Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Corporações prometem destruir redes p2p

    Uma empresa russa desenvolveu um software que diz ser capaz de impedir as pessoas de baixarem conteúdo via sistema p2p, em especial via sistema Torrent. A idéia é impedir o compartilhamento de conteúdo pirata.


    Basicamente a ferramenta se apresenta como usuário e sobrecarrega a rede causando desconexões e paralisação do sistema. A ideia é sabotar as redes p2p inviabilizando seu funcionamento.

    O aplicativo Pirate Pay começou a vida como software de gestão de tráfego para os provedores de internet. Aos poucos os desenvolvedores foram percebendo que poderiam usar o aplicativo para inundar as redes peer-to-peer com informações falsas.

    Com a potencialidade de sabotar os sistemas p2p a empresa apresentou a solução para corporações como Walt Disney, Sony Pictures e Microsoft. Segundo notícia veiculada na BBC a empresa russa teria conseguiu o apoio da Microsoft que possui projetos conjuntos com a Disney e a Sony Pictures.

    A previsão é que em alguns meses uma série de sabotagens contra as redes p2p possa inviabilizar seu funcionamento. O aplicativo já está pronto, segundo declaração da empresa russa.

    Ao que parece, existe uma boa probabilidade das gigantes do entretenimento disponibilizar a estrutura necessária para os ataques, ainda que neguem oficialmente o ato.

    A tecnologia recebeu altos elogios do presidente da Microsoft Rússia e o aplicativo Pirate Pay foi premiado com um milhão de rublos retirados de um fundo de investimento da Microsoft.

    A guerra contra a pirataria cresceu e ganhou força, agora já se fala em sabotagem e ataques tecnológicos pela internet.

    Segundo o pesquisador de segurança Richard Clayton, da Universidade de Cambridge, “A questão social da pirataria é que muita gente pensa que as ofertas legais são muito caras e não oferecem o que eles precisam, quando as fornecedoras resolverem isso, ninguém vai se dar ao trabalho de ficar mexendo em complexos aplicativos para piratear algo que se está satisfeito.”.

    Seja como for, parece que a guerra apenas está iniciando.

    Saiba mais em: http://www.bbc...

    Fonte: PiratePay

  2. "Seja como for, parece que a guerra apenas está iniciando." Não amigo, não! a guerra já iniciou a alguns anos, existe um exercito inteiro de programadores uns que se dizem "OS DONOS DA VERDADE" e que defendem as licenças, os direitos autorais, e os que não estão nem ai para isso, sem contar nos que so querem roubar dados, ou dos que so querem sacanear o sistema, e mostrar que existe N falhas, seja como for, temos que tomar um partido e defender a ideia que melhor agrada cada um. EU DEFENDO A LIBERDADE e nem estou ai para as corporações.



  3. Por mais que eles queiram blokear sempre haverá um geitinho, de enviar arquivos de outra forma.

  4. FTP. Quem não usa, não vou explicar os problemas jurídicos, caso se use este protocolo, mas depois explico.
    Última edição por biohazzard; 18-10-2012 às 09:19.



  5. Taí uma questão que acredito nunca terá uma definição. Como disse o biohazzard, cada um deve analisar suas escolhas e tomar o partido que melhor suas idéias.






Tópicos Similares

  1. Respostas: 0
    Último Post: 15-05-2008, 22:13
  2. Respostas: 9
    Último Post: 03-02-2008, 13:09
  3. saber quanto a rede p2p consome
    Por Patrick no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 11
    Último Post: 22-07-2006, 11:11
  4. Barrar acesso a redes P2P
    Por Daniels no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 26
    Último Post: 09-09-2004, 20:19
  5. Barrando rede p2p
    Por Daniels no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 6
    Último Post: 11-04-2004, 21:11

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L