Página 1 de 3 123 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Boa tarde pessoal,

    Preciso de uma ajuda urgente, nos últimos 3 meses tive 15 antenas queimadas por raios, pois moro perto de criciúma, uma região com muitos trovões.

    Lendo alguns tópicos, percebi que fio terra e nobreak não fornecem uma total proteção as antenas.

    Gostaria de saber se alguém têm alguma solução definitiva, que não deixe queimar.

    Obrigado pela atenção e desde já agradeço.

  2. (Queimou antena ou queimou CPE? Antena queimada nunca ví)

    Se tivesse "solução definitiva" os fabricantes já teriam colocado em operação, questão de concorrencia.
    ("Antigamente" a etapa de RF dos cartões queimava, tem muuuuuito EMP8602 e Orinoco com potencia baixa, hoje quase todo cartão suporta descarga de coisa tipo 14KV então isso não existe mais, foi questão de 1 fabricante implantar (Acho que começou nos XR2/5/9) que os concorrentes tiveram que correr atras)

    GERALMENTE o problema de queima de lan ocorre por descarga atmosférica proxima, tipo a 50 ou 100m, que gera um campo magnético forte nas redondezas, esse campo magnético quando atinge qualquer indutor estimula esse indutor a ponto dele transformar o campo eletromagnético em eletricidade, se tem um cabo de rede com pares trançados com 10m expostos em area alta da construção isso será suficiente pra, estimulado pelo campo magnético, produzir uns 100V por alguns milésimos de segundo, tempo suficiente pro trafo/driver da lan queimar.

    Como reduzir a indução?
    (Reduzir, NÃO acabar)

    • - Cabo blindado
    • - Cabo blindado aterrado
    • - Cabo curto (Coloque roteador com digamos 5m de cabo ethernet, e 10m de cabo RGC58, ao invez de 15m de ethernet)
    • - Adaptar centelhador no cabo ou na CPE (Um entre os pinos 1 e 2, outro entr 3 e 6, e outro entre + e -)


    E o que reduz um pouco, mas pode ser testado:

    • - Aterrar o negativo da fonte (Pinos 7 e 8 do RJ45)
    • - Adaptar varistor de 50V no cabo ou na CPE (Um entre os pinos 1 e 2, outro entr 3 e 6, e outro entre + e -)

    (Essa do varistor testei e um dia encontrei a CPE queimada, e os 3 varistores estourados, não houve descarga direta mas ela foi tão proxima que induziu tensão muito alta, porque coloquei varistores de 75V, que precisam algo beeeem acima disso pra estourar (Tipo o dobro), isso em míseros 20m de cabo sobre uma casa de 5m de altura)

    Se usar fonte POE com apenas 2 pinos (Na tomada) e aterrar o cabo de rede, pode usar aterramento simples, tipo 1 aste de 2m (Solo arenoso precisa muuuuuuito mais astes, SC pelo que eu saiba é mais barrento e terra vermelha, que precisam aterramento mais simples).

    Nobreak e estabilizador não tem nem como proteger de indução no cabo de rede... alguns tem varistores (Ultimamente estabilizadores são um engana-trouxa enorme, nenhum tem centelhador e nem mísero filtro LC, só fazem a estabilização LERDA e mal-escalonada de tensão e tem varistor, coisa extremamente inútil, tanto que só no brasil isso é popular, nas partes mais informadas do mundo ninguém é trouxa de comprar isso (Talvez 0,1% do brasileiros precisem disso (Variação lenta na rede por motores ou aparelhos grandes por perto) mas nunca que os 10% que compram precisam mesmo, estão só gerando lixo tecnológico).

    Se é queima de equipamento na sua torre lembra que aterramento pra para-raio de torre é pra... raio direto, e aterramento pra malha de cabo de rede NÃO é pra raio direto (O para-raio e o metal da torre é muito mais interessante pra um raio que um cabinho fino azul...) e sim pra diminuir o campo magnético resultante dos raios proximos, é pra jogar pra terra qualquer DDP entre gnd do cabo e a ferragem da torre. Até pode unir esses aterramentos, mas seria bom unir no chão (No pé da malha de astes) e não no alto da torre.

    No mais, UBNT queima lan aos montes mesmo então pense em outras marcas, e se for na torre estude o uso de fibra pra subir dados, e lá no alto use os cabos de rede curtos e blindados ou evite eles completamente usando soluções tipo RB435 com 4 setoriais 90° + PTP (Talvez apontado pro chão). AQUI a malha de aterramento pra uma torre de 30m é algo como 40 astes de 2m, sai muito mais barato trocar uns CI's de lan todo ano, ou usar fibra, ou usar um PTP chão<>torre via wifi.

    As solução mais barata pra minimizar é usar cabo blindado onde ele ficará exposto ou em local aberto a descargas proximas (Perturbação magnética passa parede, madeira, arvores, só é atenuada por metais, vidro, pedras maciças...).



  3. Ajudou muito Rubem! Estava lendo agora seu post, nunca tive problemas com descargas, entretanto toda minha rede são RBs com cartões, nunca utilizei Nanos para distribuir sinal. Mas vou implantar algumas medidas de aterramento, já que estamos no sul do Rio Grande do Sul, tem RBs aqui a mais de 4 anos ligadas sem problemas.

    Abraço!

  4. Respeitando toda a explanação do colega Rubem gostaria agregar algo que deve-se considerar ANTES de qualquer ação .
    A queima do radio acontece na etapa de RF ou na entrada da fonte?. Se for essa ultima o unico que precissa fazer é utilizar estabilizador em TODOS os clientes ou Nobreak em seus AP. Qualquer sobre tensão nao tem como atravesar esses equipamentos (Marca APC ou SMS) eles queimam primeiro. Se for na etapa de RF ai nao tem nada que valga, Unicamente desviar o raio para outro ponto LONGE do radio, isso significa por um para-raios , simples, porem bem aterrado a uma distancia do radio. Se voce aterrar o radio vai usar ele como para-raios e o resultado vai ser exatamento o contrario voce esperava. Enta tem que entender o conceito de para-raios. Ele nao PARA o raio, ele ATRAI o raio.
    Acavei com esses problemas em cidade do interior de Paraná tambem com muita atividade eletrica.



  5. Se está tendo RB queimada (E não é a lan da RB) então é urgente colocar aterramento, nesses casos cabo blindado não resolve porque o problema não é indução via cabo.

    Veja que umas setoriais unem o GND da RB à torre, tipo L-com, Aquario, Oiw, ou mesmo Betel, mas algumas, tipo Wavelan/Computech isolam o GND do aço da torre, situação que vale a pena testar unir o GND da RB com o aço da torre.

    Mas aí é comum descarga na rede eletrica? Estou no interior, com milhares de Km de rede rural, e isso é raro, é bem comum queimar CPE ou receptor de TV via satelite FORA DA TOMADA, no caso da CPE ao usar cabo blindado resolve, no caso da TV via satelite (Que as vezes queima porta HDMI de TV, já que o GND da TV é unido via HDMI ao GND do receptor, que via malha do cabo é unido ao aço da antena) um aterramento simples/caseiro na antena lá fora resolve (Ao invez de queimar 3x no ano queima a cada 3 anos, não resolve mas melhora). Fora que a maioria dos nobreaks que reparo vem de locais com telhado de zinco/zincaloy, ou com rede grande, e a minoria vem de locais rurais com rede eletrica exposta a raios.

    Em casa uma torre ficou sem aterramento decente (Sai caro), então quem queima todo ano é fonte chaveada, uso de US$ 10 do Ebay justa pra queimar, e ela queima todo ano. Se coloco nobreak AC antes dela quem queima é o nobreak (2 a 4 mosfets de R$ 4 cada, varios diodos ou transistores de R$ 0,20, e varias vezes o micon de R$ 60-80), então sai beeeeeem mais barato gastar US$ 10 por ano com fonte chaveada pra nobreak DC, do que 40 astes de 2m em malha (Sendo que nem tem espaço), ou que reparar nobreak AC estourado. É a teoria do boi-de-piranha (Testei varistor e centelhador pra serem sacrificados, eles queimam/estouram mas outras coisas queimam junto, a fonte ao menos posso colocar no chão em local facil de substituir).






Tópicos Similares

  1. Respostas: 2
    Último Post: 19-11-2016, 19:07
  2. Alguém tem alguma reclamação da Unitelco?
    Por amjservicos no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 2
    Último Post: 23-03-2014, 09:37
  3. Alguem tem uma solução para este problema?
    Por leilson no fórum Redes
    Respostas: 5
    Último Post: 03-04-2009, 07:51
  4. Respostas: 0
    Último Post: 23-05-2008, 19:46
  5. Qmail + Ldap alguem tem alguma apostila ?
    Por Bruno M. no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 1
    Último Post: 30-05-2005, 10:01

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L