+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão rsrsrsrrs mágico setorial sera ??????

    na teoria funciona,
    é a mesma base da transmissao de radio FM, o estereo do som é criado por um
    multiplexador, ele fica intercalando o lado direito e o esquerdo na
    transmissao, é tão rapido que vc nao percebe esta alteração de canal, o FM
    transmite em um canal somente, o estereo é criado assim ( E - D - E - D - E
    - D - E - D.....)
    agora com wireless nao sei se funciona, pois será que o nego que ta no radio
    2 nao desconecta a hora que ele muda pro radio 1?
    pelo que entendi aquilo la é um multiplexador???

    http://www.geenge.com.br/sig/home/ve....php?codigo=38

    Acoplador

    T Magico

    Fundamento do TMagico

    abraço a todos eder martins
    Última edição por EderMartinstiros; 27-02-2010 às 01:23.

  2. #2
    Mikrotik inSide Avatar de luizbe
    Ingresso
    Sep 2005
    Localização
    Governador Valadares
    Posts
    1.212
    Posts de Blog
    1

    Padrão Re: rsrsrsrrs mágico setorial sera ??????

    Vou dar um UP NO seu tópico, porque fiquei encabulado com isso..

    não acredito que aquele material venha funcionar, mas se tiver alguém aqui no fórum que já usou ou vai usar, por favor..
    nos conte a decepção ou não!



  3. #3
    Eng. Telecomunicações Avatar de pkmc
    Ingresso
    May 2007
    Localização
    Foz do Iguaçu - PR
    Posts
    996
    Posts de Blog
    1

    Post Re: rsrsrsrrs mágico setorial sera ??????

    Creio que há um pouco de falta de conhecimento técnico de causa sobre transmissores, então vamos lá:
    A faixa de FM cuja frequencia é infinitamente mais baixa transmite um só cana préviamente uniplexado a nivel de entrada de audio e não RF, então neste Uniplexador o canal L e R ainda quando audio são intercalados ( hora L e hora R), em uma determinada faixa de frequência, (se Não estou enganano 32Mhz e piloto em 16Khz) então na saída se tem os dois canais de audio L e R, mixados em um só, e aí então mandados para a parte de RF do transmissor de FM. Dentro do Radio receptor tem um duplexador, que quando identifica tal frequencia começa a separar os canais de audio, se a função estéreo estiver ativada é claro e se o receptor tiver um bom sinal vindo do transmissor para que tal decodificação seja feita.
    Já na FAIXA DE MICRO-ONDAS, os AP's não são só transmissores e sim transmissores e receptores, pois a internet é uma via dupla.
    Agora dai a criar um UNIPLEXADOR nesta Faixa de frequência para mim ja com 5 amos de faculdade mais 3 de especialização acadêmica, e infinitos cursos, considero uma tarefa praticamente impossível, pra não dizer IMPOSSÍVEL.
    Creio que isso não passa de mais uma engenhosidade FURADA da Genge, especialista em cópias e projetos mal acabados !
    Ps.: Desculpem-me a franquesa, mas as vezes se houve tanto absurdo que não tem como ficar quieto!

    Só pela curiozidade vou postar abaixo a foto de um Stereo Generator para transmissores de FM.

    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         710a.jpeg
Visualizações:	117
Tamanho: 	8,6 KB
ID:      	11710
    Última edição por pkmc; 22-05-2010 às 00:23.

  4. #4
    Mikrotik inSide Avatar de luizbe
    Ingresso
    Sep 2005
    Localização
    Governador Valadares
    Posts
    1.212
    Posts de Blog
    1

    Padrão Re: rsrsrsrrs mágico setorial sera ??????

    o item em questão é o T magico do sr. gilvan,
    não acredito que funcione, mas se funcionar seria uma boa.

    so acredito vendo!



  5. #5
    Eng. Telecomunicações Avatar de pkmc
    Ingresso
    May 2007
    Localização
    Foz do Iguaçu - PR
    Posts
    996
    Posts de Blog
    1

    Padrão Re: rsrsrsrrs mágico setorial sera ??????

    Citação Postado originalmente por luizbe Ver Post
    o item em questão é o T magico do sr. gilvan,
    não acredito que funcione, mas se funcionar seria uma boa.

    so acredito vendo!
    É com certeza o TOPICO é o T-Magico que na verdade é pra ser um UNIPLEX.
    CITEI o caso da FM, pois foi levantado aqui e para que pessoas SEM CONHECIMENTO no assunto pudessem comparar e ENTENDER.
    E é ÓBVIO QUE O TAL T-MAGICO NÃO DEVE RESULTAR EM ALGO QUE PRESTE !

    Seria legal vc ler entender, principalmente APRENDER algo mais em vez de criticar.
    Ja pensou na bagagem que tenho de conhecimentos na Area de RF e transmissão?
    Muita gente ja se beneficiuou dos meus conceitos e projetos, seja inteligente faça o mesmo !
    Até a proxima parceiro !

  6. #6
    Mikrotik inSide Avatar de luizbe
    Ingresso
    Sep 2005
    Localização
    Governador Valadares
    Posts
    1.212
    Posts de Blog
    1

    Padrão Re: rsrsrsrrs mágico setorial sera ??????

    PQPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPPP!

    o tópico tem foco no T-magico e não em quem sabe mais ou menos,
    Uuuceis tão nervosinhas demais!

    nos já sabemos que FM e INTERNET são totalmente diferentes,
    todos querem saber mesmo é se esse trem funciona ou não..
    com base em testes e na engenharia..



  7. #7
    engenheiro eletricista
    Ingresso
    Nov 2006
    Localização
    Rio de Janeiro
    Posts
    182
    Posts de Blog
    1

    Padrão Re: rsrsrsrrs mágico setorial sera ??????

    Aldo está certo. Sei que o tópico não é sobre FM, mas FM estéreo não é TDM entre L e R. L e R é multiplexado via modulação AM com portadora piloto multiplexando L + R e L-R (FDM) em um pacote que depois é modulado novamente em FM numa etapa final de RF.

    Sobre o T-Mágico GEenge eu só dou credibilidade ao equipamento se vir a resposta em frequência do mesmo (isolação entre canais, etc) feito em um analisador vetorial. Um instrumento adequado. Por isso que equipamentos são homologados em laboratórios.

    Sds,

    Citação Postado originalmente por JorgeAldo Ver Post
    FM stereo

    In the late 1950s, several systems to add stereo to FM radio were considered by the FCC. Included were systems from 14 proponents including Crosley, Halstead, Electrical and Musical Industries, Ltd (EMI), Zenith Electronics Corporation and General Electric. The individual systems were evaluated for their strengths and weaknesses during field tests in Uniontown, Pennsylvania using KDKA-FM in Pittsburgh as the originating station. The Crosley system was rejected by the FCC because it degraded the signal-to-noise ratio of the main channel and did not perform well under multipath RF conditions. In addition, it did not allow for SCA services because of its wide FM sub-carrier bandwidth. The Halstead system was rejected due to lack of high frequency stereo separation and reduction in the main channel signal-to-noise ratio. The GE and Zenith systems, so similar that they were considered theoretically identical, were formally approved by the FCC in April 1961 as the standard stereo FM broadcasting method in the USA and later adopted by most other countries.[1]
    It is important that stereo broadcasts should be compatible with mono receivers. For this reason, the left (L) and right (R) channels are algebraically encoded into sum (L+R) and difference (L−R) signals. A mono receiver will use just the L+R signal so the listener will hear both channels in the single loudspeaker. A stereo receiver will add the difference signal to the sum signal to recover the left channel, and subtract the difference signal from the sum to recover the right channel.
    The (L+R) Main channel signal is transmitted as baseband audio in the range of 30 Hz to 15 kHz. The (L−R) Sub-channel signal is modulated onto a 38 kHz double-sideband suppressed carrier (DSBSC) signal occupying the baseband range of 23 to 53 kHz.
    A 19 kHz pilot tone, at exactly half the 38 kHz sub-carrier frequency and with a precisely defined phase relationship to it, is also generated. This is transmitted at 8–10% of overall modulation level and used by the receiver to regenerate the 38 kHz sub-carrier with the correct phase.
    The final multiplex signal from the stereo generator contains the Main Channel (L+R), the pilot tone, and the sub-channel (L−R). This composite signal, along with any other sub-carriers (SCA), modulates the FM transmitter.
    Converting the multiplex signal back into left and right audio signals is performed by a stereo decoder, which is built into stereo receivers.
    In order to preserve stereo separation and signal-to-noise parameters, it is normal practice to apply pre-emphasis to the left and right channels before encoding, and to apply de-emphasis at the receiver after decoding.
    Stereo FM signals are more susceptible to noise and multipath distortion than are mono FM signals.[2]
    In addition, for a given RF level at the receiver, the signal-to-noise ratio for the stereo signal will be worse than for the mono receiver. For this reason many FM stereo receivers include a stereo/mono switch to allow listening in mono when reception conditions are less than ideal, and most car radios are arranged to reduce the separation as the signal-to-noise ratio worsens, eventually going to mono while still indicating a stereo signal is being received.
    ------------------------------------------ Tirado da wikipedia

    So botei isso aqui pra não falar sozinho.

    Vejamos, isso é uma típica multiplexação por FREQUENCIA (canal soma e canal diferença ficam em pedaços diferentes da faixa).

    SE FOSSE intercalado, então seria ao longo do tempo : canal soma, canal diferença, canal soma, canal diferença...

    FDM vs TDM...

    Trocando em miudos :

    Os 250khz disponíveis para transmissão de um canal FM são separados em "pedaços" (Caracteristica tipica da multiplexação por frequencia).

    repetindo novamente : FM Stereo multiplexa os dois canais de audio na forma FDM e não TDM. (Na realidade, o transmissor cria dois canais, em um soma canal direito com esquerdo, e no outro subtrai canal direito e esquerdo, e injeta esses dois canais derivados em partes diferentes do espectro disponivel para a emissora).

    Mais uma vez : FM Stereo é um sistema FDM e não TDM...

    Bem, não tenho 5 anos de engenharia e 3 de especialização. Isso eu aprendi lendo um livrinho sobre rádio aos 5 anos de idade.

    Veja o mapa do uso da banda passante disponivel em um canal de FM Stereo (Ignorem a parte azul):
    Anexo 11713

    Lembrando que quando se fala em INTERCALAR subentende-se TDM (Multiplexação por tempo).

    Na prática, o T Mágico só serviria CASO fossem dois canais diferentes (Realmente diferentes) justamente para ocorrer uma "Multiplexação" (Tenho algumas razões para botar entre aspas) no dominio da frequencia e não do tempo.

    Se você intercalar (O que eu acho possível porem inútil) vai dividir a banda por dois. POIS A QUANTIDADE DE SIMBOLOS POR SEGUNDO EM UM CANAL É PROPORCIONAL À BANDA PASSANTE E A RELAÇÃO SINAL RUIDO.

    Agora eu não me sentiria muito feliz em fazer 5 anos de engenharia e 3 de especialização, entrar num tópico com um enorme "sujeito suposto saber" (Sou engenheiro logo estou certo), e esquecer essas minucias para se trair logo em seguida.
    Última edição por motacosta; 13-06-2010 às 16:54.