+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão Problema com nobreak e baterias

    Coloquei 2 baterias freedom de 50amp ligadas no nobreak de 1kva de 24v ligadas em série.

    Semana passada teve umas quedas de energia e essa torre parou, quando cheguei no local a bateria estava completamente descarregada em 6v o que suspeitei foi que a meses atrás quando também teve queda de energia a carga foi usada e o nobreak não mais carregou a bateria.

    A saída do nobreak está em 27.9v é suficiente para carregar as baterias? ou teria que regular para uma voltagem maior? seria problema de fabrica na bateria ela descarregar a voltagem assim drasticamente? no caso essa bateria ainda presta ou tem como recuperar caso o causador do problema foi o nobreak?

  2. #2

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    Opa. Bom dia. Porque não troca seu no-break por fonte no-break vai aumentar a autonomia das baterias



  3. #3

    Padrão

    Citação Postado originalmente por leosmendes Ver Post
    Opa. Bom dia. Porque não troca seu no-break por fonte no-break vai aumentar a autonomia das baterias
    Sim eu pensei nisso, mais não queria deixar de utilizar as fontes originais do equipamento que são gigabit, apesar de não estar passando mais de 100mbs no momento, mais penso no futuro já que a rede passa 130half. Também tenho medo de ter travamentos, essa torre está a 55km de onde estou, até o momento em 2 anos nunca teve nada.

  4. #4

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    Citação Postado originalmente por delegato Ver Post
    Sim eu pensei nisso, mais não queria deixar de utilizar as fontes originais do equipamento que são gigabit, apesar de não estar passando mais de 100mbs no momento, mais penso no futuro já que a rede passa 130half. Também tenho medo de ter travamentos, essa torre está a 55km de onde estou, até o momento em 2 anos nunca teve nada.
    Usa régua POE Gigabit entao com fonte nobreak. E dois anos bateria começa a dar problema mesmo. Alguns equipamentos não conseguem carregar bateria em série.



  5. #5

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    Verdade amigo.
    Passei pelo mesmo problemas há alguns meses.
    Duas baterias freedon de 70a,troquei nobreaks duas vezes,liguei para suporte e no final era mesmo a bateria que estava com problemas.
    Certos nobreaks demoram a carregar a bateria pelo fato de a amperagem de saída para as baterias serem baixas,assim as vezes demora até dias para chegar a carga máxima.Mas se deu certo tempo de carga,acabou a energia elétrica a bateria não segurou o problema é a bateria.
    Resumo,deu certo tempo de uso troque a bateria.

  6. #6

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    E não use nobreak de corrente tão baixa.
    Nobreak de 1KVA tem corrente de carga de menos de 1A se for um comum só com bateria interna (Usa um LM317 pra controle).
    Nobreak com plug pra bateria externa, e já mais moderno ou mais caro, terá mosfet no controle de carga, a corrente de carga vai pra 2 a 2,5A.

    Mas... bateria tem 50Ah (24V 50Ah nesse caso) tem corrente IDEAL pra carga na casa dos 5A, cerca de 10% da capacidade inicial.
    (Depois pode fazer flutuação com 100 a 200mA, mas o processo inicial de carga precisa corrente bem alta)

    Bateria sulfata e desequaliza quando a carga é feita com corrente baixa.

    Essa desequalização é resolvida com equalização.
    A bateria tem 6 celulas de 2V em série.
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         lead_acid_batteries_in_series_large_up.jpg
Visualizações:	108
Tamanho: 	18,5 KB
ID:      	61925
    Por isso tem 6 tampas pra ver água, e mesmo as seladas tem 6 tampas (Onde, pra prolongar a vida útil quando ela já está só com uns 20% da capacidade original, dá pra colocar solução de bateria junto com o gel, é gambiarra pra prolongar em uns 10% a capacidade e vida útil, as vezes ajuda. Pago R$ 3 pelo frasco de 200ml de solução (Não é água desmineralizada, a solução é outra coisa), é lucrativo atrasar a troca em 6 meses com um custo de R$ 3).

    O problema é que esses 2V é tensão nominal (Que só da nome), a tensão real da célula quando a bateria está em 13,2V é de 2,2V.

    Só que se fizer carga com corrente baixa demais (Digamos 1A em bateria de 70Ah) tem grandes chances de 4 dessas células ficarem em 2,15V (Soma 8,6V), e 2 ficam com 2,3V (Dá 4,6V, e 4,6+8,6=13,2V). Essas 2 celulas em 2,3V vão aquecer mais e durar menos, vão morrer anos mais cedo que as outras 4.
    (E morrer significa aos poucos aceitar até 2,4V, depois 2,5V, depois já sobe pra 3V, e aí as outras 4 células nem carregam mais porque as 2 celulas ruins transformam em calor tudo o que circula por elas)

    Controlador solar decente (R$ 1 mil pra cima), e nobreaks muito bons (Delta e Schneider importados que custam um rim) tem essa equalização com tensão mais alta, fazem isso por 20 minutos ou pouco mais, algo assim:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         Battery+Charging+Cycle.jpg
Visualizações:	127
Tamanho: 	52,8 KB
ID:      	61926
    Eles tem corrente bem alta nesse processo "bulk" inicial, é pra não acontecer isso do nobreak não conseguir fazer a tensão de bateria zerada subir.
    E o momento de absorção de carga é com tensão até MAIOR que a flutuação!

    Nobreak de 1KVA de 12V não tem isso nem a pau! Os de 24V também duvido, mas pelo menos devem ter corrente de carga maior tipo 2,5A.

    Quanto menor a corrente, MAIOR a chance de desequalizar. Com 2,5A (Dum nobreak com mosfet) a chance é mínima, comparado à gigante chance se usar nobreak comum com LM317 que manda 0,5 a 0,8A.

    Mas pra não ter bateria durando só 2 ou 4 anos TEM QUE desequalizar as vezes. Ou então TEM QUE usar corrente de carga maior, cerca de 10% da capacidade da bateria.
    Se o nobreak manda só 2,5A, ideal seria usar ele em baterias de 25Ah. Mas na prática uma DF300 da Freedom tá ótima, e uma DF500 também vai ter pouca desequalização. Uma DF700 eu não usaria nisso de jeito nenhum.

    E veja a temperatura, a Moura tem aqui na página 15, a tabela 8 , dá uma perspertiva de vida bem CURTA pra baterias a 40°C flutuando em tensão alta (E 27,9V é altíssimo! É coisa pra bateria no ar-condicionado a 20°C):
    http://www.moura.com.br/externos/cat...tovoltaica.pdf

    Fora que a bateria que esquenta no sol e esfria nas madrugadas frias, tem mais uma duzia de pequenos problemas (Desequalização é só um).

    Tem como prolongar a vida útil das baterias.

    Mas nesse caso aí poderia só dar uma carga lenta, elas devem estar em estado razoavel ainda, é raro a bateria morrer de uma vez.

    (E pode fazer a carga com carregador externo de uns 10A, e ligar no nobreak via diodo (Ou isolar com relé), evita esse problema do nobreak não dar conta de carregar)



  7. #7

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    Citação Postado originalmente por delegato Ver Post
    Coloquei 2 baterias freedom de 50amp ligadas no nobreak de 1kva de 24v ligadas em série.

    Semana passada teve umas quedas de energia e essa torre parou, quando cheguei no local a bateria estava completamente descarregada em 6v o que suspeitei foi que a meses atrás quando também teve queda de energia a carga foi usada e o nobreak não mais carregou a bateria.

    A saída do nobreak está em 27.9v é suficiente para carregar as baterias? ou teria que regular para uma voltagem maior? seria problema de fabrica na bateria ela descarregar a voltagem assim drasticamente? no caso essa bateria ainda presta ou tem como recuperar caso o causador do problema foi o nobreak?

    Qual a especificação do seu nobreak? quais baterias ele aconselha? Se for originario para baterias de 7Amp-H (quase com certeza para 1KVA)nao vai carregar jamais pois a corrente é muito baixa.

  8. #8
    Avatar de Nilton Nakao
    Ingresso
    Sep 2013
    Localização
    Carlos Chagas, Minas Gerais
    Posts
    903

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    Eu monitoro a bateria constantemente; quando nova dura 10 horas, hj esta com 5 horas já quase um ano e quando atingir para cerca de 3 horas, aí eu troco. Eu uso a automotiva mesmo que dura cerca de 3 anos quando nova ou metade quando vou num desmanhe de carros e custa 1/3 da nova.



  9. #9

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    Bateria automotica não serve para ficar 'estacionada', não foram feitas para descarga profunda... morrem cedo...

    Estacionárias tem em sua construção placas proprias para este aplicação (estacionada e descarga profunda).

    Estas baterias que com o tempo apresentam 'resistencia' à carga... pode ser necessário um processo que pode revive-la, esta dica quem me deu foi um Engenheiro direto da FREEDOM, quando fui mandar um lote de baterias que deram problema antes de 2 anos (garantia), fiz o procedimento.. resolveu...

    - Compre um carregador bom, inteligente com controle de tensão na saida... recomendo os da Spark, www.sparkpower.com.br (usamos aqui os de 60a).

    - baixe a tensão da bateria para 10.5~11.0 (em repouso tem que dar isso), aqui usei uma resistencia de chuveiro cortada ao meio.. fechando os polos.. e a resistencia dentro de um recipiente com agua...

    - Bateria em repouso com 10.5~11v, voce regula o carregador para 15.5 e deixe 24 horas ...
    - de outra descarga na bateria até atingir 10.5~11v..
    - dê outra carga de 15.5 por mais 24 horas..

    a bateria deve voltar a sua vida normal...

    Tenho estacionarias aqui com 8 anos de uso.. e estão 100% até hoje.. e são estacionarias da TUDOR ...

    as freedom, usamos mais nas estações, algumas ficam em temperaturas mais altas.. e tem uma vida bem curta ... coisa de 2 anos... as que ficam em ambiente mais frio ou com melhor ventilação, estas duram muito mais tempo...


    existe também uma 'regra' onde para cada GRAU acima de 25.. diminui-se alguns décimos da tensão de flutuação... (não recordo quantos décimos são, achei isto no site da freedom uma vez).

    uma regra geral que adotei aqui e passou a dar menos problemas.. as baterias que ficam em condições de temperatura mais elevadas, regulo o carregador para 13.5, 13.4 ...

    e quando visitamos os pops para verificação e manuteção, regulamos o carregador em 14.4 durante algumas horas.. depois voltamos..

    faz bastante tempo que não perdemos baterias (a não ser por roubo hahaha)

  10. #10
    Avatar de Nilton Nakao
    Ingresso
    Sep 2013
    Localização
    Carlos Chagas, Minas Gerais
    Posts
    903

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    Concordo plenamente que as baterias automotivas não são recomendados para sistema estacionário e os preços hoje são bem próximos. O maior problema é na hora que precisar substituí-las, e o preço fica oneroso por conta do frete e nas casas do ramos não aceitam nem como descarte(afffff).
    No manual, as fabricantes algumas nem dão garantia se usadas em sistema estacionário e aquela que dão é somente 90 dias(garantia legal no procon e código civel).



  11. #11

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    Meu nobreak é de 24v e tem saída para bateria externa de fábrica, usei uma vez com baterias de carro de 40amp carregava normal, porém coloquei as estácionárias de 50amp e regulei o nobreak em 27v, quando descarregou e não mais carregou ao chegar no local a saída do nobreak elevou sozinha para 31v será que o nobreak elevou a voltagem porque não estava conseguindo carregar a bateria? ae baixei novamente para 27v porém não carregou...

  12. #12

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    Nobreak tem saída a 16V ou mais de 30V quando a bateria não oferece resistência.

    Sem carga/peso na saída, toda fonte com trafo tem tensão mais alta que o ideal, hora que você coloca uma carga (Um "peso") a tensão cai pra nominal.

    O nobreak usa o trafo interno pra ter os 16 ou 32V pra mandar pra bateria, trafo é assim, se você pegar um trafo de 12V de 100W e colocar uma lampada de 150W a tensão nele ficará abaixo de uns 9V, mas com lampada de 20W ficará até acima de 12V. E sem lampada nenhuma é capaz de medir 14 ou 15V nesse trafo (Circuito em aberto sempre tem tensão irreal).

    Quando 2 ou mais células da bateria se danificam, elas passam a aceitar mais tensão, essa tensão cai em poucos segundos ou milésimos de segundo, e quando ligar o carregador essa tensão sobe rapidinho (Dá aparência de estar carregada), por isso tem que medir tensão de bateria usando um carga em paralelo, mede digamos assim:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         05079.png
Visualizações:	47
Tamanho: 	25,0 KB
ID:      	61960


    Se a tensão de cara cair uns 2V é porque uma das 6 celulas está ruim. o normal é cair 4V ou mais, indicando 2 celulas ruins. E flutuar a 13,5V pra depois cair pra 9,5V não adianta, os nobreaks desligam quando cai pra 10,5 ou 10,2V. Ou seja, mesmo tendo 4 células boas a bateria tem que ir pro lixo.

    (Semana passada medi 8V numa célula de um bateria, enquanto as outras mal tinham 1V, era desligar o carregador que essa com 8V caia pra 0V, ela simplesmente estava dissipando toda a corrente circulando no processo de carga, permitia que o carregador chegasse na tensão máxima rapidinho, num nobreak ela iria pra 16V provavelmente)



  13. #13

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    Meu no break é o http://www.ragtech.com.br/produtosinfinium.htm ragtech infinitum NET 1000, no caso mesmo que ele não aguentasse recarregar a bateria, o correto seria elas ficarem em média em 19v ou 20v em série, porém quando desconecta o nobreak cai para 6v (isso em série) o que podemos concluir que estão danificadas, as baterias são da Freedom estão fazendo agora um ano de garantia, vou acionar a garantia.

  14. #14

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    Ih... se não me engano esse é dos nobreaks comuns que tem um LM317 como controlador de carga pra bateria.

    O circuito pra carregar bateria com o LM317 é bem simples
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         battery-charger.jpg
Visualizações:	91
Tamanho: 	46,5 KB
ID:      	61966

    Mas a corrente que circula mal chega a uns 1A, geralmente fica até abaixo de 0,8A!

    Pra carregar as baterias de 50Ah isso deveria levar 4 ou 5 dias.

    Acho que tenho um desse na sucata, vou procurar aqui pra ver o circuito de carga, mas tenho quase certeza que é um simplão com LM317, e menos de 0,8A de corrente de carga, que é ideal pra baterias de 7Ah mas completamente insuficiente pra mais de uns 10 ou 14Ah.



  15. #15

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    Alias, agora que ví no site:

    Tempo de carga da bateria (com 2 bat. 7Ah/12V): até 12h com 2 bat. 7 Ah

    Se pra 7Ah leva 12h, pra 50Ah vai levar 7x mais (7x7 = 49), e 7x 12h = 84h, ou 3 dias e meio.

    7Ah / 12h = 0,58A, mas no processo de carga ele fica só umas 4 horas na corrente máxima do CI (Uns 1,4A nesse caso, aposto), depois cai:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         partone-13a.gif
Visualizações:	38
Tamanho: 	4,4 KB
ID:      	61968
    (A linha tracejada em baixo é a corrente)

    Se for um LM317 ou LM350 é só trocar ele, se citar eles numa eletronica qualquer vão saber (Mesmo que nunca mexeram com nobreak, o que é bem raro já que nobreak dá mais problema que radio ou tv nas eletronicas), se quiser continuar usando isso poderia pedir pra colocarem um dissipador bem maior no lm317, o de fábrica tem uns 2x2cm.

    (Mas eu colocaria carregador externo (De uns 5Ah, perfeito pra bateria de 50Ah), e isolaria do carregador do nobreak via rele ou diodo)

  16. #16

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    amigo nao são as baterias os nobreak de fabrica tem alguns problemas com seu equipamento a queima de muita carga na hora de carregalas é o fato de tudo isso elas foi danificada com carregamento muita amperagem quanto a voltagem da boa de mais so nao pode ultrapassa essa voltagem que vc sito, na amperagem maxima de 5 amperis seria um pra 60/70/90/150 amperis pro q quantos o carregamento é lentos menos queimara as particulas da bateria assim duraria mais pro isso muita gente tem problemas de baterias no carro por q o alternador dele manda muita amperagem e muita voltagem errada de fabrica...mais verifica o seu nobreak si ta tudo ok



  17. #17

    Padrão Re: Problema com nobreak e baterias

    Carga lenta em bateria é uma coisa, mas 5A em bateria de 150Ah é lento demais, o ideal é 10% da capacidade por 10-16 horas.

    Com corrente baixa demais ocorre sulfatação:
    https://en.wikipedia.org/wiki/Lead%E...nd_desulfation

    Sulfation occurs in lead–acid batteries when they are subjected to insufficient charging during normal operation.


    Uma carga que começa em 13,2V com corrente de 800mA (Coisa que nobreak comum geralmente manda pras baterias) é suficiente apenas pra uns 10Ah em bateria. Vem a ser 0,08C (8%. Onde 100% é 1C), já é um pouco abaixo do recomendado.


    A corrente ideal de carga é geralmente citada pelos fabricantes como 10%, 20% ou 25% da capacidade nominal, e a corrente ideal de flutuação é muito menor, os 200mA que nobreaks comuns mandam é até demais, olha aqui na página 21 (A 23ª do PDF):
    http://www.rta.com.br/arquivos/Manua...ias-Rev.01.pdf
    Tem recomendação de corrente muito menor:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         float.jpg
Visualizações:	37
Tamanho: 	84,2 KB
ID:      	61994

    Mas isso é FLUTUAÇÃO. A carga precisa corrente bem maior, pra fazer flutuação com corrente tão baixa precisa carga com 10 a 25% da capacidade da bateria (Se for bateria de 50Ah, entre 5A a 12,5A), aqui um exemplo das baterias Yuasa:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         yuasa.jpg
Visualizações:	51
Tamanho: 	54,7 KB
ID:      	61995
    No canto inferior direito, aquele current charge se refere a flutuação. Está em 0,00125C pelo visto.
    Se 1C é 50Ah, 0,00125C é 50*0,00125=62mAh.

    Mas note que nesse caso a recomendação da Yuasa é carregar com tensão a até uns 14,8V com corrente de 0,25C. Se 1C é 50Ah, então 0,25C é 50*0,25= 12,5A.

    Do site da CSB (Baterias que já foram usadas em nobreaks brasileiros) tem indicação de carga com limite a 0,1C (Que seria 5A em baterias de 50Ah):
    http://www.csb-battery.com/smartedit...ges/mu_p06.gif

    Uma coisa é meter carregador de 25A em bateria pequena de 7Ah, aí é burrice, mas também não tem nada de inteligente em plugar carregador de 5A em bateria de 150Ah, ou apenas 0,7 a 0,8A de nobreak comum em bateria de 50Ah, desequaliza e sulfata em poucos anos, enquanto a bateria bem cuidada, com carga na corrente certa e mantida em temperatura estável pode durar fácil 5 a 8 anos (Aí sim compensa, se mal cuidadas duram 3 anos, bem cuidadas duram 7 ou 8, é fazer o dinheiro render 250% a mais!).

    Tem um monte de informação variando na web porque os meios de evitar sulfatação e desequalização são vários, só o que não ajuda em nada, e sim atrapalha mais que ajuda, é carga com corrente baixa (Tipo 0,8A de nobreak comum em bateria maior que uns 10Ah), ela na verdade causa N problemas e não resolve nenhum.