+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão Repasse de IP valido para cliente PPPoE de outra RB na rede

    Tenho um rb1036 na borda com um faixa de IP /28, preciso repassar para clientes PPPoE de outras RB's na rede. Na RB da borda publiquei o IP do cliente na Secrets e fiz um chain: dstnat - passthrough no firewall e funfou beleza, no entanto esta config não deu certo para as outras RB's na rede. O que faltou? Agradeço a ajuda. Depois de 4 anos estou de volta ao under.

  2. #2

    Padrão Re: Repasse de IP valido para cliente PPPoE de outra RB na rede

    Olhe o tópico a seguir, vai esclarecer suas dúvidas, caso não poste novamente.
    https://under-linux.org/entry.php?b=2473



  3. #3

    Padrão Re: Repasse de IP valido para cliente PPPoE de outra RB na rede

    Olá Felipe. Obrigado por tua ajuda. Foi nesse post que me inspirei e como mencionei no tópico na primeira Rb funcionou beleza e já estou repassando IP válido para um cliente. Utilizei o Exemplo 1. Agora na segunda e terceira RB's fiz as mesmas configs e não funfou. Acabei de revisar as configs na segunda e terceira Rb e percebi que não coloquei a interface do link em proxy-arp e a dos clientes em reply-only. Agora a pergunta é: Se fizer esta troca nas interfaces vou derrubar os clientes ? ou a alteração irá ter efeito somente no próximo login do cliente?

  4. #4

    Padrão Re: Repasse de IP valido para cliente PPPoE de outra RB na rede

    Amigo, você já tem ospf em sua rede?



  5. #5

    Padrão Re: Repasse de IP valido para cliente PPPoE de outra RB na rede

    não, não tenho

  6. #6

    Padrão Re: Repasse de IP valido para cliente PPPoE de outra RB na rede

    Tente usar OSPF, vai facilitar sua vida. Em grandes redes não é aconselhável redistribuir rotas conectadas, porém se a rede for pequena ou você usar filtros, da pra utilizar desse recurso. Sendo assim ativa o ospf entre seus roteadores, e deixa pra redistribuir as rotas conectadas, assim quando seu cliente logar via pppoe, o ospf se encarrega de levar ele até sua borda. Desta forma não existe necessidade de usar NAT nos AP's.



  7. #7

    Padrão Re: Repasse de IP valido para cliente PPPoE de outra RB na rede

    Você pode criar filtros negando a recepção dos prefixos /32, assim sua tabela de rotas não fica inundada de rotas vindo das conexões pppoe dos clientes. Isso causa menos flood já que sem o filtro toda vez que um cliente logar é propagado um anúncio de uma nova rota para todos os roteadores da rede. Dai a intenção é filtrar os prefixos /32 com exceção do bloco de ips válidos do amigo acima, assim o bloco dele é redistribuído pelo ospf para toda a rede no momento em que o cliente logar, e não é preciso fazer nenhuma rota estática, com exceção que ele queira entregar mais de um ip via PPPoe.

  8. #8

    Padrão Re: Repasse de IP valido para cliente PPPoE de outra RB na rede

    Olá Arthur Bernardes

    Como faço esta "sumarização de rotas PPPoE" ? Onde acho algum tutorial a respeito? Obrigado.



  9. #9

    Padrão Re: Repasse de IP valido para cliente PPPoE de outra RB na rede

    Lembrando somente que os pacotes de autenticação do PPPoE não irão trafegar em um ambiente multihop como qualquer outro tráfego IP.

    É preciso ter em mente que o roteamento ocorre na L3, e o tráfego gerado pelo cliente e servidor PPPoE é na L2 (ainda não houve uma atribuição de endereço na L3 para o cliente).

    Existem formas de repassar adiante este pacote L2, como por exemplo o pppoe-relay, mais nos testes que eu fiz, e pelo que estudei da ferramenta, funciona somente no caso de haver um único router entre o cliente e o concentrador PPPoE.

    Outras formas são empregadas para alcançar este objetivo, no caso específico do Mikrotik túneis EoIP. Em outras plataformas além do Mikrotik, como Cisco e Juniper temos opção de usar MPLS/VPLS, ou até mesmo túneis GRE.