+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Question Carregador de bateria... O que acham desse?

    Estava a procura de um sistema de energia e vi vários meios de fazer com Fonte de 24v + controlador de garga + bateria e acabei achando esse carregador inteligente segue o linkhttp://www.expertcharger.com.br/loja...er_1_ano_de_gaSegundo a loja eles tem clientes que usa 2 baterias ou + em serie e carrega normal, inclusive me falou que tem clientes que o usa para energia para provedor de internet. (Sera!!!)Sera que se colocar um controlador de carga nele poderia subsistir a fonte de 24v?O que vcs acham sera que vai funcionar?

  2. #2

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    Isso usa transformador pelo visto, ou seja, é fonte pra carregar bateria as vezes, não pra uso 24x7.

    Fonte chaveada já tem rendimento ruim, tipo 92 ou 94%, imagina transformador, que tem rendimento na casa dos 80%. Se ficar gastando 30W no equipto o consumo na entrada da fonte será de uns 38W.

    Quanta a isso carregar 2 baterias 12V em série, só se for com 2 desse! Não tem como um equipto com saída de 13,8V carregar baterias 24V. Tem algo errado na sua descrição, usar 2 baterias 12V em PARALELO tá ok.

    Quanto a bateria ideal pra isso, 6A é corrente ideal pra bateria de 60Ah. A conta é simples: 10% da capacidade da bateria é a corrente ideal. Fora do ideal existe risco MAIOR (Risco, não certeza) que desequalizar se a corrente for baixa demais, ou de matar a bateria por calor se a corrente for alta demais.

    Mas o anúncio desse carregador é muito vergonhoso, não tem dado técnico, alias, não tem nem dado comum tipo peso ou tamanho. Os poucos dados usam termos noobs tipo voltagem, amperagem ou "amper" (O que é "amper", meu Deus?).
    Dá uma olhada numa descrição decente, com caracteristicas detalhes, com os termos técnicos corretos:
    http://montel.com.br/produtos/carregador-mtret1210/
    Isso é uma fonte chaveada, internamente você ajusta a tensão de flutuação como deve ser, externamente você ajusta a corrente de carga (Ele respeita a regra de cerca de 10% da corrente). Isso é um carregador 50x melhor que esse chinfrim. Claro que o preço não é o mesmo mas não tem como ser barato. Tem um review melhor:


    Fonte com transformador em uso 24x7 é um desperdício de eletricidade grande, é fácil um trafo gastar 40% a mais que uma fonte chaveada, dependendo do caso um trafo dá uns R$ 5 a 10 a mais na conta de luz, ou seja, R$ 60 a 120 por ano, ou R$ 240 em 2 anos, a ÚNICA vantagem de trafo é tolerar melhor variações rápidas de tensão, trafo é mais rústico e em ambiente ruidoso costuma durar mais, mas em area urbana comum não costuma ter alimentação tão ruim.

    Funcionar até 12 pilhas Rayovak amarelinhas numa fonte com trafo 15V 1A funcionam, mas tem que ver desperdício de energia, durabilidade de bateria e ripple na alimentação. Pra bateria estacionária ou de gel DURAR tem que carregar na corrente (Ampergam não existe) ideal, fazer a flutuação na tensão (Voltagem não existe) ideal pra TEMPERATURA da bateria (Isso os carregadores não tem, só alguns controladores solares) e em corrente bem baixa (200mA do carregador "Expert" é meio exagerado pra bateria 12V 7Ah, mas não mata ela tão cedo, no maximo em 2 anos).

    Trate como produtos DIFERENTES uma fonte e um carregador.

    Fonte precisa tensão limpa, ripple minúsculo, tensão mais ou menos precisa.
    Carregador pode ter ripple (Na verdade se for onda dente-de-serra ou PWM como o carregador "Expert" diz ser tem uma certa vantagem), a tensão varia conforme o estágio da carga, e o carregador na verdade não precisa ficar flutuando a tensão da bateria, ele pode ser desligado quando a bateria atinge carga completa, a auto-descarga das baterias é algo tipo 1% ao mes quando muito.

    Use carregador pra carregar, e fonte pra alimentar.
    Nobreak DC geralmente tem 2 rails, 2 vias de alimentação, uma pra carregar a bateria, geralmente de corrente mais baixa, e outro rail pra alimentar o equipamento.
    Um nobreak DC de exemplo: Volt ou CCN 24V 7A. Esses 7A são a capacidade de corrente da fonte fixa em 24V que alimenta o equipamento. SEPARADO tem outro rail com capacidade de 0,7A, é capacidade ideal pra carregar 2 baterias 12V 7Ah em serie. Esse rail de 0,7A fica flutuando em uns 27,5V, e o OUTRO rail fica alimentando o equipamento com 24V. Quando acaba a eletricidade um rele ou mosfet é acionado e liga a saída DC nas baterias, de modo que a tensão das baterias vai pro equipamento.

    Essa solução de colocar carregador na bateria e fazer o consumo direto da bateria funciona, só que se a fonte tiver ripple o equipamento será alimentado com ripple, que é basicamente variação rápida na tensão, atrapalha o VRM (Modulo Regulador de tensão (Voltage, em ingles) que passa a alimentação do equipto de 12 ou 24V pra tensão que o circuito interno realmente usa, que é 2,5 a 5V (Depende do aparelho).

    Se quer menor desperdício de energia use fonte chaveada, nunca trafo. Carregador que usa fonte chaveada não falta, mas bom mesmo seria usar 1 fonte pra carga e OUTRA pra alimentar o equipamento. Ou... usar o de sempre, nobreak DC (Tem que ver se quer 24V ou 12V, você citou 24V mas mandou link de carregador 12V) ou fonte 28V + controlador solar.

    (Fonte 24V + controlador solar não costuma ser uma idéia boa, controlador solar precisa tensão de entrada 0,5 a 1V maior que a saída, se as baterias precisam chegar a 27,5V então na entrada do controlador precisaria 28 a 28,5V, e a maioria das fontes 24V industriais tem ajuste que mal chega a 27,5V, você seria obrigado a fazer flutuação em uns 26 ou 26,5V, que não aproveita 100% da capacidade das baterias)

    Alias, controlador de carga solar barato (R$ 60) costuma ter ruído por usar PWM, imagino que esse carregador "Expert" tenha o MESMO problema, você teria que colocar um filtro LC entre bateria e equipamento, que dá pra fazer dá, mas se a intenção é algo prático que não precise nada extra olhe os nobreaks DC ou a fonte Motel 24V 10A que tem plug pra bateria e opera como nobreak DC (Os nobreaks Volt e CCN tem muitas reclamações, se procurar aqui no forum vai achar um monte. Eu particularmente prefiro o projeto das VA, eles tem um modelo 24V 7A/6A, que manda 6A pra carga das baterias, ou seja, ideal pra baterias em torno de 60Ah, tipo as Freecom DF700 (50Ah nominal)).



  3. #3

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    Humm no caso a fonte de 24v sairia melhor já que o carregador não aguenta carregar as 2 baterias em serie.
    Bom vlw mestre mais uma vez pelas info, Vou dar uma olhada nesse carregador que vc mostrou.

  4. #4

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    @rubem você pode me tirar uma dúvida por favor? qual produto (flutuante)eu posso utilizar para carregar duas baterias estacionárias de 240 amperes, (24X7) para eu deixar rodando sem faltar energia. essas baterias vão sustentar um servidor delll com duas fontes redundantes de 700watts cada, 4 rbs, 4 rockets m5, um edgerouter lite, muito obrigado.



  5. #5

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    2 baterias 240A em paralelo?
    São 12V 480A. O carregador ideal seria um de 48A (10% de 480A).
    Carregador desse tamanho com flutuação não lembro nenhum, já que citei Montel eles tem esse que serve:
    http://montel.com.br/produtos/carregador-mtret1232/
    Chega a 32A.
    Com 32A seria 480/32 = 15 + 40% = 21 horas pra carga total. Até que não é ruim, carga lenta típica é 14 horas, a maioria dos nobreaks carregam a bateria interna em 16 horas, levar 21 horas com esse carregador não é um problema.

    Ou são 2 baterias em serie? Seria 24V 240A, ideal seria carregador de 24A.
    De cabeça lembro dos Batelco 24V 20A, mas olha o preço:
    http://www.leva.com.br/catalog/produ...roducts_id/511

    Se você usa nobreak isolado das baterias (Não é o nobreak que carrega as baterias) e o dinheiro está curto o jeito é usar porqueiras tipo:
    http://www.lojadomecanico.com.br/pro...sil-charger250
    Tem 10A de corrente maxima em 24V, seria 240 / 10 = 24 + 40% = 34 horas pra carga completa. Não é o fim do mundo. Mas o problema é que isso é carregador com trafo, vai desperiçar muita energia por ficar flutuando 24x7 (Trafo é pra carregar e desligar).

  6. #6

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    metre rubens vou aproveitar o topico

    o que acha dos carregadores flach , pelo que li sao bons, e funcionando em 24/7 , tem versoes de 24v 48v e ate mais

    estou querendo fazer um sistema da seguinte forma,


    1 carregador de bateria flach 12V 30AH ligado a 2 bateria de 150AH em paralelo ( 300AH) e nessa bateria ligar um inversor de 12 para 110

    o inversor preciso usar pois sao varios equipamentos de tensoes diferentes

    Carregador >> Baterias 2x150AH>>Inversor>>> equipamentos

    nesse local quase não falta energia, mais e um ponto muito critico e não posso confiar na sorte, preciso de uma solução para segurar pelo menos umas 20 horas em caso de falta.

    sendo assim essas baterias praticamente não vão ser usadas, vai ficar 99% do tempo em flutuação

    iae da certo isso ? eu acho que da , mais o que voce tem a disser?



    Baterias
    http://minhacasasolar.lojavirtualfc....50-150ah-165ah

    inversor ( obs o consumo vai girar em torno de 200W, o inversor e de 1500 pra ficar bem folgado )

    http://minhacasasolar.lojavirtualfc....nik---12v-127v

    carregador

    http://produto.mercadolivre.com.br/M...eres-o-top-_JM



  7. #7

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    @rubem pretendo ligar em paralelo, no caso, eu teria que usar um inversor para 127v? qual vc me indicaria? e obrigado por gastar seu precioso tempo com as respostas.

  8. #8

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    Citação Postado originalmente por weslly21 Ver Post
    metre rubens vou aproveitar o topico

    o que acha dos carregadores flach , pelo que li sao bons, e funcionando em 24/7 , tem versoes de 24v 48v e ate mais

    estou querendo fazer um sistema da seguinte forma,


    1 carregador de bateria flach 12V 30AH ligado a 2 bateria de 150AH em paralelo ( 300AH) e nessa bateria ligar um inversor de 12 para 110

    o inversor preciso usar pois sao varios equipamentos de tensoes diferentes

    Carregador >> Baterias 2x150AH>>Inversor>>> equipamentos

    nesse local quase não falta energia, mais e um ponto muito critico e não posso confiar na sorte, preciso de uma solução para segurar pelo menos umas 20 horas em caso de falta.

    sendo assim essas baterias praticamente não vão ser usadas, vai ficar 99% do tempo em flutuação

    iae da certo isso ? eu acho que da , mais o que voce tem a disser?



    Baterias
    http://minhacasasolar.lojavirtualfc....50-150ah-165ah

    inversor ( obs o consumo vai girar em torno de 200W, o inversor e de 1500 pra ficar bem folgado )

    http://minhacasasolar.lojavirtualfc....nik---12v-127v

    carregador

    http://produto.mercadolivre.com.br/M...eres-o-top-_JM
    Carregador Flach também é com trafo.
    Quando não informa se é chaveado ou não, ou o vendedor é leigo ou o produto é atrasado e ainda usa trafo.
    Todo os carregadores no formato dos Flach ou dos "Expert Charger" do primeiro post são com trafo, tem alça porque são pesados.

    Flach atende mais o mercado do maldito som automotivo, um mercado cheio de besta quadrada que só entende "voltagem" e "amper", produto pra esse tipo de troglodita analfabeto é geralmente um lixo em materia de eficiência, isso é um mercado PARA topeiras ignorantes então qualquer fonte com logotipo bonito e uma boa propaganda é adorada.

    Eu nunca vou defender carregador com trafo a não ser pra carga esporádiva, você carrega 1x ao mes por 15 horas e depois desliga.

    Já falei, o problema é o rendimento, trafo desperdiça muuuuuuita energia, quando se usa 24x7 é desperdício 24x7. Esse é o motivo de não ter fonte ATX ou de notebook com transformador: Seria uma idéia de jumento (Ou de baladeiro/adorador de som alto), teria rendimento tipo 40 a 70%, enquanto fonte ATX tem rendimento de 80 a 90%.

    Esse negocio de passar pra 12V e depois voltar pra 127V só se faz com consumo baixo tipo RBzinha e cia, uma fonte 18V 3A pra carregar bateria de 7Ah e alimentar equipto que consome 20W até que vai, mas pra consumo mais alto é uma bobeira gigante fazer isso! Vai desperdiçar 40% no trafo, e mais uns 20-25% no inversor, ao todo vai DOBRAR seu consumo!

    Nobreak comum opera o tempo todo com a tensão de entrada passando reto pra saída, por isso não tem problema de rendimento. Eles usam a bateria somente quando acaba a eletricidade.

    Nobreak online, dupla conversão ou senoidal opera passando de AC pra DC, e depois oscilando essa DC de forma mais limpa pra gerar uma onda senoidal limpa, só que eles não fazem isso com 12V, eles pegam os 127V AC de entrada, depois de uma retificação simples (4 diodos, uma ponte retificadora) isso vira 180V DC, e esses 180V DC é que são oscilados pra gerar a senoidal de saída, o rendimento fica nuns 85-90% mas a onda na saída é 100% isolada da entrada, só se usa isso onde há problema na rede AC ou onde a alimentação do equipto precisa ser impecável, não se usa isso pra economizar energia nem nada.

    Eu DE JEITO NENHUM recomendo esse negocio de fonte de 10A ou mais e depois um inversor, isso é desperdício gigante de eletricidade e não traz lucro nenhum! Inversor comum é quebra-galho, gera uma onda meio quadrada, o que não seria problema, só que no esforço de tentar ter algo mais senoidal eles perdem rendimento (Transformador (Dentro do inversor tem um) rende melhor com onda mais senoidal, não com quadrada ou "senoidal por aproximação"), geram ruídos aos montes, e como o formato de onda não é senoidal perfeito a medida de tensão de saída (O inversor lê a saída pra definir como será o chaveamento interno) erra feio as vezes, são aparelhos com variação real de 5% o tempo todo, variação rápida que é justamente o que atrapalha fontes chaveadas (Fonte ATX de servidor).

    O tradicional ainda é o mais eficiente: Nobreak em bateria. Se o nobreak não consegue carregar a bateria direito simplesmente isole ele via diodo e coloque um carregador só pra bateria (E se o carregador ficar ligado 24x7 use carregador com fonte chaveada, não esses produtos dos anos 40 com trafo). O nobreak opera passando a AC de entrada pra saída portanto seu rendimento é praticamente 100% (Uns nobreaks idiotas passam de 127 pra 115V, aí o rendimento é uns 95%, se a tensão no CPD for uns 120V é até BOM já que nobreak burro que acha que 127V é sobretensão não falta, produto americano? Nops... os atrasados da SMS fazem isso, passam de 127 pra 115V como se alguma fonte chaveada operasse melhor em 115V...).




    Citação Postado originalmente por RODRIGOQUATI Ver Post
    @rubem pretendo ligar em paralelo, no caso, eu teria que usar um inversor para 127v? qual vc me indicaria? e obrigado por gastar seu precioso tempo com as respostas.
    Mesma coisa da resposta acima: Recomendo NUNCA usar inversor a não ser quando acabar a eletricidade.

    É serio, nesse esquema de fonte 127Vac/14Vdc > bateria > inversor 12Vdc/127Vac é fácil ter rendimento ridículo total tipo 40%, ou seja, se os servidores gastarem 200W ao todo o consumo na entrada da fonte 12V seria 500W!!!! São 300W de desperdício, em 24 horas dá 7,2KW.h, em 30 dias dá 216KW.h na conta de luz, na minha conta dá R$ 130, mas pior, faria minha conta subir de digamos 300KW pra 400KW por mes, faria meu ICMS subir de 27 pra 30% (Ou seja, aumentaria mais uns R$ 100), isso se não gerar multa por aumento de consumo. É fácil fazer uma conta de R$ 400 subir pra 900 com uma solução dessa, tamanho o desperdício de energia.

    Numa RB ou CPE que consome 6 a 8W isso é mais tranquilo, ou num POP inteiro que consome 20W, aí essa solução acaba se igualando ao desperdício dos nobreaks burros que passam de 127 pra 115VAC, ou do desperdício de um carregador em flutuação 24x7 num nobreak (Nobreak ligado sozinho, sem nada consumindo na saída, já gasta quase 20W!), mas quando o consumo passa de uns 30W começa a desperdiçar demais, e mesmo um Atom vagabundo ou Celeron ULV gasta 50W ao todo, que dirá um servidor IBM-PC (Chutei 200W por baixo, normal de Xeon e cia é 150W de mínimo, servidor com mais HD's ou processador mais mal-feito que consome muito chega fácil em 400W).

    Se quer alimentação limpa pros servidores usa nobreak de dupla-conversão, mas como eles tem corrente de carga pequena (Só carregam em menos de 20 horas baterias pequenas de 7 a 20Ah) coloque baterias externas pra eles com um carregador próprio, e isole com diodo de 100A, desse modo o nobreak vai ter rendimento tipo 85% o tempo todo, e o carregador vai ficar sob flutuação o tempo todo com corrente DC tipo 200mA, se for sistema 24V (Nobreak dupla-conversão geralmente é 24V) o carregador chaveado sob flutuação desperdiçaria digamos 20W, que em dia dá 0,5KW.h, e no mes dá uns 14KW.h na conta, uns R$ 10 a mais na conta.


    Eu já vejo um desperdício gigante alimentando RB's, modens, ou CPE's com nobreak (Eles usam 12-24V DC, se você tem bateria pra que passar pra AC pra depois voltar pra DC?), que dirá esse desperdício descomunal de carregador > bateria > inversor. Mesmo um carregador chaveado de R$ 5 mil rende 80%, e um inversor excelente de mais R$ 4 mil rende mais 80%, ou seja, mesmo com o equipto mais caro do mundo vai desperdiçar 40% de energia, enquanto num sistema SIMPLES de nobreak com bateria externa (Com carregador isolado por diodo ou só no nobreak) o rendimento com eletricidade presente é de uns 95%. Fonte de servidor não é de açucar, elas aguentam muito bem os 127V AC do brasil, no máximo coloque filtro de linha de verdade no caminho (E DR + DPS na entrada, além de aterramento), não vejo motivo nenhum pra desperdiçar 40 a 60% de energia nesse sistema carregador>bateria>inversor, não só desperdiça energia pra caramba como a durabilidade do carregador, da bateria e do inversor seria muito baixa.



  9. #9

    Padrão

    @rubem
    Irei aproveitar para perguntar sobre um produto que vi no mercado livre. O produto é que não possui fotos internas, muito menos a descrição.
    http://produto.mercadolivre.com.br/M...ivolt-auto-_JM
    Será que isso presta?

  10. #10

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    Citação Postado originalmente por chocobama Ver Post
    @rubem
    Irei aproveitar para perguntar sobre um produto que vi no mercado livre. O produto é que não possui fotos internas, muito menos a descrição.
    http://produto.mercadolivre.com.br/M...ivolt-auto-_JM
    Será que isso presta?
    Boa pergunta.
    Eu reconheci esse logo e esse nome Gomy de transformadores que tenho, sei que eles fabricam isso a muito tempo (Não compro transformador faz uns 10 anos), mas no site gomy.com.br parece que também fabricam fontes POE e fontes chaveadas "normais", gostei da variedade deles, e não parece importação mas sim montagem local.

    O que imagino que fizeram nesse nobreak DC foi colocar uma fonte 27V 0,7A pra carregar a bateria, uma 24V 3A pra alimentar o equipto, e um conversor dc-dc 24>5V pra saída 5V 0,8A, e por rele acionar a bateria ou não.
    Imagino que seja isso porque é equipto "100-240V", só tem como ser isso se usar fonte chaveada.
    (Trafo tem um range de tensão limitado, tipo 10% a mais ou a menos, dá pra fazer seleção automatica de 127 ou 220V mas não tem como operar com trafo em QUALQUER tensão de 100 a 240V)

    Pelo portifolio da empresa eu confiaria, fabricar trafo não é difícil mas fabricar varios modelos diferentes não é pra montador de equipto pra som automotivo (Que tem sempre só 2 ou 3 modelos), pela variedade de fontes (Tensão diferentes) parece que sabem o que fazem (Tem engenheiro por tras, por isso não tem "voltagem" ou "amper" nas descrições).

    Pelo baixo preço eu ia sugerir essa:
    http://produto.mercadolivre.com.br/M...volts-3mha-_JM
    Mas essa da Gomy é ainda mais barato.
    E realmente não vejo motivo pra preço muito maior, uma fonte 24V 3A e uma 27V 1A são digamos R$ 15 a 25 cada, 2 reles dá R$ 3, um LM741 como comparador uns R$ 1 com componentes ao redor, não vejo motivo pra custar mais que R$ 200 na pior das hipóteses. Dos modelos prontos sempre preferi os VA:
    http://produto.mercadolivre.com.br/M...-276v3a07a-_JM
    Não entendo como a Volt e CCN vendem/vendiam similares por quase R$ 300.



  11. #11

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    @rubem certinho?
    Eu não entendo nada de energia, e andei comprando 2 desses carregador nobreak da volt 24V/7A. Para poucos equipamentos, é uma soluçao melhor que um nobreak com bateria, não é?

    Outra coisa, meio fora do contexto, mas vou aproveitar pra perguntar. Eu tenho um nobreak numa POP com 2 baterias de 45ah em série. No inicio chegava a durar mais de 10 horas sem energia eletrica. Isso faz uns 2 anos. Essa semana houve um problema meio grave (um caminhão derrubou um poste), e então foi um dia de varias horas sem eletricidade, e o nobreak segurou só 2 horas. Será que as baterias deterioram tão rápido assim? Ou pode ter algo errado no Nobreak?

  12. #12

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    O problema de nobreak Volt ou CCN não é qualidade da alimentação e cia, reclamo é do preço absurdo, e pelo preço exorbitante deles não deveriam ter tantas reclamções de fontes pifando (Eu mesmo já reparei muitas, sempre fonte em ambiente normal, sem raios nem nada, aquelas que queimam de bobeira, sem excessos de uso ou alimentação ruim). Ser caro mas durar ok, mas ser caro e dar problema aos montes é um problemão. Se é pra ter problemas melhor comprar nobreak barato.

    Então sim, mesmo uma fonte cara como Volt ainda é uma opção menos ruim que nobreak AC alimentando fonte "original" dos aparelhos.


    Sobre seu nobreak AC com 2 baterias 45Ah, são baterias estacionárias? Se forem automotivas você deu muita sorte de durarem 2 anos, o normal é durar 2 meses nesse uso.
    Imagino que seja um nobreak comum da SMS, Enermax, BMI, ou qualquer marca barata, eles tem um sistema de carga bem meia-boca, só mandam tensão e pronto, não são inteligentes a ponto de fazer equalização (Bateria 12V é formada por 6 celulas de 2V cada, com a bateria em 13,8V devia ter 2,3V em CADA celula, a desequalização é o seguinte: As 2 celulas perto dos polos ficam com digamos 2,4V cada, de modo que as outras celulas ficam com só 2,25V, essas celulas com 2,4V aquecem mais e portanto duram menos, a bateria depois de 2 anos "perde" capacidade nessas 2 celulas, a tensão delas cai rápido, as outras 4 celulas continuam boas mas pra nobreak o que importa é tensão, 2 celulas ruins fazem a tensão cair 4V rapidinho, inutiliza a bateria porque o nobreak não usou um sistema de carga adequado).

    Eu digo que é NORMAL um nobreak SMS fazer bateria estacionária durar menos que devia, teria que fazer a carga com corrente adequada, mas nobreak sempre tem corrente baixa. Pra 45Ah em baterias a corrente de carga devia ser 4,5A, uns nobreaks 2000VA ou mais tem essa corrente, mas alguns tem corrente de 0,5 a 0,8A, com corrente tão baixa ocorre desequalização mesmo.

    Minha internet está uma carroça, amanhã passo uns exemplos de controladores de carga que tem função de equalização e cia, função fundamental pra bateria durar mais de 2 anos, fora a compensação por temperatura (Quanto mais quente o ambiente MENOR deve ser a tensão de flutuação, nada de tensão fixa como nobreak usa).



  13. #13

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    @rubem, estou usando nobreak DC de 24V da TPNET do RJ em um pop, com duas baterias de 7A, e este aguenta duas baterias de 45A, está se saindo muito bem, já faz um mês que estão em campo, até agora tudo ok, não seria uma solução boa para provedores? este tipo de nobreak para rbs e ubiquiti que usa 24v e um nobreak grande para servidores?

  14. #14

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    Sim, TPNet é muito bem feito.

    "Problema" além do preço é ter um monte de tomada RJ45, você paga por elas então comprar TPNet mas não usar os RJ45 é desperdício de dinheiro. Ao invez de subir DC e plugar uma regua POE lá no alto da torre você tem que trazer todos os cabos ethernet até o nobreak DC (Coisa que acho desperdício de cabo, te obriga OU a fazer coisa ridícula tipo colocar cano de PVC com cabo dentro OU comprar cabo extremamente caro tipo Hercules (1 hercules blindado em 1 par de protetores de surto custa 7x mais barato que 7 cabos com 7 protetores, conta simples).

    Pra mim que as pessoas tem muita queima de lan porque ficam nisso de duzias de cabos a toa, uso RB pra ter apenas 1 (um) cabo em 3, 4 ou 5 setoriais, é só 1 lan pra queimar ou pra proteger, sendo só 1 fica bem barato também usar cabo blindado. Mas... com 4 ou 5 radios isolados são 4 ou 5 lan pra queimar, seriam 4 ou 5 cabos blindados (R$ 5 o metro, em torre de 40m vão 50m de cabo, x5 dá 250m, a R$ 5 dá R$ 1 mil só em cabo. Se fosse 1 seria R$ 250 em cabo, R$ 750 de economia! Ou seja, dá pra pagar R$ 80 em protetor de surto facilmente e ainda ter economia de R$ 670)



  15. #15

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    Aproveitando o tópico ! Carissimo Rubem oque voce me diz desta fonte ? http://sparkpower.com.br/produtos/fo...usina-60a-144v

  16. #16

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    Vish, mais uma fonte pros idiotas do som automotivo.

    Usina ao menos é chaveada, mas elas é cheio, lotada, de capacitores, som automotivo é uma coisa tão porca e ridícula que não tem consumo perene, o consumo varia de 10 a 80% em milésimo (Um maldito grave incomodando a vizinhança a 200m, atrapalhando a leitura e incentivando um brasil cada vez mais analfabeto e baladeiro), pra balancear isso tem que encher de capacitores na saída. Só que com isso a medição de tensão do chaveamento é porca (Se engana muito), os idiotas que adoram som alto em area urbana medem tensão em aberto (Sem consumo) ou confiam no voltimetro do fabricante, mas a tensão de saída com consumo é sempre muito diferente da fonte em aberto ou do voltimetro interno, é comum você ajustar esses lixos pra saída de 13,2V pra flutuar em bateria estacionária, mas a porcaria flutuar na verdade em 12,5V. Pros malditos sons automotivos esse 0,7 a 0,8V não fazem diferença, pra uma flutuação 24x7 em bateria isso reduziria bastante a vida útil das baterias.

    (E nem vou comentar esses analfas escrevendo "amper", parece padrão de fabricante que atende os analfas do som automotivo, a parte civilizada da sociedade grafa o tempo correto, ampére)

    E tem mais um problema, 60A é corrente ideal pra carregar baterias de 600A. Colocar isso em bateria de 60 a 90A é pedir pra que durem só 2 anos (Enquanto com o carregador de corrente correta (10% da capacidade nominal) durariam 4 ou 5 anos.

    Com essas fontes mandando 12 a 12,5V (Voltimetro mentiroso marcando 14V) não sei quanto tempo a menos de vida útil perderia, SUSPEITO que uma bat. estacionaria de 90Ah com uma fonte dessa de 60Ah em uso 24x7, ou seja, flutuando 24x7 em digamos 12,5V, em 1 ano perderia 50% da capacidade.

    Ter um monte de capacitores pra filtragem não é de todo ruim, mas nesse caso tem capacitores grande pra OUTRO uso, o maldito som automotivo. Pra consumo beeeeeeeem menor tipo telecom tem esse monte de capacitor atrapalha mais que ajuda, o que ajudaria seria dividir eles, colocar filtros LC em serie, mas cada um isolado por diodo do anterior. Pra telecom seria 10000X melhor que essas fontes focado no público leigo e que quer aparecer (Por isso a fonte precisa ser bonita) com som automotivo, é um mercado de merda, clientes e produtos ruins, os produtos deles são péssimos pra telecom, Usina talvez seria o menos ruim pra usar como fonte, mas pra usar tipo nobreak DC (Carrega bateria enquanto há consumo da bateria) são péssimas, só servem pra incomodar a vizinhança por 8 horas numa balada idiota lotada de acéfalos, mas pra uso 24x7 vai reduzir demais a vida útil das baterias com tensão baixa.



  17. #17

    Padrão Re: Carregador de bateria... O que acham desse?

    olá amigo Rubem, li este tópico dês do inicio, achei muito interessante e de grande valor e muita carga de conhecimento, porem muitas pessoas perguntou se este ou aquele serve, se é bom... etc... gostaria de saber se possível sugerir para nós uma lista de opções de carregadores para assim ao invés de nós perguntar se este ou aquele serve já analisaria as opções mais próxima do orçamento e necessidades de cada um, tem muitas opções nós mais leigos ficamos perdido com tantas propagandas, uma lista de alguém rico em conhecimento ajudaria muito, pensei até em ver se seria possível você fazer e vender acredito que conhecimento para isto não falta, seria uma solução para muitas questões uma pessoa com vasto conhecimento fabricando coisas que atende os companheiros da área uma vez que trabalha com isto e sabe das necessidades e possíveis soluções. como li em outro tópico que relatava sobre a eficiência dos no breaks e um fabricante se doeu e veio a ameaçar-lhe com processo, vi que falou que o mercado anceia por um com controlador para trabalhar com painel solar, em resposta do fabricante eles já falou que é projeto para o futuro, mas provedores e painéis solares existe a muito tempo assim como no breaks, porque falar em juntar as tecnologias só agora depois que vc tocou no assunto ???, se é projeto para o futuro porque expor vai que um concorrente pega a ideia e faz primeiro. bom é isto ai mais uma vez obrigado por dividir e espalhar conhecimento conosco sigo aguardando se possível as informações. mais uma vez obrigado.
    Última edição por rogermacedo; 09-03-2017 às 19:38. Razão: corrigindo nome...