Página 2 de 2 PrimeiroPrimeiro 12
+ Responder ao Tópico



  1. #21
    Avatar de infor3
    Ingresso
    Mar 2013
    Localização
    Piedade de Ponte Nova e Região
    Posts
    527

    Padrão Re: Usar uma Bateria para 2 nobreak

    o consumo na bateria é de 5Ah, eu tenho um servidor ligado a esse nobreak

  2. #22

    Padrão Re: Usar uma Bateria para 2 nobreak

    como que ficaria para ligar 1 nobreak de 24v, 1 nobreak de 12v, 2 painel solar 12v,

    qto ao diodo, vc mencionou que liga em chuveiros ? como assim ?



  3. #23

    Padrão Re: Usar uma Bateria para 2 nobreak

    Você quer ligar um nobreak 12V e um 24V no mesmo conjunto solar 24V?

    Não vai prestar.

    O que funciona perfeitamente é isso:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         nobreak.solar.24V.jpg
Visualizações:	111
Tamanho: 	69,7 KB
ID:      	63029

    Mas o jeito de colocar nobreak 12V na estória seria fazendo isso:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         nb2.jpg
Visualizações:	116
Tamanho: 	90,1 KB
ID:      	63028
    E isso não presta, a bateria da esquerda acabaria rapidinho, ia reduzir a tensão do conjunto todo e o controlador solar ia desligar o nobreak 24V enquanto a bateria da direita ainda tiver mais da metade da carga.

    Controladores e nobreaks se baseiam na tensão, se você derruba a tensão do conjunto de baterias, eles não sabem se reduzir a tensão só em 1 bateria ou em todas, esse sistema não tem como funcionar bem, é uma ideia péssima.


    Sobre diodo em chuveiro, é simples, em AC (Tensão da tomada) você tem uma onda completa indo até o chuveiro, hora que coloca um diodo no meio do caminho, em série com um dos 2 fios do chuveiro, só vai passar o positivo, só metade da onda passa. Se o chuveiro é de 2200W, colocando o diodo no caminho da rede AC vai passar só metade da tensão, a resistência do fio ainda é a mesma, a tensão caiu, a corrente não aumenta, então na prática o consumo cai pra uns 1100W e a água aquece bem menos.

    Dá praticamente na mesma que usar resistência 220V em rede 127V, esquenta pela metade.

    Desses diodos de 95A dá pra colocar tranquilo em chuveiro pequeno tipo 2200W 220V, eu usei por 1 ano e pouco antes de colocar dimmer:
    http://lista.mercadolivre.com.br/diodo-95a

    (Não é questão de economia de energia, meu problema é água gelada demais com chuveiro desligado, ou quente demais com ele ligado. O meio termo com o diodo pra mim ficava bom. Claro que o consumo elétrico reduz, mas reduz porque tem menos transferência de calor, a água está mais fria, não tem milagre, só gasta menos eletricidade se aquecer menos a água)

  4. #24

    Padrão

    Citação Postado originalmente por Nilton Nakao Ver Post
    Sim, mas configuro no esquema elétrico para que seja acionado quando se tiver energia elétrica por que assim quando a bateria estiver baixa(10,5V) pode desarmar o relê, permitindo também que desarme se tiver sobre-tensão, sobre-corrente etc.
    Eu uso além disso, fusíveis, amperímetro, termômetro e ventoinha controlada por temperatura, ou seja não fica sempre ligada" É incrivel como essa façanha caseira me espantou: Em dias com temperatura de 22°C ou menos fica no mínimo e tendo carga adicional de 3A o cooler não aciona, mas com 25°C já aciona mesmo sem carga adicional. Eu não sei como fazer o esquema diretamente no PC para os sensores, mas para o amperímetro é facil. Um galvanômetro(Vu de aparelhos de sons antigos), estes normalmente com 0,45V é o fundo de escala basta usar um fio num determinado comprimento com uma certa carga máxima( para 20A foi 0,8 metro de fio 2,5mm² e 5A usei uma resistencia de fio 0,12R); se usar NTC ou PTC serve como termômetro no dissipador em que se queira usar como referência.

    Boa tarde Nilton,

    vc saberia me dizer qual o rele devo usar e qual a maneira correta de instala-lo de modo que quando a energia da bateria baixar de 10,5V ele para de alimentar os equipamento ligado em DC na bateria para não esgota-la?

    Atualmente tenho uma fonte colmeia de 20A ligada a uma bateria estacionaria de 70A onde tem ligado em 12 volts 8 cameras HD e 1 DVR. Quando acaba a energia, a bateria alimenta os equipamentos, mas queria que parasse antes de esgotar a bateria.



  5. #25
    Avatar de Nilton Nakao
    Ingresso
    Sep 2013
    Localização
    Carlos Chagas, Minas Gerais
    Posts
    1.240

    Padrão Re: Usar uma Bateria para 2 nobreak

    Bom dia, primeiramente ligar uma fonte diretamente à bateria danificaria a bateria, teria que instalar um resistor em série de modo que quando a bateria estiver com 11,7 volts com carga ou 12,3 volts sem carga tenha cerca de 2 volts sobre o resistor que funcionaria como resistor passivo; todos os equipamentos serão ligados a partir da bateria.
    Segundo lugar as câmeras funcionam até com 9 volts ou menos e o mesmo pode acontecer com DVR, o que já comprometeu a vida útil da bateria; ideal é que desligasse com 11,7 volts, mas pode usar qualquer controlador de carga para painéis solares e quem não conhece eletrônica é fácil e rápido.

    Controladores de carga já possuem em sua grande maioria moduladores pwm para flutuar a bateria, não precisando em dimensionar o resistor como citado logo no início; possui monitoramento por LED se assim o desejar.
    Normalmente desligam com 11,5 volts A 12,5 volts, e religa com 13,2 volts, alguns também com 17 volts de modo a evitar sobretensão nas placas das bateria.
    Baterias atuais não suportam subtensão de 10,5 volts, no entanto as automotivas suportam por durarem apenas alguns segundos para a ignição do motor mas requer uma corrente de 150 até 250 ampéres ou mais. Baterias estacionárias na média é o dobro da corrente nominal por 8 minutos, atualmente em testes não passou de 5 minutos.

    Infelizmente são ignorados, mas quando o sistema requer uma bateria superior a 20 A/H, necessitaria de uma cabine ou gabinete metálico ou alvenaria com exaustão externo( tipo janela ou grade), caso a bateria exploda e os gases não fiquem no ambiente), lembrando o caso de monóxido de carbono vitimando famílias; nesse caso são gases provocados por enxofre, ácido sulfúrico etc causando danos respiratórios.

    Muita coisa se evoluiu mas bateria desde que conheço dos anos 70, quase nada e o maior dilema ainda nos dispositivos móveis que não é raro explodirem ou incendiarem mesmo com carregadores originais.
    Das atuais marcas, apenas LG e Motorola são exigentes nisso causando uma certa repulsa de muitos usuários. Meus filhos passam aperto, por que usam Motorola eu inclusive mas não aceita carregador e cabo que sejam originais; caso aceite vai até 43% e para aí.

    Finalizando, no seu caso verifique a acomodação da bateria para que não afete o bem estar dos funcionários ou da família. Médicos poderão me xingar, alguns dirão que não se tem comprovação científica mas tenho dados apesar de não servir para caso de medicina por ser leigo(?) no assunto.
    Tinha bateria, eram comum gripar duas três vezes ao ano, A energia atualmente é mais estável, não necessitando da bateria e como resultado são 4 anos que não me gripo, quando acontece é fraco durando menos de uma semana.
    Certo seria ter uma planejamento para aquecedor, refrigeração, hidráulico, elétrico etc; não é simplesmente comprar e chamar um profissional e instalar.

  6. #26

    Padrão

    Citação Postado originalmente por Nilton Nakao Ver Post
    Bom dia, primeiramente ligar uma fonte diretamente à bateria danificaria a bateria, teria que instalar um resistor em série de modo que quando a bateria estiver com 11,7 volts com carga ou 12,3 volts sem carga tenha cerca de 2 volts sobre o resistor que funcionaria como resistor passivo; todos os equipamentos serão ligados a partir da bateria.
    Segundo lugar as câmeras funcionam até com 9 volts ou menos e o mesmo pode acontecer com DVR, o que já comprometeu a vida útil da bateria; ideal é que desligasse com 11,7 volts, mas pode usar qualquer controlador de carga para painéis solares e quem não conhece eletrônica é fácil e rápido.

    Controladores de carga já possuem em sua grande maioria moduladores pwm para flutuar a bateria, não precisando em dimensionar o resistor como citado logo no início; possui monitoramento por LED se assim o desejar.
    Normalmente desligam com 11,5 volts A 12,5 volts, e religa com 13,2 volts, alguns também com 17 volts de modo a evitar sobretensão nas placas das bateria.
    Baterias atuais não suportam subtensão de 10,5 volts, no entanto as automotivas suportam por durarem apenas alguns segundos para a ignição do motor mas requer uma corrente de 150 até 250 ampéres ou mais. Baterias estacionárias na média é o dobro da corrente nominal por 8 minutos, atualmente em testes não passou de 5 minutos.

    Infelizmente são ignorados, mas quando o sistema requer uma bateria superior a 20 A/H, necessitaria de uma cabine ou gabinete metálico ou alvenaria com exaustão externo( tipo janela ou grade), caso a bateria exploda e os gases não fiquem no ambiente), lembrando o caso de monóxido de carbono vitimando famílias; nesse caso são gases provocados por enxofre, ácido sulfúrico etc causando danos respiratórios.

    Muita coisa se evoluiu mas bateria desde que conheço dos anos 70, quase nada e o maior dilema ainda nos dispositivos móveis que não é raro explodirem ou incendiarem mesmo com carregadores originais.
    Das atuais marcas, apenas LG e Motorola são exigentes nisso causando uma certa repulsa de muitos usuários. Meus filhos passam aperto, por que usam Motorola eu inclusive mas não aceita carregador e cabo que sejam originais; caso aceite vai até 43% e para aí.

    Finalizando, no seu caso verifique a acomodação da bateria para que não afete o bem estar dos funcionários ou da família. Médicos poderão me xingar, alguns dirão que não se tem comprovação científica mas tenho dados apesar de não servir para caso de medicina por ser leigo(?) no assunto.
    Tinha bateria, eram comum gripar duas três vezes ao ano, A energia atualmente é mais estável, não necessitando da bateria e como resultado são 4 anos que não me gripo, quando acontece é fraco durando menos de uma semana.
    Certo seria ter uma planejamento para aquecedor, refrigeração, hidráulico, elétrico etc; não é simplesmente comprar e chamar um profissional e instalar.


    Bom dia, muito obrigado pela dica do controlador de carga, sua explicação mudou completamente minha cabeça em relação ao projeto. Logo mais postarei as mudanças e como ficou. Valeu mesmo.



  7. #27

    Padrão Re: Usar uma Bateria para 2 nobreak

    Mas uma dúvida, no caso para usar um controlador de carga de 10A 12v (120w) o que seria melhor como fonte?

    uma fonte 15v 8A (120w) ou 1 fonte 24v 5A (120) ???? supondo que o controlador tem um drop down na saida da bateria.
    Última edição por fhmferreira; 23-07-2019 às 23:58.

  8. #28
    Avatar de Nilton Nakao
    Ingresso
    Sep 2013
    Localização
    Carlos Chagas, Minas Gerais
    Posts
    1.240

    Padrão Re: Usar uma Bateria para 2 nobreak

    De nada, fico feliz em ter ajudado.



  9. #29
    Avatar de Nilton Nakao
    Ingresso
    Sep 2013
    Localização
    Carlos Chagas, Minas Gerais
    Posts
    1.240

    Padrão Re: Usar uma Bateria para 2 nobreak

    Fonte de 15 V a menos que o sistema elétrico suporte 24 volts que na realidade pode chegar a 35 volts de pico ou 18 volts no caso de 12 Volts.
    Esses picos de "over" duram milissegundos ou até alguns segundos fazendo que danifiquem sistema eletrônico conectado a ele. Muitas câmeras principalmente in door não possuem esse sistema inclusive nossos roteadores indicando uma atenção especial ao usar vários equipamentos. Bastaria um leve curto, mau-contacto, carga indutiva e até mesmo capacitiva ou resistiva como lâmpadas halógenas e biodos.

    Tudo que é elétrico ou eletrônico, ao ligar consome pelo menos o duas vezes até 50 vezes ou mais se bobear embora dure no máximo 300 milissegundos de média, mas há casos em que dure até 10 segundos( PC, ligar o carro, TV ). Nesse instante se a voltagem sobe o equipamento cair para menos de 11,5 volts ou 20,5 volts a corrente que flui sobre o fio aumente consideravelmente; fiz o teste em bancada então nem posso contestar exceto os resistivos.

    Seja em corrente contínua ou alternada, queima dos eletrônicos tem como principal falha o circuito elétrico que pode ser no dimensionamento de carga( mm²), aperto nos parafusos, emendas e até mesmo tomadas ou plugs; por experiência evite soldar os fios caso a corrente nominal exceda 8 ampères. Nesta região onde a temperatura ambiente chega a 30 graus limito a 5 ampères.

  10. #30

    Padrão Re: Usar uma Bateria para 2 nobreak

    Sobre os controladores solares PWM de 12V, a maioria queima com entrada acima de uns 20 ou 21V. Os baratos sem marca queimam todos acima dos 20V.

    (E uns 42V nos modelos 24V)



  11. #31
    Avatar de Nilton Nakao
    Ingresso
    Sep 2013
    Localização
    Carlos Chagas, Minas Gerais
    Posts
    1.240

    Padrão Re: Usar uma Bateria para 2 nobreak

    Rubem, uma bateria de 12 volts aceita um "over" de segurança até 15,3 volts e sendo automotiva 14,5 volts. Se aceitar 20 volts, comprometeu a segurança correndo o risco de explodir.
    Bancos, ERBs de celulares e Data Centers devem usar inúmeros sensores só para o banco de baterias como termômetro, corrente, tensão, ruído na linha, gases etc. Telesp e Embratel já usava isso nos anos 80 em estações consideradas relevantes, imagina isso com nível de segurança maior. Hoje a maioria preferem pagar por uma manutenção preventiva sem monitoramento sendo que poderia fazer isso apenas pelo software remotamente.

    Não desmontei ainda, mas só queria saber como celulares da Motorola e Asus mudam a tensão de saída em seu carregadores turbo ( 5V a 12 V) e com 15 ou 18 watts, não sendo original raramente carrega e se carrega não atinge 45%. Meu filho estragou o cabo USB-C do moto G 6, só ficou bom com original de reposição que ainda assim não ficou como o kit. Nos Notebook Lenovo que é proprietária da Motorola, dispara alerta de bateria que não aceita carregar de forma alguma e pior desligando-o logo em seguida.
    Isso chamo de segurança em integridade para o proprietário, fazendo com que diminua o risco de uma explosão iminente da bateria.

    Hoje não uso bateria, mas sensores de corrente, tensão e temperatura estão ativos e faço testes regularmente excedendo os limites por 15 minutos pelo menos.

  12. #32

    Padrão Re: Usar uma Bateria para 2 nobreak

    Não pô, tô falando da ENTRADA dos controladores solares PWM baratos, eles vão levar a bateria até uns 14,4V, até aí sem problema, mas a tensão de entrada é outra história, os mosfets que usam queimam acima de 20V.

    Exemplos:

    https://produto.mercadolivre.com.br/...-solar-10a-_JM

    e

    https://produto.mercadolivre.com.br/...a-solar-lp-_JM

    e

    https://produto.mercadolivre.com.br/...sb-pwm-20a-_JM

    Esses 3 queimam com mais de 21V na entrada nos modelos 12V, e mais de uns 42V nos modelos 24V.

    Tensão de ENTRADA. Quem queima é o mosfet único que fica liberando o pulso, pra ajustar a tensão na saída o pulso fica bem estreito (E isso dá uns spikes na saída, é bom ter filtro LC entre controlador e consumo) mas o mosfet queima igual, toda vez que testei queimou instantaneamente ou em segundos, nunca aguentou nem começar o processo de carga!

    Pra usar painel 24V em sistema 12V precisa comprar um controlador MPPT. DIZEM que tem controlador PWM que aguenta qualquer entrada (15-50V na entrada, pra saída pra bateria 12V) mas eu nunca vi, só os MPPT (EPSolar e EpEver mais baratos já servem).

    Então é mais fácil simplesmente usar fonte 18V, e não fonte 24V, na ENTRADA dos controladores PWM.