Página 1 de 3 123 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Question Sinais altos em uma torre podem prejudicam toda a rede?

    Olá pessoal peço por favor uma ajuda referente o problema que estou tendo atualmente com meus clientes.Hoje sou um provedor de internet que esta atendendo 800 clientes, meu problema esta na questao de lentidao, me informaram que pode ser a distancia dos clientes conectados na torre.Meu link é de 12 Megas que nao é usado nem 10 Megas por dia e utilizo um servidor Proxy configurado com o Debian.
    Na cidade eu tenho 5 torres e alguns outros pontos de acesso espalhados mas meu maior problema mesmo esta em duas torre que estao atendendo clientes na zona rural:

    1º torre - Distancia do cliente mais longe 8km - AP - Nanostation 2.4 e RB433ah com um cartão r52 - media de clientes na torre 70 cadastrado com 35 on line
    2º torre - Distancia do cliente mais longe 6km - AP - RB433ah dois cartoes r52 com uma omni OIW 13,5 e uma setorial hyperlink 90º - media de clientes na torre 65 cadastrado e 30 on line.
    Os clientes estao usando Nanostation 2.4 e Pro-eletronic - (grade , cabo coaxial , conectores n-femea e pigtail)


    ACK mais alto -80 dbm - esse sinal esta na 1º torre
    ACK mais alto -79 dbm - esse sianl esta na 2º torre

    Por favor alguem poderia me auxiliar o que fazer para resolver e tirar essa duvida que estou tendo?

    Muito obrigado!

    Rafael - [email protected]
    Última edição por QuickTelecom; 28-09-2009 às 20:30.

  2. #2

    Padrão

    Chefia... nesses clientes mais longes qual o sinal que é recebi na torre? Se liga que as RB te mostram isso tbm, sinal que tá chegando nela...
    Vc tbm pode obter isso nos clientes que estão chegando nos Nano.

    Lembre-se, sinal bom é motivo de sono tbm.

    Aqui no provedor onde trabalho é proibido ultrapassar a medida de -60dBm e olha que a gente só trabalha pensando em -50dBm.

    Flws.



  3. #3

    Padrão

    atrapalha sim..

    voce deve manter o nivel de sinal de TODOS os clientes em um mesmo nivel... por ex

    manter todos a -65 !! ou proximo disso +- 3db (-63 a -68) ..

    isto cria o famoso lençol magnetico.. faça os testes !! e veja que melhora BEM

  4. #4

    Padrão

    Citação Postado originalmente por alexandrecorrea Ver Post
    atrapalha sim..

    voce deve manter o nivel de sinal de TODOS os clientes em um mesmo nivel... por ex

    manter todos a -65 !! ou proximo disso +- 3db (-63 a -68) ..

    isto cria o famoso lençol magnetico.. faça os testes !! e veja que melhora BEM
    amigo vc poderia explicar sobre o lençol magnético melhor? abraço.



  5. #5
    engenheiro eletricista
    Ingresso
    Nov 2006
    Localização
    Rio de Janeiro
    Posts
    182
    Posts de Blog
    1

    Padrão

    Lençol magnético é conversa pra boi dormir. Você tem que manter o seu sinal o melhor possível por que sua taxa de transmissão será a melhor possível, e não por que existirá um "lençol magnético". Isso simplesmente não existe. É um termo marketeiro criado nos cursos do Sr. Gilvan (Geenge).


    Citação Postado originalmente por alexandrecorrea Ver Post
    atrapalha sim..

    voce deve manter o nivel de sinal de TODOS os clientes em um mesmo nivel... por ex

    manter todos a -65 !! ou proximo disso +- 3db (-63 a -68) ..

    isto cria o famoso lençol magnetico.. faça os testes !! e veja que melhora BEM
    Última edição por motacosta; 29-09-2009 às 09:35.

  6. #6

    Padrão

    Citação Postado originalmente por motacosta Ver Post
    Lençol magnético é conversa pra boi dormir. Você tem que manter o seu sinal o melhor possível por que sua taxa de transmissão será a melhor possível, e não por que existirá um "lençol magnético". Isso simplesmente não existe. É um termo marketeiro criado nos cursos do Sr. Gilvan (Geenge).


    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.....acho q vão responder......

    mas, manter o sinal o melhor possível é essencial pra uma taxa de transmissão boa e evitar essa variação.



  7. #7

    Padrão

    Citação Postado originalmente por beirsdorf Ver Post
    amigo vc poderia explicar sobre o lençol magnético melhor? abraço.
    Não é conversa não. O que o Alexandre quer dizer é que quando todos estão com o sinal semelhante o desempenho no processamento é suave.
    Não vou entrar no mérito do termo, mas o Alexandre citou lençol magnéltico e o Gilvan usa o termo lençol digital.
    Mas o objetivo é o mesmo. Eu não fiz o curso do Gilvan, mas tenho observado e analizado estas questões e estou chegando a mesma conclusão. Se todo mundo tiver igual o tráfego fica suave.
    O Gilvan, vai mais longe e realmente faz marketing em cima disso, mas a realidade é que funciona.

  8. #8
    engenheiro eletricista
    Ingresso
    Nov 2006
    Localização
    Rio de Janeiro
    Posts
    182
    Posts de Blog
    1

    Padrão

    Então cara, mas isso é o óbvio. Melhor sinal, melhor taxa.

    Se eu tenho dois usuários: um a -50 dBm (bom) e outro a -90 dBm (fraco).

    Esse último tá com sinal fraco (-90 dBm). O ideal é que ele seja -50 dBm não por que eu tenho outro usuário com -50 dBm, mas sim por que -50 dBm é um bom sinal e me proporciona uma boa taxa.

    Jamais em uma rede wireless ponto-área você poderá ter usuários com os mesmos níveis de potência, pois eles estão a distâncias diferentes, submetidos a diferentes condições (obstáculos) e na maioria das vezes tem placas/rádios/antenas diferentes.

    Lençol digital ou magnético pra cima de mim não cola não.

    Sds,


    Citação Postado originalmente por 1929 Ver Post
    Não é conversa não. O que o Alexandre quer dizer é que quando todos estão com o sinal semelhante o desempenho no processamento é suave.
    Não vou entrar no mérito do termo, mas o Alexandre citou lençol magnéltico e o Gilvan usa o termo lençol digital.
    Mas o objetivo é o mesmo. Eu não fiz o curso do Gilvan, mas tenho observado e analizado estas questões e estou chegando a mesma conclusão. Se todo mundo tiver igual o tráfego fica suave.
    O Gilvan, vai mais longe e realmente faz marketing em cima disso, mas a realidade é que funciona.
    Última edição por motacosta; 29-09-2009 às 10:57.



  9. #9

    Padrão

    Citação Postado originalmente por motacosta Ver Post
    Então cara, mas isso é o óbvio. Melhor sinal, melhor taxa.

    Se eu tenho dois usuários: um a -50 dBm (bom) e outro a -90 dBm (fraco).

    Esse último tá com sinal fraco (-90 dBm). O ideal é que ele seja -50 dBm não por que eu tenho outro usuário com -50 dBm, mas sim por que -50 dBm é um bom sinal e me proporciona uma boa taxa.

    Jamais em uma rede wireless ponto-área você poderá ter usuários com os mesmos níveis de potência, pois eles estão a distâncias diferentes, submetidos a diferentes condições (obstáculos) e na maioria das vezes tem placas/rádios/antenas diferentes.

    Lençol digital ou magnético pra cima de mim não cola não.

    Sds,
    Eu também pensava assim, mas parece que o que o Alexandre quer dizer é com relação ao processamento. Quando todos tem sinal semelhante, mesmo que não seja o mais forte, o rádio trabalha mais suave.
    O Gilvan até preconiza diminuir o sinal de quem chega forte demais, para favorecer o processamento.
    Muita gente já fez o curso dele, mas o problema é que poucos contam como é na prática a coisa.
    E tem até quem já fez o curso e acabou criticando estes princípios aqui mesmo no forum.
    O Gilvan diz que não adianta contar como é feito, pois tem uma base teórica para respaldar a prática.
    Um amigo que mora perto, me contou que numa sala ele coloca alguns APs e fica aquela interferencia entre eles. Coisa muito terrivel. E aos poucos ele vai aplicando os 12 princípios que ele ensina e aos poucos vai limpando e os APs convivem tranquilamente na sala, sem interferir um no outro.
    Mas daí para o dia a dia, não sei como seria. Nem este meu amigo, abriu muito o jogo. hehehe!! ( mui amigo)
    Mas esta base teórica, com certeza voce tem, pois é eng de telecom.
    Então quem sou eu para duvidar.
    Vou deixar esta briga para quem está aplicando os princípios sugeridos, na prática.
    Mas por via das dúvidas vou fazer este curso, quando coincidir com uma data propícia para mim.

  10. #10

    Padrão

    Citação Postado originalmente por motacosta Ver Post
    Então cara, mas isso é o óbvio. Melhor sinal, melhor taxa.

    Se eu tenho dois usuários: um a -50 dBm (bom) e outro a -90 dBm (fraco).

    Esse último tá com sinal fraco (-90 dBm). O ideal é que ele seja -50 dBm não por que eu tenho outro usuário com -50 dBm, mas sim por que -50 dBm é um bom sinal e me proporciona uma boa taxa.

    Jamais em uma rede wireless ponto-área você poderá ter usuários com os mesmos níveis de potência, pois eles estão a distâncias diferentes, submetidos a diferentes condições (obstáculos) e na maioria das vezes tem placas/rádios/antenas diferentes.

    Lençol digital ou magnético pra cima de mim não cola não.

    Sds,

    num sei oq vc tem contra os caras ou ao termo......(nem conheço eles, digo de passagem)
    mas aumentando a área de cobertura se tem níveis de sinal bons em várias áreas....
    há várias soluções......inclusive pode dar uma olhada em REDES MESH....

    vlw



  11. #11
    engenheiro eletricista
    Ingresso
    Nov 2006
    Localização
    Rio de Janeiro
    Posts
    182
    Posts de Blog
    1

    Padrão

    Eu não tenho nada contra ninguém. Apenas sou contrário ao falso conceito que está por trás do termo, e consequentemente não gosto dele (termo).

    Minha intenção nesse forum sempre foi a de tentar contribuir com a qualidade técnica das discussões.

    Outra coisa que não podemos esquecer é que não existe técnica nenhuma que faça milagre em um ambiente tão poluído (nas duas polarizações) como o de 2.4 GHz (usado no acesso). Não existe mágica.

    Sds a todos,

    Citação Postado originalmente por ceusbar Ver Post
    num sei oq vc tem contra os caras ou ao termo......(nem conheço eles, digo de passagem)
    mas aumentando a área de cobertura se tem níveis de sinal bons em várias áreas....
    há várias soluções......inclusive pode dar uma olhada em REDES MESH....

    vlw
    Última edição por motacosta; 29-09-2009 às 13:35.

  12. #12

    Thumbs up

    Citação Postado originalmente por alexandrecorrea Ver Post
    atrapalha sim..

    voce deve manter o nivel de sinal de TODOS os clientes em um mesmo nivel... por ex

    manter todos a -65 !! ou proximo disso +- 3db (-63 a -68) ..

    isto cria o famoso lençol magnetico.. faça os testes !! e veja que melhora BEM
    Olá Alexandre!

    Fiquei curioso com a sua colocação!

    Poderia explanar mais o assunto!

    Como conseguir que os clientes fiquem próximos no sinal?

    Seria baixando potencia, jogando com antenas de diferentes dbi ou tem outro macete?


    Abraços



  13. #13

    Padrão

    Pelas minhas pesquisas o Alexandre tem toda razão bem como o Gilvan.

    Esse fenomeno acontece sim. Se você tem clientes com sinal ruin ou com muito sinal você satura o receptor de um ou outro.

    Sendo assim a solução é manter os niveis de sinal o mais proximo possivel (homogeneo).

    Em um curso que fiz recentemente o Prof. deu um ótimo exemplo.
    Imagina você em uma sala todos convesando gritando, você não vai conseguir entender nada que a pessoa a seu lado disser. mesmo ela estando bem proxima de você.

    Mas se todos estão em uma sala e todos falam baixo ou em um volume normal, você pode ouvir perfeitamente o que a pessoa a seu lado diz.

    O fenomeno é bem parecido com isso.

    Agora o grande problema é como fazer isso? não temos muitas opções de antenas com baixo ganho. A maioria dos firmwares não aceitam setar a potencia abaixo de X.

    Fica aqui a pergunta.

    Aumentar a perda usando mais cabo??

  14. #14

    Padrão

    exatamente, na epoca dos radio amadores.. issoera muito comum.. chama-se STUB ... :P

    e eu nao fiz o curso do gilvan nao... !!

    basta imaginar varias caixas de som gritando com volumes diferentes... e uma escutando.. tudo eh frequencia.. :P


    Citação Postado originalmente por rogeriosims Ver Post
    Pelas minhas pesquisas o Alexandre tem toda razão bem como o Gilvan.

    Esse fenomeno acontece sim. Se você tem clientes com sinal ruin ou com muito sinal você satura o receptor de um ou outro.

    Sendo assim a solução é manter os niveis de sinal o mais proximo possivel (homogeneo).

    Em um curso que fiz recentemente o Prof. deu um ótimo exemplo.
    Imagina você em uma sala todos convesando gritando, você não vai conseguir entender nada que a pessoa a seu lado disser. mesmo ela estando bem proxima de você.

    Mas se todos estão em uma sala e todos falam baixo ou em um volume normal, você pode ouvir perfeitamente o que a pessoa a seu lado diz.

    O fenomeno é bem parecido com isso.

    Agora o grande problema é como fazer isso? não temos muitas opções de antenas com baixo ganho. A maioria dos firmwares não aceitam setar a potencia abaixo de X.

    Fica aqui a pergunta.

    Aumentar a perda usando mais cabo??



  15. #15

    Padrão

    Citação Postado originalmente por alexandrecorrea Ver Post
    exatamente, na epoca dos radio amadores.. issoera muito comum.. chama-se STUB ... :P

    e eu nao fiz o curso do gilvan nao... !!

    basta imaginar varias caixas de som gritando com volumes diferentes... e uma escutando.. tudo eh frequencia.. :P
    O que você usa ai Alexandre??

  16. #16

    Padrão

    controle de potencia nos radios..



  17. #17
    engenheiro eletricista
    Ingresso
    Nov 2006
    Localização
    Rio de Janeiro
    Posts
    182
    Posts de Blog
    1

    Padrão

    Esse fenômeno chama-se bom senso. Melhorar o sinal de um cliente que tá fraco. Mas não por que existem outros clientes com sinal bom mas simplesmente por que o sinal do cliente tá fraco.

    Sds,

    Citação Postado originalmente por rogeriosims Ver Post
    Pelas minhas pesquisas o Alexandre tem toda razão bem como o Gilvan.

    Esse fenomeno acontece sim. Se você tem clientes com sinal ruin ou com muito sinal você satura o receptor de um ou outro.

    Sendo assim a solução é manter os niveis de sinal o mais proximo possivel (homogeneo).

    Em um curso que fiz recentemente o Prof. deu um ótimo exemplo.
    Imagina você em uma sala todos convesando gritando, você não vai conseguir entender nada que a pessoa a seu lado disser. mesmo ela estando bem proxima de você.

    Mas se todos estão em uma sala e todos falam baixo ou em um volume normal, você pode ouvir perfeitamente o que a pessoa a seu lado diz.

    O fenomeno é bem parecido com isso.

    Agora o grande problema é como fazer isso? não temos muitas opções de antenas com baixo ganho. A maioria dos firmwares não aceitam setar a potencia abaixo de X.

    Fica aqui a pergunta.

    Aumentar a perda usando mais cabo??

  18. #18

    Padrão

    Citação Postado originalmente por rogeriosims Ver Post
    Pelas minhas pesquisas o Alexandre tem toda razão bem como o Gilvan.

    Esse fenomeno acontece sim. Se você tem clientes com sinal ruin ou com muito sinal você satura o receptor de um ou outro.

    Sendo assim a solução é manter os niveis de sinal o mais proximo possivel (homogeneo).

    Em um curso que fiz recentemente o Prof. deu um ótimo exemplo.
    Imagina você em uma sala todos convesando gritando, você não vai conseguir entender nada que a pessoa a seu lado disser. mesmo ela estando bem proxima de você.

    Mas se todos estão em uma sala e todos falam baixo ou em um volume normal, você pode ouvir perfeitamente o que a pessoa a seu lado diz.

    O fenomeno é bem parecido com isso.

    Agora o grande problema é como fazer isso? não temos muitas opções de antenas com baixo ganho. A maioria dos firmwares não aceitam setar a potencia abaixo de X.

    Fica aqui a pergunta.

    Aumentar a perda usando mais cabo??
    Tá ficando bom o tópico.
    Rogério, posta aí aquela calculadora que voce me enviou.
    Este negócio de saturar é sério mesmo.

    E quanto ao stub, é isso mesmo Alexandre. Quando eu operava no radiomadorismo, também havia esta divergência sobre usar ou não stub, acoplador de antenas, comprimento de cabo e muitas coisas mais.
    Havia colegas que não usavam nada disso e era um balaço, enquanto que outros também eram balaço, mas usavam alguma forma de melhorar o rendimento.
    Por isso, acho que não existe uma receita de bolo, mas em cada situação tem que ver o que melhor ajuda a manter todos no mesmo nível, seja -50 ou -65. Eu ainda não consegui isso.
    O stub, fiz um aqui, mas o trabalho que deu para fazer o acerto, não compensou. Não sei se era falta de prática. Tive que cortar os cabos várias vêzes e começar do zero.



  19. #19
    engenheiro eletricista
    Ingresso
    Nov 2006
    Localização
    Rio de Janeiro
    Posts
    182
    Posts de Blog
    1

    Padrão

    Stub não tem nada a ver com isso. Stub é um casador de impedância e não tem a função de controle de potência transmitida (embora tenha relação). Se você não casa impedância entre rádio, cabo e antena, menos potência é irradianda (a outra parte é refletida de volta para o rádio). Mas isso não é necessário em wi-fi por que as antenas estão próximas de 50 ohms (bem próximas mesmo). Em radioamadorismo o uso de STUB é importante por que se tem altas potências e antenas que na maioria dos casos não apresentam 50 ohms.

    Outro colega nosso (JPJUST) já provou matematicamente no forum que o uso de STUB em wi-fi não tem aplicação prática, embora usar STUB tenha fundamentação teórica em qualquer sistema de rádio. Seja rádio amador ou wi-fi. É só ver o artigo, acredita quem quer. Eu particularmente acredito bastante na matemática.

    1929, sabe quando você vai conseguir manter seus clientes em uma mesma potência com +/- 3dB de diferença? Nunca. A menos que você coloque todos a uma mesma distância do seu AP. Ou você pode tentar controlar onde os seus clientes moram.

    Exemplo:
    Se você altera a potência do AP, vai alterar a recepção de todos os seus clientes uniformemente. Ou seja, se você tinha uma diferência de 20 dB entre dois clientes(Ex. -50 e -70) e se você diminui a potência do seu AP em 3 dB (metade) essa diferença permanecerá a mesma (agorá será -53 e -73) - Os mesmos 20 dB de diferença.

    Outra coisa que deve-se observar é que existe a potência que o cliente recebe do AP e a potência que o AP recebe do cliente. A comucação é nos dois sentidos. Vocês tão tentando controlar que potência? A que o AP recebe do cliente ou a que o cliente recebe do AP?

    Acho que vocês deveriam tentar controlar as duas potências (ida e volta) e assim vocês ficariam malucos e iam ver que é impossível. "Cada um acredita no que quer"

    Sds,

    Citação Postado originalmente por 1929 Ver Post
    Tá ficando bom o tópico.
    Rogério, posta aí aquela calculadora que voce me enviou.
    Este negócio de saturar é sério mesmo.

    E quanto ao stub, é isso mesmo Alexandre. Quando eu operava no radiomadorismo, também havia esta divergência sobre usar ou não stub, acoplador de antenas, comprimento de cabo e muitas coisas mais.
    Havia colegas que não usavam nada disso e era um balaço, enquanto que outros também eram balaço, mas usavam alguma forma de melhorar o rendimento.
    Por isso, acho que não existe uma receita de bolo, mas em cada situação tem que ver o que melhor ajuda a manter todos no mesmo nível, seja -50 ou -65. Eu ainda não consegui isso.
    O stub, fiz um aqui, mas o trabalho que deu para fazer o acerto, não compensou. Não sei se era falta de prática. Tive que cortar os cabos várias vêzes e começar do zero.
    Última edição por motacosta; 29-09-2009 às 17:42.

  20. #20

    Padrão

    Citação Postado originalmente por 1929 Ver Post
    Tá ficando bom o tópico.
    Rogério, posta aí aquela calculadora que voce me enviou.
    Este negócio de saturar é sério mesmo.
    1929,

    Segue uma explicação sobre a calculadora que acabei de encontrar:
    » Alguns cálculos úteis no auxilio de aplicações e projetos wireless Linkteck Training

    O link da calculadora é:
    ZYTRAX - Wireless Calculators

    É muito boa.

    Com sua permissão também vou colocar aqui nossa conversa. Que está com uma linquagem super simples.

    ...
    eu: faz uma simulaçÃo ai pra vc ver
    nessa parte de system mesmo
    coloca ai distancia 2km
    tx power 17 dbm
    23:31 tx cable (perda do cabo e conectores) 3
    tx antena (ganho da antena) 14 dbi
    23:32 RX sensitivity, sensibilidade do seu ap -90
    RX cable (perda do cabo e conectores) 3
    23:33 rx antena (ganho da antena) 24
    23:34 da uma olhada no SAD Factor e Theoretical
    Carlos: entendi. deu 117% de saturação
    23:35 eu: isso mesmo, o ideal e ficar 50%
    Carlos: e o theoretical, o que quer dizer?
    eu: e a potencia acima que está chegando
    23:36 Carlos: fantastico
    eu: a margem teorica que o receptor recebe acima do necessario
    outra coisa que vc ve ai, o theorical esta acima do total tx
    23:37 como voce recebe um sinal que esta acima do que vc enviou? ele está muito amplificado
    23:38 isso ai que faz gerar a auto interferencia, que assombra todo mundo na hora de pico, quando o ping vai la pras alturas, e ate faz o AP travar
    23:39 Carlos: então se entendi, a potencia na base não pode ser alterada para cada cliente. Mas baseada nela é que vamos setar a potencia e escolher a antena ideal no cliente.
    23:40 eu: correto, a sua potencia no pop não pode varias em função do cliente
    23:41 mas o cliente pode, então você vai adequar o sinal do cliente, usando a menor potencia possivel e a antena ideal para a distancia
    ...

    Citação Postado originalmente por motacosta Ver Post
    ...
    Exemplo:
    Se você altera a potência do AP, vai alterar a recepção de todos os seus clientes uniformemente. Ou seja, se você tinha uma diferência de 20 dB entre dois clientes(Ex. -50 e -70). Se você diminui a potência do seu rádio em 3 dB (metade) essa diferença permanecerá a mesma (agorá será -53 e -73) - Os mesmos 20 dB de diferença.
    Niguem falou de abaixar a potencia do AP, estamos falando de baixar a potencia do cliente, mesmo porque se baixarmos a potencia do AP vamos diminuir nossa area de abrangencia.

    Outro fator importante é que se eu coloco uma antena de menor ganho no cliente conseguentemente ele vai "escutar" menos sendo assim dispensa a diminuição da potencia no AP. Alem dele não "gritar" para o AP o AP não irá "gritar" para ele.

    Citação Postado originalmente por motacosta Ver Post

    Outra coisa que deve-se observar é que existe a potência que o cliente recebe do AP e a potência que o AP recebe do cliente. A comucação é nos dois sentidos. Vocês tão tentando controlar que potência? A que o AP recebe do cliente ou a que o cliente recebe do AP?
    Nós queremos controlar as duas, atraves do dimensionamento correto da rede. (uso de antenas e potencias adequadas a cada distancia e situação.

    Citação Postado originalmente por motacosta Ver Post
    Acho que vocês deveriam tentar controlar as duas potências (ida e volta) e assim vocês perderiam mais tempo com esse assunto.
    A ideia é controlar as duas mesmo, mas pelo motivo contrario ao apontado por vc. Queremos ganhar tempo em não ter muita manutenção.

    O que você usa ai na sua rede para melhora do sinal??
    Última edição por rogeriosims; 29-09-2009 às 17:19.