Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Bom dia, Amigos.

    Estou planejando um Ponto à Ponto de 16 quilômetros atravessando o Mar.

    A dúvida é:

    - Rádio comum ou Microondas?
    - Que antenas usar?
    - Consigo transmitir um mínimo de 100 Megas?

    Alguém que tenha feito algo parecido pode me falar sobre a perda de sinal em espelho d'água?

    Agradeço!

  2. Frequência mais alta tipo 24GHz tem a vantagem de ter zona de fresnel menor, mas por outro lado quanto mais alta a frequencia mais atenua o sinal em caso de chuva ou vapor d'agua (Dias quentes, ou neblina/nevoeiro).

    Se quiser ficar em 5,8GHz posso falar pelos equiptos comerciais mais acessíveis:

    - Rocket M5 ou RB922, usando antenas DP de 30dBi: Teria sinal de -55dBm, que é suficiente por um fio pro uso de MCS15 em 40MHz. O problema de ficar por um fio é que o sinal com chuva ou vapor pode variar pouco mais de 5dBm, nessa variação o CCQ cairia demais.

    - Rocket M5 ou RB922 com uns 20dBm de potencia, usando antenas DP de 34dBi: Teria sinal de -45dBm, bem suficiente pra 40MHz em MCS15, mesmo com 5 ou 8dBm de queda em dias ruins ainda manteria o CCQ proximo a 100%, nessa situação passa mais de 80Mbps full com esse equipto pelo que já usei, não sei como é o desempenho de Rocket Titanium mas talvez chegue nuns 95-98Mbps full (Limite da porta ethernet 10/100), e imagino que chegue nuns 160Mbps half usando gigabit porque é isso que NanoBeam gigabit quase chega (80M full, 150M half), com rocket comum não ví mais que 75-80Mbps full (No medidor mentiroso de roteador), se vai operar como provedor normal precisa provavelmente uns 100Mbps half, isso ele dá conta, o limite é a porta 10/100M. Com o incomodo do espelho d'agua em uns 300% da zona de fresnel pode reduzir isso em 15%, eu imagino. Na pior das hipóteses vai ter que usar um datarate de menos pontos tipo MCS12, e ficar limitado nuns 90Mbps half-duplex (Em 40MHz).


    Agora o problema dos 5,8GHz: A zona de fresnel em 16Km é de 15m. Ou seja, a linha de visada precisaria estar 8m acima da agua. Mas... pra ter 100% de CCQ fixo e estável é bom levar em conta 300% (Trezentos) da zona de fresnel, ou seja, linha de visada uns 25m acima da agua, levando em conta ondas de 5m ou barcos poderiamos falar em torres a 30m acima do nível do mar, já que a curva da terra é 12cm por Km e 16Km dá 2m então.



    Se partir pra radio licenciado pense seriamente em 6GHz, menor a frequencia então menor a atenuação em chuva/nevoeiro, a zona de fresnel pode ser um problema, exige igual torre de quase 30m, mas não vejo isso como um sério problema, em terra o mínimo de torre que usamos em distancia grande é 30m mesmo (Mas só se usa pintura comum, não sei como é o custo de torre a prova de maresia).

    Mas isso é a teoria, agua doce aqui do interior não tem onda, nem nevoeiro, nem barco, sei lá se tem muito vapor em dia quente, me baseio mais por passar sobre mato, mato molhado detona com o CCQ quando está nuns 100% da zona de fresnel, mas se a gente vai e sobe as antenas uns 10m esses incomodo some, geralmente porque o angulo de antena tipo 30 ou 34dBi é bem fechado tipo 4º, ele não capta com alto ganho o reflexo que bate no mato/agua, quanto mais alta a torre menos sinal vai bater no chão e refletir, e no outro lado ainda menos sinal vai chegar, o efeito multi-path é minimizado, a partir de certa altura (Em 16Km eu diria que nuns 45m usando antena de 4° de abertura) o efeito desaparece por completo, por isso se aponta as antenas 1° pra cima pra ajudar, o ganho pode cair 1dBi, mas o sinal que chega por reflexo na agua/solo cai 15-20dBm, se ele ficar abaixo da sensibilidade do radio (-76dBm em MCS15) o incomodo dele é zero no CCQ, aí o único incomodo passa a ser atenuação em chuva/nevoeiro, que nessa distancia deve chegar a 8dBm em dias terríveis (Por isso sinal de -56dBm, que dá 20dB de margem acima da sensibilidade de -76dBm, é uma péssima idéia, 20dB de margem é o MÍNIMO, ou seja, mesmo sob chuva/nevoeira devia ter isso, que significa pelo menos 28dB de margem em dias normais, e -76 + 28 = -48dBm, arredonda pra -45dBm como sua meta por precaução, que dá pra conseguir isso em 16Km com equipto comercial dá, e pra evitar multi-patch é só subir as torres o suficiente. Se não der pra subir torre vai ter que usar frequencia maior com zona de fresnel menos, e antena com radome que feche o angulo pra uns 1,5 a 2°, só assim pra evitar multi-path (Reflexo), e imagino que antena licenciada custe mais caro que torre alta mesmo com tratamento ótimo anti-corrosão.



  3. Show mestre @rubem!

  4. explicação perfeita @rubem aqui utilizo 2 dish de 34 e 2 radios ac mikrotik passa 100 mb de boa 60km uma torre de 50 metros e na outra ponta um prédio de 60 metros



  5. @rubem

    Muito obrigado pela resposta, vou pesquisar sobre as tecnologias que me passaste.

    Outra Questão:
    É possível correr mais de 20 Km de fibra sem re-alimentação elétrica pelo caminho?
    Como?






Tópicos Similares

  1. Respostas: 1
    Último Post: 02-02-2014, 14:49
  2. Respostas: 17
    Último Post: 30-09-2011, 20:08
  3. ponto a ponto com 12 km sem visada "duvidas"
    Por NANDINHOUCB no fórum Redes
    Respostas: 3
    Último Post: 29-06-2011, 10:58
  4. Respostas: 4
    Último Post: 15-08-2010, 21:14
  5. Sobre o mar e que soft usar ?
    Por leonsoft no fórum Redes
    Respostas: 4
    Último Post: 18-04-2008, 11:39

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L