Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Tribunal pagará prêmio para quem conseguir quebrar segurança do sistema de votação brasileiro



    http://anuncio.clicrbs.com.br/RealMe...ault/empty.gif
    Seguro de que o sistema eletrônico de votação brasileiro é inviolável, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou ontem um desafio curioso: a Corte promete pagar prêmios entre R$ 2 mil e R$ 5 mil para qualquer hacker que consiga burlar a segurança da urna eletrônica.

    Serão premiados três participantes. Como o TSE considera que ninguém será capaz de invadir o sistema eleitoral, serão premiadas as três ideias mais relevantes para o aprimoramento do aparato eletrônico.

    Qualquer brasileiro maior de 18 anos poderá se inscrever, até o dia 13 de outubro, para realizar testes públicos de segurança no sistema. Os testes serão realizados entre 10 e 13 de novembro. A abertura do sistema ao público em geral é uma ação inédita da Justiça Eleitoral. Em anos anteriores, os sistemas foram abertos para testes – mas somente para entidades específicas.

    Durante audiência pública realizada na sexta-feira, o secretário de Tecnologia da Informação do TSE, Giuseppe Janino, detalhou o edital publicado no Diário Oficial para os interessados presentes. Na audiência, o secretário ainda explicou todo o funcionamento da votação eletrônica e ressaltou que o processo eletrônico não se restringe ao uso da urna, pois integra uma cadeia de procedimentos seguros que vão desde o desenvolvimento dos softwares pela própria Justiça Eleitoral até a totalização dos votos.

    Além de reiterar a segurança do sistema eletrônico, o secretário destacou ainda a existência do registro digital do voto, que permite uma possível recontagem, caso haja dúvida quanto à votação.

  2. Citação Postado originalmente por djorno Ver Post
    Tribunal pagará prêmio para quem conseguir quebrar segurança do sistema de votação brasileiro



    Anúncio Bloqueado
    Seguro de que o sistema eletrônico de votação brasileiro é inviolável, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou ontem um desafio curioso: a Corte promete pagar prêmios entre R$ 2 mil e R$ 5 mil para qualquer hacker que consiga burlar a segurança da urna eletrônica.

    Serão premiados três participantes. Como o TSE considera que ninguém será capaz de invadir o sistema eleitoral, serão premiadas as três ideias mais relevantes para o aprimoramento do aparato eletrônico.

    Qualquer brasileiro maior de 18 anos poderá se inscrever, até o dia 13 de outubro, para realizar testes públicos de segurança no sistema. Os testes serão realizados entre 10 e 13 de novembro. A abertura do sistema ao público em geral é uma ação inédita da Justiça Eleitoral. Em anos anteriores, os sistemas foram abertos para testes – mas somente para entidades específicas.

    Durante audiência pública realizada na sexta-feira, o secretário de Tecnologia da Informação do TSE, Giuseppe Janino, detalhou o edital publicado no Diário Oficial para os interessados presentes. Na audiência, o secretário ainda explicou todo o funcionamento da votação eletrônica e ressaltou que o processo eletrônico não se restringe ao uso da urna, pois integra uma cadeia de procedimentos seguros que vão desde o desenvolvimento dos softwares pela própria Justiça Eleitoral até a totalização dos votos.

    Além de reiterar a segurança do sistema eletrônico, o secretário destacou ainda a existência do registro digital do voto, que permite uma possível recontagem, caso haja dúvida quanto à votação.
    Sempre tive lá minhas dúvidas quanto "o sistema de votação deste país" e, pouco-a-pouco vou fortalecendo minha idéia à respeito.

    Acredito que as urnas são programadas para contar quantos eleitores compareceram à votação e, a partir daí, distribuido uma percentagem dos eleitores para cada candidato, sendo que já é, previamente, concordado por um "grupo secreto (oculto)" quem será o "Candidato da vez" para o cargo.

    A confusão e encheção de saco das "Campanhas" são apenas para motivar o povo, feito de bobos (o pior que sob ameaças), irem às urnas para concretizar o simulado deles. Por isso é tão "rápido". Não é apenas pelo fato de ser eletrônico, muito menos por ser informatizado.

    É isso.




  3. tomara que apareça um cara fera e mostre que tem falhas,quero ver a explicação dos cara

  4. Citação Postado originalmente por MaxAdriano Ver Post
    tomara que apareça um cara fera e mostre que tem falhas,quero ver a explicação dos cara
    Se tal existir se tornará automaticamente fugitivo pois a imprensa brasileira corrobora com a situação.



  5. Citação Postado originalmente por bjaraujo Ver Post
    Se tal existir se tornará automaticamente fugitivo pois a imprensa brasileira corrobora com a situação.
    não necessariamente, pois saber roubar um banco não é crime, é crime rouba-lo, se alguem conseguir burlar o sistema, e conseguir faze-lo, estará fasendo pq foi aerto ao publico, ele não estara arrombando algo sem permição....






Tópicos Similares

  1. Respostas: 1
    Último Post: 09-09-2016, 06:19
  2. Claro, Embratel e Net lançam rede Wi-Fi gratuita em 9 cidades do país
    Por Roberto21 no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 7
    Último Post: 17-05-2013, 16:24
  3. Mudar código do país no airOS do Bullet v3.6.1
    Por peritinaicos no fórum Redes
    Respostas: 10
    Último Post: 26-08-2011, 11:50
  4. Com pequenos empresários, internet chega a 74% do país
    Por carlinhotocabrabo no fórum Redes
    Respostas: 4
    Último Post: 14-09-2009, 10:42
  5. Com pequenos empresários, internet chega a 74% do país [movido]
    Por elielgt no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 4
    Último Post: 06-09-2009, 22:30

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L