Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Olá pessoal, bom gastaria de saber se no Roteador MikroTik RB750 é possível limitar a velocidade para 250 Kbps depois que o determinado cliente usar 1 GB no seu plano cuja sua velocidade é 1 Mbps?

    Caso seja é possível limitar por endereço MAC?

  2. Acho que só via script.

    Tem como em hotspot derrubar o cliente depois de X trafego, na criação do usuario tem a aba trafic limit, bota uns 1000000000 que depois de 1GB de trafego total ele cai.
    (Pode colocar uns 1000000000 de trafego de saída (Download), mas acho mais interessante usar o limite total (RX+TX))

    Mas pra reduzir a velocidade precisaria script pelo que sei:
    http://wiki.mikrotik.com/wiki/Limiti..._of_traffic_II

    O script pra rodar isso a cada X minutos é um, o script pra zerar isso a cada X dias é outro.



  3. Saindo da parte técnica e indo para a burocrática. Com um corte na casa dos 75%, para uma franquia de tráfego diria eu minúscula, vc estar trabalhando conforme os direitos do usuário pelas definições da Anatel?

    Eu particularmente acho muito rígido esse corte, e mais ainda a quota de banda usada como ponto de corte.

  4. Não tenho direito pelas definições da Anatel, sou usuário de pessoa física e não jurídica, compartilho a internet com 5 vizinhos meus 3 por cabo e 2 wireless, isso tem problema?



  5. O marco civíl só diz que o contrato deve informar detalhes. Não há impedimento de oferecer serviço com limites rígidos, tem plano de operadora móvel (Não apenas pra celular, os tontos oferecem esses planos com modens USB) com limite ridículo tipo 30MB (Por MES!), o marco civíl não veda isso, só o que há no art. 7º é a obrigatoriedade de informar em contrato.

    Ó os artigos:
    VI - informações claras e completas constantes dos contratos de prestação de serviços, com detalhamento sobre o regime de proteção aos registros de conexão e aos registros de acesso a aplicações de internet, bem como sobre práticas de gerenciamento da rede que possam afetar sua qualidade;

    XI - publicidade e clareza de eventuais políticas de uso dos provedores de conexão à internet e de aplicações de internet;

    Isso não é nada além do óbvio ululante, a publicidade de tudo devia ser clara, nada daqueles papinhos do malditos do marketing tipo "A partir de R$ 9,90", aí o cliente chega e descobre que por R$ 9,90 é uma plano de 256Kbps com limite de trafego de 100MB, e o plano seguinte custa R$ 49,90 com 1Mbps, mesmo que a propaganda ainda posso ser assim (Pra enganar os trouxas), os detalhes do plano precisam explicar se tem limite ou não, qual é o limite, precisa INFORMAR as excessões. É pro povão ir se acostumando a sempre olhar detalhes das coisas, o país anda muito analfabeto-funcional por isso, povo não olha detalhes, só lê o título e se baseia nele.


    Se informou em contrato que há limite de trafego de 1Gbps por mes, não há impedimento legal.
    Paises como EUA, metade da europa, australia e NZ, fazem isso, tem limites tipo 10GB em plano de 1Mbps mais barato tipo US$ 29, enquanto no plano de 1Mbps com limte de 25Gbps o custo é US$ 39, isso auxilia quem usa pouco (10GB por mes 90% dos brasileiros nunca consumiriam), é um meio muito interessante de ter menor custo pra quem usa menos, sem ser ofecerendo conexões ridículas tipo 256Kbps.

    Acho que a maioria dos provedores que fazem isso usar software de terceiros pra gerenciar tudo, via radius provavelmente. A parte de tiquetamento também, dá pra fazer via MK mas por software de terceiros é mais fácil. MK tem essas opções porque então, se é tão difícil? Porque via prompt (telnet/ssh) você pode montar scripts, ao invez de fazer via winbox monta um script, que pede nome de usuario, você preenche, ele roda na rb adicionando usuario com todas as config's do script, e só vai no winbox na hora de remover o usuario. Precisaria um software de gerenciamento só pra cadastrar ou remover usuario (Pra não precisar preencher tudo via winbox), mas esse software não precisa ficar rodando 24x7, é essa a intenção da MK com esses meios estranhos de cadastro.
    (As dslam das operadoras fazem muito ajuste assim, software roda via telnet um scripto pre-determinado, se atrasou o pagto roda outro script, se mudou de plano roda outro, a config. é feita via telnet nos roteadores, como forma de ter desempenho melhor, faz uma autenticação de entrada centralizada, mas roteia o resto sem passar tudo pela central.






Tópicos Similares

  1. Respostas: 1
    Último Post: 21-07-2016, 23:22
  2. Anúncio de blocos IP no roteador Cisco
    Por islan no fórum Cisco
    Respostas: 3
    Último Post: 07-07-2013, 23:05
  3. Mais de um HOTSPOT no mesmo Mikrotik
    Por LeopoldoMeireles no fórum Redes
    Respostas: 3
    Último Post: 22-05-2009, 22:58
  4. bloqueando cliente de se enxergar no ap mikrotik
    Por dragon1910 no fórum Redes
    Respostas: 6
    Último Post: 05-08-2008, 18:43
  5. Respostas: 7
    Último Post: 22-08-2005, 10:48

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L