Página 1 de 3 123 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Galera estava pensando em migrar minha rede para a freqüência 5.8 essa semana, ai comecei a estudar sobre os equipamentos e valores. Sou fã do ubnt, os equipamentos são ótimo de excelente acabamento, padrão que gosto, uso até algumas NS2 aqui. E sem falar do Air Control, que é uma mão na roda, por assim dizer.

    Estou tendo alguns problemas na rede do tipo largura de banda da mesma, quantidade de cliente e poluição do 2.4. Pensando nisso decidi investir no 5.8 e pensei a Airmax. Que promete transmissão de 2x2 usando as rockets com as base stations, e o throughput de +150mbps e com o airmax ativado eles só exergam quem tem airmax . Só que vendo alguns relatos no site de que a freqüência 5.8 irradia menos sinal que a 2.4 atingindo assim uma menor distancia, sem falar que as antenas 5.8 são bem menores e difícil de alinhar.

    Migrando ou adicionando uma rede toda 2.4 airmax num seria uma forma de sair da interferência sem perder o raio de transmissão? Já que o airmax é praticamente TDMA. Sendo assim usaria como cliente bullets m2 com as antenas normais, nanos M2. o valor dos bullet M2 pro M5 são os mesmo, mas o que muda são as antenas bem mais barata.

    Queria a opinião de quem entende disso NA PRÁTICA! E idéias

  2. Vc não ira "fugir" da interferencia pq usa Airmax, pelo contrario ira continuar nela, o esse é so um padrão da ubnt, a frequencia utilizada ainda é a 5.8.



  3. Oi Giangelus.

    Tanto faz usar 5.8 ou 2.4 nos dias de hoje.

    A aplicação ideal seria 5.8 para enlaces longos e 2.4 para atender clientes.

    Olha. A famosa interferência de 2.4 gigahertz é lenda na maioria dos casos. Para saber se existe interferência no canal, basta ficar atento ao noise floor dos seus rádios.
    Noise floor de -80 até -88 dB realmente é problemático.
    Noise floor de -89 até -91 dB é interferência leve.
    Noise floor de -92 até -96 é considerado irrelevante.

    Tem pessoas com diversos problemas de instalação e visada, culpando a pobre da interferência. Quando você vai ver, o noise floor é de -96 dBm (ou seja, inexistente).

    ENTÃO POR QUE O CLIENTE DESCONECTAVA EM 2.4 E PAROU DE DESCONECTAR EM 5.8?
    Simples, na maioria dos casos eliminou-se o APzinho home na torre e o USB ou PCI do cliente.
    Com rádios descentes no AP e no cliente eleva-se a qualidade da conexão bilateral. O cliente escuta o sinal do AP e o AP é capaz de escutar o cliente... Pronto, acabaram-se os problemas.

    "EU INSTALEI NANO2 EM TUDO E MINHA REDE FICOU UMA BOSTA" (quase sempre ouço isto).
    Instalar um bom rádio (independente do fabricante) não é garantia que a rede funcionará 100%, principalmente se o instalador não souber dar ajuste fino no conjunto.

    Além da falta de ajuste fino existe um monte de nó cego fazendo ataque de desassociação em 2.4 GHz porque é mais fácil e mais barato obter equipamentos nesta frequencia.

    Se tudo passar a ser 5.8, o nó cego vai comprar equipamento 5.8 GHz e continuará atrapalhando a vida dos provedores.


    COMO QUE O CARA ATRAPALHA?
    No youtube tem um monte de vídeo de "hacker wanna be" ensinando a invadir redes sem fio criptografada, mas o máximo que o bunda mole consegue fazer é a desassociação do cliente.
    Como ele não consegue passar deste ponto, ele se diverte torrando o saco e derrubando a conexão dos outros.

    Aqui no condomínio onde moro é comum o sinal variar para mais ou para menos sem motivo algum. Quando isso acontece eu rodo um sniffer wireless é BINGO lá está o rádio do idiota com o MAC do meu AP.

    Quando eles lembram que meu AP existe eu migro pra rede cabeada e fim de papo. Normalmente eu deixo um radinho cliente conectado só pro babaca pensar que está atrapalhando alguém...


    RESUMINDO A ÓPERA:
    Tanto faz usar 5.8 ou 2.4 GHz para servir clientes. Pelas características da onde de 2.4 GHz, ela é mais indicada para curtas distâncias, terrenos acidentados ou locais onde a visada está levemente obstruída por folhagem.


    COMO O AIRMAX FAZ A DIFERENÇA?
    1) Em locais onde folhagem e o relevo acidentado prejudicam a conexão, o multipath do AirMAX faz a diferença.
    2) Sumindo do radar dos "hacker wanna be". O cara tem que ter no mínimo três neurônios pra começar a atrapalhar.

    Desassociação de cliente ocorre por dois motivos:
    1- Sinal fraco (em 99% dos casos)
    2- é gerado por um corno desocupado (1% dos casos)


    Abraço,

    ZéAlves
    Última edição por granlabor; 28-11-2010 às 10:39.

  4. Cara eu sofro do mesmo problemas aqui, 2.4ghz não ta poluiido o problema é visada e equipamento de qualidade e cliente que saiba usar, hehehe

    Fora a propaganda de 5, 10 e 20 mega das operadoras locais, a primeira coisa que o cliente pergunta é quantos megaSS?

    To pensando em teste toda a rede em G e setado no data rate 18mbps para ver se consigo segurar os clientes vendendo planos de 300k, 600k e 1 mega.



  5. Esse Zé é Mara mesmo.






Tópicos Similares

  1. Respostas: 36
    Último Post: 30-07-2015, 23:00
  2. duvida entre bullet m2 ou hp
    Por marcelofoz no fórum Redes
    Respostas: 13
    Último Post: 31-01-2013, 07:16
  3. Respostas: 3
    Último Post: 09-02-2011, 14:14
  4. Respostas: 13
    Último Post: 05-09-2010, 22:07
  5. Respostas: 8
    Último Post: 20-07-2010, 09:27

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L