+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão QoS no lugar de Controle de Banda???

    Pessoal, aqui na empresa vendemos planos de acordo com a banda contratada pelo cliente.
    Estes dias estivemos visitando um cliente de um concorrente nosso e ao fazer uma medição no RJNET verificamos que ele estava navegando a 4MB.
    Então a única coisa que me veio a cabeça seria a possibilidade de ele não limitar banda.
    Mas se ele não limita banda como consegue sobreviver pagando links carrísimos? Pois imagine um cliente conectado sugando toda a banda, como ficariam os demais.

    Então imaginei primeiramente que ele pode estar usando um bom QoS fazendo o filtro de conteúdo e limitando a velocidade pelo tipo de tráfego, sobrando então banda para a navegação do cliente, dando uma sensação incrível de velocidade.

    Vocês utilizam de que forma? Acham vantajoso ou é ridículo fazer desta forma?

    Obrigado a quem puder me ajudar a esclarecer esta dúvida.

  2. #2

    Padrão

    Bom, provedor de radio, entregando 4mb no cliente, praticamente impossivel, devido a restrição que existe na propria tecnologia, esse é o limite do cartão.
    O site da Rjnet, todos sabem que é um dos mais furados para se fazer esse teste, pois se o cara um proxy com cache, mesmo que não seja full, depois da primeira medição, nunca mais vc terá um resultado proximo do real, aqui cheguei a ter como resultado o absurdo de 63mb, isso mesmo, 63mb, nem rede cabeada 10/100 passa tudo isso.
    Para testar a velocidade real, faça um download de um arquivo grande, por exemplo um cd de instalação do centos no site deles, ja cheguei a fazer downloads de la a 1MB/s, ou seja 8mb, usei todo o meu dedicado hehehe, mas provei que o link atingia os 8mb.


    Citação Postado originalmente por gustavo_marcon Ver Post
    Pessoal, aqui na empresa vendemos planos de acordo com a banda contratada pelo cliente.
    Estes dias estivemos visitando um cliente de um concorrente nosso e ao fazer uma medição no RJNET verificamos que ele estava navegando a 4MB.
    Então a única coisa que me veio a cabeça seria a possibilidade de ele não limitar banda.
    Mas se ele não limita banda como consegue sobreviver pagando links carrísimos? Pois imagine um cliente conectado sugando toda a banda, como ficariam os demais.

    Então imaginei primeiramente que ele pode estar usando um bom QoS fazendo o filtro de conteúdo e limitando a velocidade pelo tipo de tráfego, sobrando então banda para a navegação do cliente, dando uma sensação incrível de velocidade.

    Vocês utilizam de que forma? Acham vantajoso ou é ridículo fazer desta forma?

    Obrigado a quem puder me ajudar a esclarecer esta dúvida.



  3. #3

    Padrão

    Pois é mas eu esqueci de explicar os detalhes... hehe

    Esse provedor atende fazendas, e para cada cliente é feito um ponto a ponto em 5.8Ghz, ou seja, a antena, RB e cartão é exclusivo para cada cliente. Então tráfego para passar tem.

    O que não entendi é como que o cara faz pra pagar o link, pois entregando banda a vontade pros clientes é dificil imaginar horarios em que não vai ficar lento.

    A única coisa que realmente pensei é que ele pode estar fazendo cache full e como o site da RJNET é bem visitado o site certamente estava no cache e foi entregue a velocidade máxima para o cliente.

    Realmente o correto para testar seria fazer o download de um arquivo, porém como eu estava só de passagem não tinha muito tempo para fazer os testes. Em outra oportunidade farei isto mesmo.

  4. #4

    Padrão

    Tenta outros testes de velocidades mais completos como:

    Numion - YourSpeed and SiteSpeed
    Teste Sua Velocidade - Medidor de qualidade da sua conexão com a internet.

    Outra dica é que se você ta entregando em 5.8, pode tbm fazer controle de velocidade direto no cartão, fora o do seu servidor, para que o cartão nao entregue em velocidade superior a contratada.

    Mais realiza outros testes, porque o teste do RJNET é muito simples, ele envia um arquivo pequeno, e dependendo do tempo que leva para enviar esse arquivo ele calcula a velocidade, o que pode esta acontecendo é que sua conexao esta boa e antes mesmo de o controle de velocidade começar a agir o arquivo já foi enviando pelo RJNET.

    Aqui já aconteceu eu liberando 1Mega para um cliente, quando ia fazer o teste, dava infinito, rsrsrsrsrsr



  5. #5

    Padrão cache full

    cache full com certeza, com squid3 até o speedtest entra na dança ....

    Citação Postado originalmente por gustavo_marcon Ver Post
    Pessoal, aqui na empresa vendemos planos de acordo com a banda contratada pelo cliente.
    Estes dias estivemos visitando um cliente de um concorrente nosso e ao fazer uma medição no RJNET verificamos que ele estava navegando a 4MB.
    Então a única coisa que me veio a cabeça seria a possibilidade de ele não limitar banda.
    Mas se ele não limita banda como consegue sobreviver pagando links carrísimos? Pois imagine um cliente conectado sugando toda a banda, como ficariam os demais.

    Então imaginei primeiramente que ele pode estar usando um bom QoS fazendo o filtro de conteúdo e limitando a velocidade pelo tipo de tráfego, sobrando então banda para a navegação do cliente, dando uma sensação incrível de velocidade.

    Vocês utilizam de que forma? Acham vantajoso ou é ridículo fazer desta forma?

    Obrigado a quem puder me ajudar a esclarecer esta dúvida.

  6. #6

    Padrão

    Mas se ele usa essa estrutura, provavelmente não deve cobrar pouco dos clientes, e muitas vezes, pode ser algum aventureiro e esta trabalhando sem controle de banda, se for esse o caso, logo logo ele vai começar a sentir dor de cabeça e muita.

    Ah, como ptp em 5.8 ai sim, passa bem mais que 4mb



    Citação Postado originalmente por gustavo_marcon Ver Post
    Pois é mas eu esqueci de explicar os detalhes... hehe

    Esse provedor atende fazendas, e para cada cliente é feito um ponto a ponto em 5.8Ghz, ou seja, a antena, RB e cartão é exclusivo para cada cliente. Então tráfego para passar tem.

    O que não entendi é como que o cara faz pra pagar o link, pois entregando banda a vontade pros clientes é dificil imaginar horarios em que não vai ficar lento.

    A única coisa que realmente pensei é que ele pode estar fazendo cache full e como o site da RJNET é bem visitado o site certamente estava no cache e foi entregue a velocidade máxima para o cliente.

    Realmente o correto para testar seria fazer o download de um arquivo, porém como eu estava só de passagem não tinha muito tempo para fazer os testes. Em outra oportunidade farei isto mesmo.