+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão Como melhorar esse enlace 5.8Ghz

    Boa noite, tenho um enlace com aproximadamente 2Km, os testes de banda da ubiquiti mostram resultados bons, porém na realidade fica outra coisa, vou postar para vocês algumas imagens de como está o enlace. Estou utilizando uma Rocket M5 com dish de 30dBi para TX, e para RX uma bridge de 25dBi, se eu trocasse essa bridge melhoraria? Agradeço as dicas e seguem as imagens. P.S.: Em um enlace de 2Km com 2 Rocket M5 e 2 Dish de 30dBi, deveria está passando quantos Mbps na real? Grato!
    Segue imagens dos testes de banda das rbs.

    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         bridge 1.jpg
Visualizações:	210
Tamanho: 	98,7 KB
ID:      	59912Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         rocket 1.jpg
Visualizações:	168
Tamanho: 	78,3 KB
ID:      	59913Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         testes rbs.jpg
Visualizações:	185
Tamanho: 	183,3 KB
ID:      	59914Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         testes velocidades rocket.jpg
Visualizações:	129
Tamanho: 	109,9 KB
ID:      	59915

  2. #2

    Padrão Re: Como melhorar esse enlace 5.8Ghz

    Amigo a melhor forma de melhorar de melhorar elance é colocando um par de APC 5m, ou um par de RB 912.



  3. #3

    Padrão Re: Como melhorar esse enlace 5.8Ghz

    Amigo, baixa a largura do canal pra 20Mhz, não coloque muita potência nos rádios(Baixe a ponto de seu sinal ficar em torno de -60, -62) e tenta usar frequência acima de 5.800. Vai trocando a frequência sempre em 20Mhz e testando a quantidade de banda que está passando.
    Assim vc acaba encontrando o canal ideal pra seu enlace.

    Nesse enlace se você tiver uma zona de fresnel 100% e pouca interferência, vai passar mais de 100MB.

    Obs: Eu particularmente não vejo diferença com airmax ativo. Por isso nem uso!

    Abraço!

    ..::Se fui útil clica na *::..

  4. #4

    Padrão Re: Como melhorar esse enlace 5.8Ghz

    Olha pelo lado da margem de sinal:
    MCS15 tem sensibilidade lá pelos -76dBm, tanto em Rocket como em NanoBeam ou NanoBridge. Tá no datasheet, olha lá pra conferir.

    Uma boa margem de sinal pra 64QAM é MAIS de 20dBm.
    -76 + 20 = -56dBm.
    Ou seja, o mínimo pra ter 100% de CCQ em MCS15 seria -56dBm. Mas você tem -1dBm a menos que o ideal, tem -57dBm.

    DESPERDIÇAR 40MHz de espectro pra tão pouca banda não tem motivo, reduza isso pra 20MHz, assim vai poluir menos.
    Se usar MCS12 aí sim poderá ter sinal -60dBm e ter 100% de CCQ, mas se quiser ficar em MCS13, 14 ou 15 procure ter sinal pelo menos 20dBm acima da sensibilidade (A função desse dado no datasheet é ser consultado, dado tipo atenuação fora do canal não estão no datasheet porque não tem utilidade pro usuário final, mas a sensibilidade tem, 20dBm de margem é o mínimo pra ter 100% de CCQ)

    E não se engane com o signal strenght, o que vale é o sinal de cada chain (Polarização).



  5. #5

    Padrão Re: Como melhorar esse enlace 5.8Ghz

    Envie sem compromisso neste link os dados que iremos auxilia-lo :

    http://conteudos.clickmobile.com.br/consultores

    Att

    Alexandre Volpe

  6. #6

    Padrão Re: Como melhorar esse enlace 5.8Ghz

    Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Olha pelo lado da margem de sinal:
    MCS15 tem sensibilidade lá pelos -76dBm, tanto em Rocket como em NanoBeam ou NanoBridge. Tá no datasheet, olha lá pra conferir.

    Uma boa margem de sinal pra 64QAM é MAIS de 20dBm.
    -76 + 20 = -56dBm.
    Ou seja, o mínimo pra ter 100% de CCQ em MCS15 seria -56dBm. Mas você tem -1dBm a menos que o ideal, tem -57dBm.

    DESPERDIÇAR 40MHz de espectro pra tão pouca banda não tem motivo, reduza isso pra 20MHz, assim vai poluir menos.
    Se usar MCS12 aí sim poderá ter sinal -60dBm e ter 100% de CCQ, mas se quiser ficar em MCS13, 14 ou 15 procure ter sinal pelo menos 20dBm acima da sensibilidade (A função desse dado no datasheet é ser consultado, dado tipo atenuação fora do canal não estão no datasheet porque não tem utilidade pro usuário final, mas a sensibilidade tem, 20dBm de margem é o mínimo pra ter 100% de CCQ)

    E não se engane com o signal strenght, o que vale é o sinal de cada chain (Polarização).
    @rubem, desculpe a pergunta mas onde encontra esses valores tipo: 64QAM ? Essa questão da margem de sinal também, tipo: 20dBm de margem, esse por acaso é o campo: Cross-pol Isolation = 20dB Minimum que vejo no datasheet do nano loco m5 por exemplo ? Abraço.



  7. #7

    Padrão Re: Como melhorar esse enlace 5.8Ghz

    64QAM é o tipo de modulação que usa um sistema de 64 pontos, MCS5, 6 e 7, assim como MCS13, 14 e 15 usam esse tipo de modulação.

    Num sistema de modulação por quadratura com apenas 16 pontos, a nitidez de cada ponto com sinal baixo é maior, a modulação 16QAM é usada em MCS3 e 4 (Ou em MCS11 e 12, que não apenas MCS3 e 4 em 2 chains). A sensibilidade de MCS3 ou 4 é maior (E o SNR mínimo é menor) por isso, é como se estivesse transmitindo letras pra você, uma a uma, numa resolução maior. Experimenta colocar um texto com fonte 16 numa tela 1360x768 de 15" e tentar ler ela a 3m de distancia, é impossível. Mas se reduzir a resolução da tela pra 640x480 vai conseguir ler, apesar de caber menos texto (De cada vez) na página o "alcance" dessa resolução baixa é maior.

    Como saber qual MCS usa qual modulação? Há um padrão, definido pela IEEE, é o 802.11n ou AC, as modulações e datarates são:
    http://mcsindex.com/

    Agora voltando a margem de sinal: Complicado expor material sobre isso, se sobre SNR já há muita controvérsia, imagina sobre margem. O link do fórum da UBNT é o pouco achável facilmente no google, mas já ví em wiki da UBNT citações sobre recomendar margem de 20dBm em ptp distante.

    Digamos que a tabela empírica que sigo é mais ou menos assim:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         margin.gif
Visualizações:	108
Tamanho: 	16,1 KB
ID:      	60027
    12dBm de margem até 2 milhas (~3Km), acima disso aumenta até chegar em 50dBm de margem em 50 milhas (~80Km). Mas isso é pra 100% de CCQ. Em 20Km seria segundo a tabela uns 20dBm, e realmente com 18dBm de margem tive CCQ de 98%, subindo a potencia em 3dBm a margem foi pra 20dBm e o CCQ fixou em 100%, teste empírico que sempre recomendo que seja realizado.

    Esse tipo de margem também é citado por exemplo aqui:
    http://mayo.nuvisions.net/ubnt_link/

    Ficar com sinal abaixo da margem teórica significa o que? Significa não obter todo o throughput que o datarate permite. Num PTP curto com sinal -60dBm você consegue 80Mbps em MCS15, mas noutro PTP, dessa vez bem distante, mesmo com -55dBm de sinal mal consegue 50Mbps, troca por antenas maiores e voilá, o throughput sobe, não dá pra botar a culpa nas antenas (Efeito multipath sim, mas nem sempre o angulo das antenas é tão diferente), tem que ver o nível de sinal nos 2 casos. PTP de 30Km com 35Mbps em MCS12, com sinal -55dBm, tem, passando pra MCS13 o throughput cai pra 30Mbps. Já em apenas 5Km com esses -55dBm dá pra usar MCS15 tranquilamente, até em 40MHz, e ter o limite da porta ethernet, quase 100Mbps, com o mesmo radio e antena.

    Dá pra relacionar margem (sinal versus sensibilidade) com SNR (Relação sinal-ruído), sobre SNR existe muito mais conteúdo na web, ainda assim as tabelas sobre SNR mínimo pra ter 100% de CCQ são variadas, pra mim a que bate com o empirismo é essa:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         SNR-table.jpg
Visualizações:	250
Tamanho: 	40,2 KB
ID:      	60028
    (Ou http://b2bchannelblog.com/wp-content.../SNR-table.jpg , pra não achar que sou eu que invento esses dados do nada)

    Ruído em -80dBm (Ruído altíssimo), se colocar a necessidade de 32dB de SNR, -80 + 32 = -48dBm de sinal necessário em MCS15 pra que o ruído não distorça modulação.

    Porque isso ocorre? Porque em datarate mais alto você tem mais pontos na constelação. Ó um exemplo da dificuldade de você discernir sobre qual ponto quadrante um sinal se refere:
    http://www.wirelesstrainingsolutions...s_10db_640.png

    Na esquerda você tem nitidamente 4 pontos, quad-psk, você consegue definir certinho sem nenhum erro em qual quadrante cada ponto de sinal está. Na direito não dá, precisa um SNR muito mais alto pra conseguir legibilidade, SNR tipo:
    http://www.wirelesstrainingsolutions...s_15db_640.png

    Mas ainda assim tem erros de leitura, não porque um ponto de um quadrante está perto demais do outro, mas porque ele está longe do ponto onde ele deveria estar. Com SNR PERFEITO cada ponto fica dentro do seu círculo, e não há erro na leitura dos pacotes, zero perda, 100% de CCQ, e então obviamente você consegue todo o throughput que o datarate permite, seria com SNR alto assim:
    http://www.wirelesstrainingsolutions...s_30db_640.png
    Todos os pontos dentro de um círculo pequeno, definição total, sem chance do chipset não conseguir identificar corretamente cada ponto desse.

    Pra entender melhor talvez isso explique melhor:
    http://www.wirelesstrainingsolutions...Per%20SNR.html

    (Está em ingles? Está, mas estamos falando em wireless, wifi, datarate, ubiquiti, hardware, chipset, ethernet, lan, internet, switch... azar de quem acha que vai conseguir conteúdo em PT_BR sobre assuntos desse tipo)

    Essas imagens saíram de:
    http://www.wirelesstrainingsolutions...scuss.php?d=13
    http://www.wirelesstrainingsolutions...scuss.php?d=14
    http://www.wirelesstrainingsolutions...scuss.php?d=15
    http://www.wirelesstrainingsolutions...scuss.php?d=16



    Quanto a isolamento entre polarizações (cross-pol isolation), é bem outra coisa, é simplesmente a atenuação dada a sinal que chega numa polarização. Se pegar uma antena de grade de 20dBi, na vertical, ela pega um sinal transmitido por outra antena na vertical, sinal que no ar em -70dBm e passa ele pra -50dBm (Dá 20dB de ganho, por isso 20dBi). Mas se o sinal foi transmitido por uma antena na horizontal, ele chega "de lado" com relação ao elemento ressonante, se o isolamento entre polarizações é de 20dB nessa antena, o ganho dela na polarização virada será de 0dB, ou seja, essa antena vai pegar esse sinal não em -70dBm, como ele está virado ele chegará no elemento como -90dBm (20dB a menos), a antena vai dar 20dBi de ganho e o sinal será entregue no cabo em -70dBm.

    Tendo 2 polarizações na antena é a mesma coisa, o elemento na polarização vertical vai receber o sinal que chegar na vertical uns 20dB menor, por isso chamam de "isolamento". Algumas antenas tem isolamento ruim tipo esses 20dBm, outras tipo os dish e direcionais decentes tem isolamento entre polarizações de 35dBm, ou seja, um sinal na vertical vai chegar na vertical como -50dBm, mas no elemento na horizotal ele será lido como -85dBm (35dBm menor, 35dB de "isolamento"). Antena porcaria tipo omni de 3dBi tem isolamento entre polarizações mínimo, tipo 5dBm, por isso se virar o notebook de lado a conexão com seu roteador de mesa não cai, geralmente quanto maior o ganho da antena, maior será o isolamento a sinais na outra polarização (Um antena de disco de 34dBi tem isolamento de 35dB, só a título de exemplo).

  8. #8

    Padrão Re: Como melhorar esse enlace 5.8Ghz

    [email protected],
    + uma aula.
    Valeu



  9. #9

    Padrão Re: Como melhorar esse enlace 5.8Ghz

    @rubem, obrigado pela aula, muito bem explicado, valeu abraço.