+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão Antes do SCM

    Olá,

    Gostaria que os senhores colocassem aqui o caminho que seguiu até sua licença própria. Ex.: Como calculou os custos e em quanto tempo recuperou o investimento (quando começou a lucrar).

    Foi possível, sendo um gatonet, tirar a licença e manter funcionando, precisou desligar ou tirou a licença para outro endereço?
    Quais sufocos passou? Valeu à pena? Se arrependeu de ter demorado a dar entrada?

    Como os senhores estão lidando com as grandes? Com a chegada da GVT como está o cenário (pergunto pois ela está perto daqui)?

    Já penso em tirar a licença a mais de um ano, ou melhor, desde que tomei conhecimento da necessidade de uma. Só não me moví porque me parece insustentável, veja:
    Alguns clientes me pedem velocidade, querem assistir vídeo em tempo real, logo após o clique, TV pela Net, enviar foto de 12MP (4-6mb~) pro orkut em menos de um minuto. Hoje o que ofereço é uma conexão estável (dentro de minha competência), sem quedas constantes (uso pppoe até por rádio), latência boa para jogos etc. Não posso oferecer velocidade, no máximo um cache full pelo squid + inComun; desliguei o burst.

    Como os senhores tem atendido à demanda sem prejudicar no horário de pico. Partindo um pouco para a parte de liderança e administração como os senhores lidam com essas situações?

    Pus o post aqui pois me pareceu mais coerente.

  2. #2

    Padrão Re: Antes do SCM

    Vamos por partes, os fins justificam os meios?

    Ser um Pseudo-ISP ao meu ver não é necessariamente um problema. A unica questão é que estando errado, você não possui mecanismos legais e jurídicos para cobrar um cliente, porém do mesmo modo que você não cobra, ele não poderá cobrar muito. Acredito que sendo legalizado você empresa e o seu cliente tem realmente uma relação comercial, pois quando não é seria uma "bacanagem" assim se dizer.
    Agora vamos para parte dois: Bom tudo depende da estrutura que você emprega, com uma boa Infra é possível oferecer com 5.8GHz até velocidades maiores que 512kbps, claro não estou entrando no mérito dos pré WiMax e das tecnologias da Motorola e Ubiquiti. Mas como você entrega uma velocidade razoável sem ter um link que garanta tal situação, sua estrutura tem redundancia, possui failover's, possui autonomia.
    Trabalhei em algumas estruturações de pequenos provedores e digo, em maioria pra não dizer quase todos não se faz investimentos pesados na sua estrutura física.
    A GVT: Não vejo a GVT, nem a OI muito menos a NET como um problema, você só tem que ter um diferencial, que seja pelo suporte, pesquisas de satisfação, fidelizações. Pense nisso, pois tem muitos clientes que preferem ter 1mb que ele tenha todo o suporte do que 20mb que além de não garantir nada, quando cai para fazer uma reclamação é uma briga.



  3. #3
    Eng. Eletricista/Eletrôni Avatar de MarceloGOIAS
    Ingresso
    Feb 2007
    Localização
    Goiânia
    Posts
    2.120
    Posts de Blog
    2

    Padrão Re: Antes do SCM

    Bom dia,

    para a Anatel não há licença (outorga) provisória em SCM: ou você tem ou você não tem. Muitos provedores obtém suas próprias outorgas em funcionamento. Porém, caso haja fiscalização poderão ser lacrados, pagarem multas e responderem por crime federal devido à operação ilegal na área de telecomunicações ("pirataria").

    O que eu costumo dizer é que "para licenciar é preciso iniciar um dia. Se não começarem nunca estarão licenciados". A Anatel demora, mais chega um dia, podem ter certeza disso.

    Além do mais estando licenciados poderão fazer publicidade para angariar novos clientes, expandirem a rede, fazerem novos acordos comerciais com operadoras e grandes clientes, dentre outras vantagens como trabalharem com tranquilidade.

    Os custos são todos parcelados: consultoria na obtenção de SCM e os valores da Anatel. Caso tenham alguma estrutura verão que obter outorga não é tão complicado. Basta um pouco de coragem para começarem. Até menos coragem do que operarem de forma ilegal. rsrs

  4. #4

    Padrão Re: Antes do SCM

    Quanto a ANATEL Marcelo, a mesma ANATEL as vezes acho que ela é omissa em relação a pirataria de sinais, principalmente de acesso a internet.

    "Além do mais estando licenciados poderão fazer publicidade para angariar novos clientes, expandirem a rede, fazerem novos acordos comerciais com operadoras e grandes clientes, dentre outras vantagens como trabalharem com tranquilidade."

    Eu acredito que a melhor propaganda ainda é boca à boca, por esse motivo que as redes 3G no Brasil ainda não emplacaram, mesmo nos grandes centros, porque os operadores não fizeram o seu dever de casa e ofereceram por anos um serviço medíocre (Tá, antes que você me jogue uma pedra, ainda é a desejar).

    Eu imagino a situação do pequeno empresário sem a licença: ele além de não ter o Link dedicado, torcer pro Velox ou similar não cair ou não ficar lento, porque não há como fazer planejamento da rede se o link não garante, ainda não pode gastar na sua estrutura porque se a ANATEL chegar e vai pode ter certeza disso. Como ele vai oferecer um bom serviço ao seu cliente final? Fica aqui a minha pergunta aos bons entendedores do UnderLinux.



  5. #5

    Padrão Re: Antes do SCM

    Araujo, vc pelo menos tem empresa registrada como provedor de acesso às redes de telecomunicações? Se não tem, esse é o primeiro passo para poder licenciar junto à anatel.
    Outra coisa, que link vc usa? Adsl ou link dedicado? Com adsl realmente você não vai poder oferecer um serviço estável e de qualidade.

    Citação Postado originalmente por fssfilipe Ver Post
    Eu imagino a situação do pequeno empresário sem a licença: ele além de não ter o Link dedicado, torcer pro Velox ou similar não cair ou não ficar lento, porque não há como fazer planejamento da rede se o link não garante, ainda não pode gastar na sua estrutura porque se a ANATEL chegar e vai pode ter certeza disso. Como ele vai oferecer um bom serviço ao seu cliente final? Fica aqui a minha pergunta aos bons entendedores do UnderLinux.
    Fssfilipe, o fato de não ter licença não quer dizer que use adsl. Para contratar um link dedicado basta ter CNPJ.

  6. #6

    Padrão Re: Antes do SCM

    Citação Postado originalmente por MarceloGOIAS Ver Post
    Bom dia,

    para a Anatel não há licença (outorga) provisória em SCM: ou você tem ou você não tem. Muitos provedores obtém suas próprias outorgas em funcionamento. Porém, caso haja fiscalização poderão ser lacrados, pagarem multas e responderem por crime federal devido à operação ilegal na área de telecomunicações ("pirataria").

    O que eu costumo dizer é que "para licenciar é preciso iniciar um dia. Se não começarem nunca estarão licenciados". A Anatel demora, mais chega um dia, podem ter certeza disso.

    Além do mais estando licenciados poderão fazer publicidade para angariar novos clientes, expandirem a rede, fazerem novos acordos comerciais com operadoras e grandes clientes, dentre outras vantagens como trabalharem com tranquilidade.

    Os custos são todos parcelados: consultoria na obtenção de SCM e os valores da Anatel. Caso tenham alguma estrutura verão que obter outorga não é tão complicado. Basta um pouco de coragem para começarem. Até menos coragem do que operarem de forma ilegal. rsrs
    Oi, Marcelo
    Quando você diz que todos os custos são parcelados é no uso de consultoria completa ou cada parte (engenheiro, anatel, advogado <- preciso de um?) parcela os custos.
    Você já encontrou um cenário em que um cidadão legalizou em funcionamento? Quando é que anatel faz a visita?
    Última edição por bjaraujo; 14-12-2010 às 13:59.



  7. #7

    Padrão Re: Antes do SCM

    Com base em suas experiências:
    Com apenas 5 mil e uma receita de R$ 1750,00 tendo 50 clientes a R$ 35,00 dá para tirar a licença com tranquilidade (financeiramente falando)?
    Desculpem não ter colocado no início do tópico: Eu posso licenciar como base o telhado de uma casa ou mesmo uma cobertura de laje?

    Grato por mais essa.

  8. #8

    Padrão Re: Antes do SCM

    Com relação à posição, deverás informar um ponto central, ou seja, aquele que receberá o link de seu provedor e fornecerá às outras bases (cujo clientes estarão conectados) e informar a localização de cada repetidora.

    Se não me falha a memória, existe restrições com relação ao raio de distância de alguns prédios, como hospitais, por exemplo. Isso, ainda se não estiver errado, é cerca de 50 metros de distância, pelo menos.

    Quando aos lugares (telhado), não creio que tenhas problema.


    De qualquer forma, é melhor consultar o sítio da própria anatel para maiores esclarecimentos.



  9. #9

    Padrão Re: Antes do SCM

    Se quiser ser uma empresa SCM precisará:
    1 - Registra-la na Junta Comercial, tendo como atividade principal o SCM e dar entrada no CNPJ e Inscrição Estadual (esse primeiro passo seu contador faz)

    2 - Registrar a empresa no CREA do seu estado tendo um responsável técnico pelas operações de telecomunicações, esse poderá ser um técnico (em: telecomunicações, redes industriais,...) ou um engenheiro (telecomunicações, eletricista, eletrônico, hardware, redes ou informática), esse deverá ter um contrato de vínculo empregatício.

    3 - Elaborar ou contratar terceiros para fazer seu projeto para dar entrada no SCM, assim como coletar toda documentação necessária, segue dica desse ponto: https://under-linux.org/f197/projeto...anatel-120153/

    4 - Após elaborado o projeto (por ti ou por terceiro) precisará de um engenheiro (telecomunicações, eletricista, eletrônico, hardware, redes ou informática) para assinar o projeto de instalação, licenciamento das estações e suas respectivas RTs.

  10. #10

    Padrão Re: Antes do SCM

    Bom dia a todos!
    Estou nessa fase de correria atras da documentação para a licença. Moro num predio alguem sabe se eu poderia montar minha central no predio se a anatel tem alguma restrição quanto a isso?
    Pois bem acrdito que a grande dificuldade de licenciar um provedor não são os gastos pois como comentado aexiste financiamento pra isso. Mas realmente é o problema de ter que montar a estrutra sem usa-la ja qua a ANATEL não te deixa trabalhar e se voce começa a organizar as coisas já chama a atenção e comesão as denuncias, enquanto o cara que usa OMINI e nao esta nem ai pra licença a não ser em pagar seu adsl fica sucegado pois ninguem repara nele.
    E como garantir banda pro cliente, vender 1Mbps sendo que os links dedicados ainda são um absurdo.
    Eu tenho o engenheiro, tenho a empresa, so me resta alguns documentos se alguem poder postar ai todos os documentos necessarios assim vou ver o que falta, postar sua experiencia quanto a essa fase é importante pra nos que queremos ser certos, poi infelismente o que vejo muito em todos os foruns é pessoas legalizadas que só criticam as duvidas dos outros quando ele diz usar adsl, logo vem a piada GATONET mas quando a um post como esse onde se esta lutando por informações necessarias para licenças alguns se omitem.
    Agora a todos que ajudam esse eu deixo aqui meu muito obrigado, acho que não preciso dizer nomes mas quem procura ja sabe quem são os que podemos contar e os que só criticam.



  11. #11
    Eng. Eletricista/Eletrôni Avatar de MarceloGOIAS
    Ingresso
    Feb 2007
    Localização
    Goiânia
    Posts
    2.120
    Posts de Blog
    2

    Padrão Re: Antes do SCM

    Bom dia,

    a Anatel não faz nenhuma restrição onde montar torres e/ou instalar antenas. Como descrevi aqui no forum "uma centena de vezes", pelo menos, quem estipula condições, ressalvas, regulamenta, etc., são as prefeituras locais, corpo de bombeiros e CREA's. Em alguns casos Infraero e Aeronáutica quando as instalações e construções estão próximas a aeroportos e campos de aviação.

    Cada "pirata" tem a sua desculpa e fica enrolando no pedido de outorga. Lembre-se: para legalizar é preciso começar de fato.

  12. #12

    Padrão Re: Antes do SCM

    Obrigado criticas e elogios são sempre bem vindos.
    Só cuidado pra não tropessar e cair, pois todos irão lembrar de seus atos.
    E antes de criticar veja os fatos relevantes.



  13. #13

    Padrão Re: Antes do SCM

    Citação Postado originalmente por MarceloGOIAS Ver Post
    Bom dia,

    a Anatel não faz nenhuma restrição onde montar torres e/ou instalar antenas. Como descrevi aqui no forum "uma centena de vezes", pelo menos, quem estipula condições, ressalvas, regulamenta, etc., são as prefeituras locais, corpo de bombeiros e CREA's. Em alguns casos Infraero e Aeronáutica quando as instalações e construções estão próximas a aeroportos e campos de aviação.

    Cada "pirata" tem a sua desculpa e fica enrolando no pedido de outorga. Lembre-se: para legalizar é preciso começar de fato.
    Muito obrigado, Marcelo. Isso já facilita bastante pois não terei inicialmente gastos pesados com estrutura física.

  14. #14

    Padrão Re: Antes do SCM

    Citação Postado originalmente por pssousa Ver Post
    Com relação à posição, deverás informar um ponto central, ou seja, aquele que receberá o link de seu provedor e fornecerá às outras bases (cujo clientes estarão conectados) e informar a localização de cada repetidora.

    Se não me falha a memória, existe restrições com relação ao raio de distância de alguns prédios, como hospitais, por exemplo. Isso, ainda se não estiver errado, é cerca de 50 metros de distância, pelo menos.

    Quando aos lugares (telhado), não creio que tenhas problema.


    De qualquer forma, é melhor consultar o sítio da própria anatel para maiores esclarecimentos.
    Obrigado, Sousa.



  15. #15

    Padrão Re: Antes do SCM

    Citação Postado originalmente por kleberbrasil Ver Post
    Se quiser ser uma empresa SCM precisará:
    1 - Registra-la na Junta Comercial, tendo como atividade principal o SCM e dar entrada no CNPJ e Inscrição Estadual (esse primeiro passo seu contador faz)

    2 - Registrar a empresa no CREA do seu estado tendo um responsável técnico pelas operações de telecomunicações, esse poderá ser um técnico (em: telecomunicações, redes industriais,...) ou um engenheiro (telecomunicações, eletricista, eletrônico, hardware, redes ou informática), esse deverá ter um contrato de vínculo empregatício.

    3 - Elaborar ou contratar terceiros para fazer seu projeto para dar entrada no SCM, assim como coletar toda documentação necessária, segue dica desse ponto: https://under-linux.org/f197/projeto...anatel-120153/

    4 - Após elaborado o projeto (por ti ou por terceiro) precisará de um engenheiro (telecomunicações, eletricista, eletrônico, hardware, redes ou informática) para assinar o projeto de instalação, licenciamento das estações e suas respectivas RTs.
    Muito obrigado, Kleber. Já estou baixando os arquivos, para esclarecer mais dúvidas e dar início.