+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão Redundância

    boa tarde.

    tenho um enlace funcionando 100%, preciso do seguinte:

    se algum radio desse enlace parar uma redundância entraria em funcionamento e assim que for resolvido o problema do radio o enlace voltaria a funcionar como prioridade.

    em cada ponto desse enlace tenho 2 Mikrotik 2011il, qual a melhor forma de se fazer isso vlan, eoip? como eu faria essa verificação de queda do enlace para a redundância entrar? nos dois locais tenho um ip fixo.

    alguém poderia me ajudar?



    grato:

  2. #2

    Padrão Re: Redundância

    Amigo, um ospf basicovja resolveria.



  3. #3

    Padrão Re: Redundância

    Obrigado colega.
    Você teria um exemplo para me enviar ou algum material que ensina fazer essa configuração?

  4. #4

    Padrão Re: Redundância

    A configuraçao e simples, mas nao tenho turorial. Porem aki no forum mesmo tem muita coisa sobre isso, as duvidas ajudamos por aki mesmo.



  5. #5

    Padrão Re: Redundância

    Faz, bonding. Se um enlace cair, o outro segura.
    Ainda há a vantagem de aumentar a quantidade de banda que poderá passar nesse enlace.

  6. #6



  7. #7

    Padrão Re: Redundância

    Se for fazer bonding recomendo fazer no modo que deixa o outro ptp de backup, pois utilizamos o balance rr onde agrega o tráfego dos 2 ptp, e tivemos problemas com acesso a alguns sites, sites de sistemas de algumas empresas, problema com as vlans que passavam por ele, dentre outros.

  8. #8

    Padrão Re: Redundância

    obrigado aos colegas.

    com bonding posso usar 2 Ips fixo para fazer essa redundância? tenho um enlace que liga esses dois pontos funcionando uma beleza. E em cada ponto desse enlace tenho um ip fixo contratados em provedores ambos com fibra óptica. o que estou precisando e que quando esse meu enlace der problema a comunicação seja feita usando esses links contratado.


    grato:



  9. #9

    Padrão Re: Redundância

    o bonding funciona assim, voce cria uma interface bonging, e adicona as 2 interfaces do ptp como slave nele, recomendo que vc adicione 1 rede /29 em cada interface do ptp para ter acesso aos equipamentos, por ex:


    ether2 (RB 1) 172.16.1.1/29 >> Ap 172.16.1.2/29 >> Cliente 172.16.1.3/29 >> ether 2 (RB 2) 172.16.1.4/29

    adiciona o gateway nas antenas como 172.16.1.1 (RB1), após isso cria uma regra para cada equip do ptp na RB 1 para ter acesso a eles por ex:

    /ip firewall nat add action=dst-nat chain=dstnat comment="Acesso ao Radio PTP" \
    dst-address= (ip que vc acessa a RB) dst-port=8090 protocol=tcp to-addresses= (Ip do rádio) to-ports=80

    vc também tem que adicionar 1 /30 nas interfaces bonding das rbs, aqui abaixo segue um link de como fazer bonding tipo RR
    mais como vc quer pra backup usa active backup


  10. #10

    Padrão Re: Redundância

    Tá na verdade você tem 1 link de internet em cada RB, e tem um ptp interligando ambas, mas pra que exatamente vc usa este ptp ja que as RBs tem acesso a internet?



  11. #11

    Padrão Re: Redundância

    boa noite.

    Deixa explicar aos colegas a minha situação:

    tenho 2 empresas que se comunicam via esse enlace que criei, essas duas empresas usam um sistema e não podem perder a comunicação entre si. então contratei 2 links dedicados de 3mb para cada uma delas com ip fixo(loja1 - ip = 177.223.2.45 - loja2 - ip 174.76.2.34), inclusive a rede local das duas empresas estão na mesma classe de ip: 192.168.1.0/24.

    O que eu preciso é usando mikrotik, criar uma redundância usando esses ips fixo dos links dedicados para que quando esse enlace cair entrasse imediatamente evitando a perda de conexão entre essas duas empresas.

    tem como fazer isso usando bonding?
    ou alguém poderia me sugerir outra forma?


    grato:

  12. #12

    Padrão Re: Redundância

    É o que o felipeandrade55 disse ospf. Sobre outro enlace !



  13. #13

    Padrão Re: Redundância

    Então na realidade esse teu ptp está na rede 192.168.1.0/24 fazendo uma bridge entre as 2 RBs dessa empresa? tanta fechar um eoip tunnel entre esses links e fazer um bonding usando a interface do teu ptp como principal e a interface eoip como secundária no modo active backup, lembrado que para isso vc deve tirar a interface do ptp e colocar a interface bonding na bridge de ambas redes locais, pode ser que funcione, só testando pra ter certeza, porque o eoip tunnel vai ser como uma vlan ou como se tivesse um cabo diretamente ligado na tua RB, a diferença é que a velocidade vai ser de 3Mbps.

  14. #14

    Padrão Re: Redundância

    Citação Postado originalmente por SuporteClinitec Ver Post
    Então na realidade esse teu ptp está na rede 192.168.1.0/24 fazendo uma bridge entre as 2 RBs dessa empresa? tanta fechar um eoip tunnel entre esses links e fazer um bonding usando a interface do teu ptp como principal e a interface eoip como secundária no modo active backup, lembrado que para isso vc deve tirar a interface do ptp e colocar a interface bonding na bridge de ambas redes locais, pode ser que funcione, só testando pra ter certeza, porque o eoip tunnel vai ser como uma vlan ou como se tivesse um cabo diretamente ligado na tua RB, a diferença é que a velocidade vai ser de 3Mbps.
    Precisa disso tudo não.
    Como está em bridge (mesmo se não estivesse, é sempre melhor fazer as coisas na camada mais baixa possível), dá para resolver com RSTP.
    Não tenho certeza, mas acho que basta colocar os dois PTPs em uma bridge nos dois lados, e ativar o RSTP nesse bridge. Apenas uma interface vai ser a "designated port", então vai usar um PTP, e quando ele cair, muda rapidamente para o outro.



  15. #15

    Padrão Re: Redundância

    Utilizar o Spanning-Tree é uma boa opção, mais creio que ele funcione só na camada 2, como a redundância dele é via Ip tunnel pode ser que não funcione bem, a não ser que esta empresa que te fornece o link consiga te fornecer uma vlan entre as 2 pontas, ai vai funcionar por estar na camada 2.

  16. #16

    Padrão Re: Redundância

    Citação Postado originalmente por SuporteClinitec Ver Post
    Utilizar o Spanning-Tree é uma boa opção, mais creio que ele funcione só na camada 2, como a redundância dele é via Ip tunnel pode ser que não funcione bem, a não ser que esta empresa que te fornece o link consiga te fornecer uma vlan entre as 2 pontas, ai vai funcionar por estar na camada 2.
    Ah sim. Pelo que ele disse no post #8, eu tinha entendido que há um enlace entre 2 RBs, e em cada RB há um link, e era nesse enlace que ele desejava fazer a redundância (talvez um PTP duplo...).

    Se as duas RBs não estão fisicamente conectadas, não tem como fazer redundância da conexão à Internet!
    Só essa semana já vi uns 5 posts aqui no fórum e no Facebook sobre redundância nesse cenário. Não vai nem se quer haver comunicação entre as 2 RBs se a conexão à Internet de uma delas ficar indisponível, quanto mais fazer redundância.



  17. #17

    Padrão Re: Redundância

    bom dia,

    fiz usando a dica do TsouzaR, fiz os testes. paro o enlace principal a o eoip entra belaza, mas quando ligo novamente o enlace não sai da redundancia.

    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         eoip.png
Visualizações:	40
Tamanho: 	155,5 KB
ID:      	59275

    Obrigado a todos, estou fazendo testes nas dicas dos colegas e vou postando os resultados, se alguém tiver mais alguma ideia me passa por favor.

  18. #18

    Padrão Re: Redundância

    Citação Postado originalmente por joseluiz Ver Post
    bom dia,

    fiz usando a dica do TsouzaR, fiz os testes. paro o enlace principal a o eoip entra belaza, mas quando ligo novamente o enlace não sai da redundancia.

    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         eoip.png
Visualizações:	40
Tamanho: 	155,5 KB
ID:      	59275

    Obrigado a todos, estou fazendo testes nas dicas dos colegas e vou postando os resultados, se alguém tiver mais alguma ideia me passa por favor.
    Ao adicionar a porta à bridge, há um atributo chamado "Priority". Tente aumentar o valor desse atributo na porta que você quer que seja o link principal. Faça isso em ambos lados e teste.