Página 1 de 6 12345 ... ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Amigos venho aki informar que pretendemos fazer uma marca para reivindicar nossos direitos em trabalhar com provedor, contra o Plano nacional de banda larga,
    deem uma olhada no topico do forum do nosso amigo Pedro Filho
    Marcha para Brasilia Contra o PNBL - MK-AUTH

  2. pra que isso?
    acho que nao vai adiantar em nada... ao contrario
    apenas piorar a situacao.

    em muitos locais, esse plano é muito bom
    principalmente naquelas localidades onde se paga mais de R$ 1000 por mb.

    ao inves de ser unir contra, pq nao se uniem para pressionar o governo a colocar regras mais claras... regras estilo o PR????



  3. Então temos que ficar esperando ver o que acontece? e quem tem menos de 100 clientes? ou quem não tem SCM, e gera emprego? vamos ficar inertes esperando, isto é o Brasil né, aceitar tudo e ainda rir, morei fora, e voltei pro Brasil, e memso assim acho que não acostumo aki ainda

  4. é a vida neh!!!
    eu nao estou pensando em min, mas sim na maioria.
    em muitos locais a situação é precaria.

    sobre linceça... quem nao tem nao poderia nem estar trabalhando.
    no minimo... uma parceria ja ajuda por algum tempo... ate conseguir se manter sozinho.

    Citação Postado originalmente por Acronimo Ver Post
    Então temos que ficar esperando ver o que acontece? e quem tem menos de 100 clientes? ou quem não tem SCM, e gera emprego? vamos ficar inertes esperando, isto é o Brasil né, aceitar tudo e ainda rir, morei fora, e voltei pro Brasil, e memso assim acho que não acostumo aki ainda



  5. Bom dia a todos os colegas do fórum, com tanta discusão sobre o assunto eu paro pra pensar se isso é viável para os provedores locais, como a Telebras nos chama !
    Sou provedor em uma das cidades comtempladas com o PNBL, tenho meus clientes e dentre eles tem aqueles que pagam a mensalidade de internet quando querem e aqueles que pagam todas as despesas mensais primeiro e por último a da internet !
    O meu provedor tem despesas como link dedicado que não é barato, energia eletrica, contador, alvará de funcionamento da prefeitura, impostos, funcionários, scm, etc ...
    Minha duvida é a seguinte: Segundo o trecho que copiei e aqui colei diz assim:
    Ele lembrou que, de acordo com o Programa Nacional de Banda Larga, os preços cobrados variarão de R$ 15 a R$ 35 por cliente, por uma velocidade mínima de 512 Kbps.
    O presidente da Telebras lembrou que os preços serão R$ 15,00 por uma conexão de 512kbps no minimo, porém, a compra do link dedicado com eles se não me engano é de R$ 230,00 o mega !
    Caros colegas gostaria da ajuda de vocês e dos universitarios para me explicarem que fantastica e fabulosa formula é esta que nos leva a crer que isso é um bom negócio ???
    É um ótimo negócio para o cliente final que terá conexão de "" graça "" para o provedor só sobra atendimento telefonico do cliente que desativou a placa de rede por engano entre outras coisas, contas a pagar inclusive o link que a Telebras poderia entregar de graça !!! Não é para beneficiar !!!
    Com tudo isso só quem vai se beneficiar são os clientes, depois a Telebras vendendo o link que chaga de graça para eles e o provedor rebola para pagar as contas !!!






Tópicos Similares

  1. Ferramenta contra SPAM
    Por rensousa no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 2
    Último Post: 12-05-2004, 09:37
  2. Técnicas contra connect-back
    Por The-shadow no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 1
    Último Post: 12-05-2004, 06:42
  3. PHP contra o novo Speedy
    Por vonlinkerstain no fórum Linguagens de Programação
    Respostas: 0
    Último Post: 15-09-2003, 16:14
  4. RpmFind contra Patentes de Software na Europa
    Por PiTsA no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 2
    Último Post: 29-08-2003, 05:59
  5. Comunidade sai em contra-ataque à SCO
    Por leonsimpai no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 2
    Último Post: 08-08-2003, 08:39

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L