do servidor.

    Estes são alguns pontos que quem quer fazer parceria com um SCM deve levar em conta. Não dá mais para fazer um contrato de gaveta e ter base registrada.
    Os fiscais estão a procura de qualquer situação que possa revelar uma atividade ilegal. Neste amigo que citei, eles nem estavam preocupados com equipamentos homologados. Queriam documentos para provar o exercício legal. Eles estão agindo como verdadeiros detetives nesta questão.
    Então , ou se faz direito ou não se faz e daí só resta o SCM próprio. Como diz a Marina, o país precisa de um planejamento estratégico, e nós também precisamos ter um planejamento estratégico.
    Analizemos nosso mercado atual, capacidade de expansão etc etc. e se ver possíbilidade de aumento, o melhor caminho é SCM própria. Se já chegou num patamar onde a expansão é difícil, e não justificaria economicamente uma SCM, parta para uma parceria, mas sempre levando em conta a legalidade.
    Como até agora não achei nenhuma empresa de SCM que se encaixe naquilo que foi exposto, estou encaminhando minha situação para SCM própria.
    Até agora os parceiros se submetem ao que o SCM exige, mas acho que está chegando a hora dos parceiros se mexerem e exigirem dos seus SCM providências para se encaixarem naquilo que os fiscais estão buscando.
    Acho que algumas empresas de SCM, sérias, irão neste sentido.
    O companheiro que citei e que passou por isso, é frequentador do forum. Se ele quizer, pode dar o seu relato do sufoco que passou com estas exigências. Não é coisa da minha cabeça não. É a nova realidade do setor.

    Pensem nisso SCMs. Mudem a postura senão vão perder seus clientes.
    Não encontrei até agora ninguém que esteja fazendo isso.
    Última edição por 1929; 16-10-2010 às 09:22.

  20. #20

    Padrão Re: PGR da ANATEL - Regulamentação da Revenda SCM (parceria)

    1929

    Bom dia!

    Acho que essse 4 itens que você sitou são muito importantes, porém quanto aos impostos qual seria a melhor solução.