Página 3 de 3 PrimeiroPrimeiro 123
+ Responder ao Tópico

  1. Se configurar ela com alguma coisa tosca e ridícula tipo 30dBm, usando MCS0, ela vai emitir 32,5dBm EIRP (Potência alta assim só incompetentes PRECISAM). Um smartphone com anteninha de 3dBi pode captar esse sinal a 2km de distância se não tiver obstáculo, e vai captar lá pelos -75dBm, que é sinal mais que suficiente pra MCS0!!!

    Mas... smartphones e notebooks são umas porcarias com anteninha de 3dBi mas com rádio que emite uns 12dBm, isso dá 15dBm EIRP. E... depois de 300m, esses 15dBm EIRP viram um sinal de -74dBm chegando na RB951 com antena de 2,5dBi.


    Então não importa que distância a RB951 envia sinal, não adianta NADA ter sinal ok em 2km, o que importa é a potência (EIRP) da contraparte, se for um smartphone típico vai ter alcance baixo tipo 250 a 300m mas só em data rate baixo, se usar coisa tipo MCS7 falamos em 100m sem obstáculos e com zona de Fresnel limpa.
    (E smartphone a 1,2m de altura, na altura que todo mundo segura na frente da barriga, NÃO TEM zona de Fresnel limpa, corta mais uns 20% do alcance)

    O alcance final depende muito mais de obstáculos, e da potência da contraparte (Smartphones, notebooks, tablets) do que do acess point.

    Se tiver ZERO obstáculos na frente, dá pra usar com smartphones comuns a 150m tranquilo (configurado em data rate baixo, nada de deixar no modo senhorinha leiga, conhecido como default), mas isso implicaria ter a RB951 em cima do telhado, exposta a chuva, e ela não é blindada. Então se vai deixar ela dentro de caixa hermética, ou pior, dentro de uma construção, já começa mal, com 10dBm de sinal atenuado (Tanto no TX como no RX) antes mesmo de sair pra área aberta.


    Com os 25-32dBm EIRP da RB951 o seu sinal é escaneavel a muitos quilômetros de distância se colocar ela exposta, em cima de uma torre, com 32dBm EIRP eu diria que uns 5km em smartphone, mas isso não diz nada sobre o alcance, quem está a 5km precisaria emitir sinal alto o suficiente pra chegar na RB951, e um smartphone tem 1/3 da potência necessária pra isso, literalmente um grita as perguntas e o outro sussurra as respostas, o alcance é mínimo por causa dos sussurros dos smartphones.

    (Pode entrar no setup de qualquer AP com um monte de smartphones conectados, provavelmente verá muitos chegando no AP com sinais ridículos de ruins tipo -80dBm, isso é sinal pra um throughput muito baixo (E smartphone nem consome muita coisa mesmo), mas o problema maior é o smartphone ficar caindo a conexão, o usuário noob vê os "pausinhos" de sinal e não entende que caiu conexão porque o smartphone é que não entrega "x pausinhos" de sinal pro AP, o cliente culpa o SEU equipamento por um desempenho que é ruim por causa de deficiências do equipamento DELE, se instalar isso pra terceiros tem que explicar muito bem sobre a bidirecionalidade do wifi senão ele vai vir reclamar que o produto não presta)

  2. Rubem, valeu ai a explicação, vi esse RB sem antena externa, ai não botei tanta fé. Queria um AP que atendesse 200 metros em volta com data rate de pelo menos 15 mb.




  3. Se todos os smartphones suportarem modo N, o data rate de 26M, que é MCS3, tem throughput que chega no 15Mbps que você provavelmente quer. MCS3 (26M) aceita tranquilo sinal -72dBm, lá pelos -75dBm não passa nem 5Mbps de throughput (Enquanto usando MCS2, de 19Mbps, passaria uns 7Mbps com esse sinal pelo que tenho usado).

    Mas tem MUITO smartphone básico que ainda não suporta N, e em modo G o datarate de 24M trafega uns 13-15Mbps em condições boas, eu só contaria com 15Mbps half usando o data rate de 36M em G, mas esse é um data rate onde a grande maioria dos smartphones tem potência baixa demais tipo 10 a 12dBm.

    15Mbps de throughput, em 200m rumo a um smartphone, acho que precisa um rádio MUITO parudo, que dê conta de lidar com sinais ruins tipo -80dBm que virão desse smartphone, por experiência sei que os Picostation não dão conta disso, eles sabem lidar com sinal baixo, mas garantem estabilidade mesmo sob sinal ruim, não garantem muito throughput (Num roteador comum, um sinal -80dBm vindo de smartphone dá throughput tipo 200-300kbps, e cai toda hora, enquanto no Picostation quase chegará em 1Mbps e não cai, é uma grande melhoria mas ainda é insuficiente pra o que você precisa). Unifi se sai bem melhor porque é muitos anos mais novo que Picostation, mas não medi muita coisa com eles, não sei se entrega tanto tráfego nessa distância tão grande, e o problema também é o sinal estação>acess point, todo pacote transmitido precisa ter o recebimento confirmado, quando o sinal de resposta é baixo demais ele é lento, é a situação onde o upload baixo demais atrapalha o download.

    Ah, e esses tráfegos que cito é com sinal estável. Smartphone em movimento, sendo virado pra lá e pra cá, tem sinal que varia 4 ou 5dBm, nessas condições é bem complicado garantir tráfego alto. Pra uma RB951 ou Unifi é fácil manter a conexão ativa (Não deixar cair), mas manter tráfego exigiria uma antena setorial de alto ganho, tipo uns 17dBi, pra garantir sinal alto o suficiente o tempo todo.

  4. Alguém pode dar uma dica de como configurar de modo manual o wireless dessa RB para ter um melhor desempenho?







Tópicos Similares

  1. Respostas: 2
    Último Post: 17-04-2016, 19:07
  2. Respostas: 0
    Último Post: 16-04-2014, 19:26
  3. Respostas: 19
    Último Post: 03-04-2012, 07:41
  4. Respostas: 5
    Último Post: 07-10-2011, 21:38
  5. ajuda para fazer uma rede domestica entre linux é windows
    Por guilhermeribeirocosta no fórum Sistemas Operacionais
    Respostas: 9
    Último Post: 13-06-2008, 14:15

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L