Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Essa é pra quem entrega ip valido no cliente final.

    Existem alguns casos onde queremos repassar pro cliente ip e usando /30 perdemos no bloco 2 ip a cada entrega.

    Numa rede /30 o exemplo seria

    10.20.20.12 (network) <- perdi 1 ip
    10.20.20.13 (usavel)
    10.20.20.14 (usavel)
    10.20.20.15 (broadcast) <- perdi outro ips

    Podemos dividir em 2 redes /31 usando um edereço para o local e outro para o remoto.
    Não vou entrar em detalhes técnicos.

    R1

    /ip address
    add address=10.20.20.12/31 interface=ether1 network=10.20.20.13 broadcast=10.20.20.12

    R2

    /ip address
    add address=10.20.20.13/31 interface=ether1 network=10.20.20.12 broadcast=10.20.20.13

    O endereço de rede deve ser o ip do outro lado.

    PS: Testes executados usando mk nas duas pontas.

    Se ajudou, clique na estrelinha
    Última edição por int21; 07-01-2011 às 08:37.

  2. Cara...

    Melhor ainda eh entregar /32 usando OSPF.

    Alteração:
    Talvez eu tenha sido rápido na resposta e não notei que não era PPPoE... Mesmo assim, com algum estudo eu acho que é possível sim entregar /32 com OSPF mesmo em uma rede roteada sem PPPoE.
    Última edição por mtrojahn; 07-01-2011 às 09:07.



  3. A camada de transporte pode utilizar ips privados e na ponta do cliente vc envia o ip publico único e na classe que desejar.

    Abraço meu amigo.

  4. Isto, exatamente...

    E o OSPF facilita ainda mais a configuração e administração destas rotas já que você só tem 1 trabalho de configurar a rota "na mão" no roteador que atende estes clientes e depois disso fica propagado na área OSPF...

    Ou seja, se você tiver mais algum servidor que estes clientes tem acesso, como um servidor de email, por exemplo, ele receberá estas rotas por OSPF sem necessidade de configuração local.

    Com PPPoE + OSPF então isto é tudo transparente.



  5. Citação Postado originalmente por mtrojahn Ver Post
    Isto, exatamente...

    E o OSPF facilita ainda mais a configuração e administração destas rotas já que você só tem 1 trabalho de configurar a rota "na mão" no roteador que atende estes clientes e depois disso fica propagado na área OSPF...

    Ou seja, se você tiver mais algum servidor que estes clientes tem acesso, como um servidor de email, por exemplo, ele receberá estas rotas por OSPF sem necessidade de configuração local.

    Com PPPoE + OSPF então isto é tudo transparente.
    Beleza MTrojan

    Man eu uso OSPF, MPLS etc a tempos, sei dos beneficios e facilidades, mas a ideia aqui é ajudar aos que estam engatinhando ( a maioria compartilhadores de adsl, sem ofender ninguem em absoluto).

    Se fosse pra usar OSPF eu tinha colocado feito outro tópico, e, a bem da verdade OSPF é pra poucos, a maoiria aqui usa o bom e velho ADSL compartilhado atraz de uma NAT e "se vira nos 30" pra se manter.






Tópicos Similares

  1. Ip fixo e Hotspot na mesma RB e mesma Interface
    Por gabriel2010 no fórum Redes
    Respostas: 0
    Último Post: 31-03-2016, 13:34
  2. Respostas: 2
    Último Post: 05-03-2014, 13:00
  3. hotspot + Ip fixo na rede local
    Por leonardojrj no fórum Redes
    Respostas: 1
    Último Post: 06-05-2009, 22:00
  4. Hotspot roteando IP Fixo na máquina do cliente
    Por amarantep no fórum Redes
    Respostas: 4
    Último Post: 31-10-2008, 14:13
  5. Respostas: 1
    Último Post: 13-09-2007, 15:41

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L