+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão Polícia Federal interrompe serviço de internet em Bento Gonçalves - RS

    No momento que tava lendo essa noticia, anunciava no jornal nacional aumento de até 47 % de energia elétrica, a coisa ta ficando feia e pelo que li a empresa tinha até SCM, nesse Pais só vai pra cadeia quem da duro pra ganhar seu sustento, enquanto os "colarinho branco" ficam impunes.

    http://jornalsemanario.com.br/notici...ento-goncalves

    http://www.anatel.gov.br/Portal/docu...v_140_2006.pdf

  2. #2

    Padrão Re: Polícia Federal interrompe serviço de internet em Bento Gonçalves - RS

    Muito estranho.....

    será que foi interrompido por outros serviços? ( tv ou telefonia)????



  3. #3

    Padrão Re: Polícia Federal interrompe serviço de internet em Bento Gonçalves - RS

    Estranho mesmo,vamos ficar no aguardo de novas noticias, para saber o que realmente houve, se souber atualizo aqui.

  4. #4

    Padrão Re: Polícia Federal interrompe serviço de internet em Bento Gonçalves - RS

    Opa no aguardo, mas pelo que consta na noticia nao tinha licença.



  5. #5

    Padrão Re: Polícia Federal interrompe serviço de internet em Bento Gonçalves - RS

    estranho

  6. #6

    Padrão Re: Polícia Federal interrompe serviço de internet em Bento Gonçalves - RS

    ou a empresa possuia licença e foi cancelado,pois no site da anatel procurei autorizadas em bento gonçalves e não tem a italnet como autorizada,e agora será que possuia SVA?



  7. #7

    Padrão Re: Polícia Federal interrompe serviço de internet em Bento Gonçalves - RS

    se não ai tem coisa...

  8. #8

    Padrão Re: Polícia Federal interrompe serviço de internet em Bento Gonçalves - RS

    Ele TINHA licença.

    Foi cancelado por nao pagar TFF

    ================================================================================
    http://www.jusbrasil.com.br/diarios/...08-2014-pg-186

    ATO Nº 6.337, DE 7 DE JULHO DE 2014

    Processo n 53500.010741/2014

    Extingue, por caducidade, a autorização da ITALNET - TELECOMUNICAÇÕES
    LTDA. EPP, CNPJ nº 06.936.278/0001-51, para exploração do Serviço de
    Comunicação Multimídia, por descumprimento do disposto no § 2º do art.
    8º da Lei n.º 5.070, de 7 de julho de 1966, com nova redação dada pelo
    art. 51da Lei n.º 9.472, de 16 de julho de 1997, bem como do
    estabelecido no artigo 16 do Anexo à Resolução n.º 255, de 29 de março
    de 2001. A sanção aplicada não implica isenção de eventuais débitos
    decorrentes da autorização anteriormente expedida.

    ROBERTO PINTO MARTINS

    Superintendente
    ================================================================================



  9. #9

    Padrão Re: Polícia Federal interrompe serviço de internet em Bento Gonçalves - RS

    Boa JulianoP, ta morta a cobra, o que não dá para entende e como a empresa continuava funcionando mesmo depois de ser cancelada a autorização, e outra, com certeza foi DENUNCIA, pq a Anatel não costuma fiscalizar dessa forma, 99 % é denuncia.

  10. #10

    Padrão Re: Polícia Federal interrompe serviço de internet em Bento Gonçalves - RS

    Olha,me parece que a Anatel vai até os provedores que perderam sua SCM por falta de pagamento.

    Já atendi, faz pouco tempo, dois casos: um que perdeu por causa da TFF não paga e outro que era daquela época do pagamento de 3 x de R$3000,00. Deixou de pagar a última.

    Em ambos os casos a Anatel foi verificar se o provedor ainda existia!!

    Parece que virou procedimento.

    Aliás, tenho visto também o CREA ir. O provedor tira o CREA para obter a SCM. Depois simplesmente cancela o engenheiro e/ou deixa de pagar. Nesses casos o CREA tem ido ver se o provedor está aberto ainda!


    Fica aí o alerta do pessoal.

    Abraços
    Fabricio



  11. #11

    Padrão Re: Polícia Federal interrompe serviço de internet em Bento Gonçalves - RS

    Citação Postado originalmente por FabricioViana Ver Post
    Olha,me parece que a Anatel vai até os provedores que perderam sua SCM por falta de pagamento.

    Já atendi, faz pouco tempo, dois casos: um que perdeu por causa da TFF não paga e outro que era daquela época do pagamento de 3 x de R$3000,00. Deixou de pagar a última.

    Em ambos os casos a Anatel foi verificar se o provedor ainda existia!!

    Parece que virou procedimento.

    Aliás, tenho visto também o CREA ir. O provedor tira o CREA para obter a SCM. Depois simplesmente cancela o engenheiro e/ou deixa de pagar. Nesses casos o CREA tem ido ver se o provedor está aberto ainda!


    Fica aí o alerta do pessoal.

    Abraços
    Fabricio
    Em resumo Fabrício, se está lá cadastrado num órgão público a empresa é vista pelas autoridades. Mas se fica na clandestinidade passa desapercebida.

    Certo que a empresa precisa prestar contas das suas atividades, mas isso poderia ser feito por notificação e não por medidas tempestivas. Também não sei não houve notificação anterior. Mas o fato é que o clandestino normalmente é pego quando surge um problema qualquer. Seguidamente ouvimos relatos de denuncias que não surtiram efeito perante as autoridades.