+ Responder ao Tópico



  1. Aqui nas cidades onde atuo com rede cabeada estou fazendo além de instalação, o serviço de retirada.

    Existe já nos postes um emaranhado de centenas de cabos telefônicos, a maioria tudo cancelado, sendo que a operadora de telefônica fixa não faz sua parte.

    Agora imagine uma cidade pequena ou média com uns 5 provedores ou mais, é muito importante realizar a retirada até mesmo por organização e evitar no futuro uma enorme gambiarra o que dificultará também o trabalho e etc, seja cabo UTP ou fibra.

    No tem-se a vantagem do cabo retirado ainda poder ser usado em outro cliente caso esteja em boas condições, mais meu intuito mesmo foi fazer a limpeza. Em locais que por qualquer motivo não tenha mais acesso interno a residência do cliente, cortamos o cabo na entrada da casa, e é um fio a menor cruzando a rua.

    Foi fazer uma instalação em uma determinada rua e existia cerca de 5 telefônicas (fio fe), em um determinado imóvel, sendo que apenas tinha uma linha ativa, conforme indagamos ao cliente, sempre que algum morador alugava pedia uma linha depois quando saia cancelava, e a operadora irresponsável nunca fez retiradas, e as novas instalações sempre puxava um fio novo.

    Essa é minha dica, se o cliente cancela o serviço por qualquer motivo, não vamos fazer como a (**) ou qualquer outra operadora pelo Brasil a fora, retirar o cabo e deixar o poste mais limpo, mais leve, que com certeza será bem melhor para trabalhar, e pode resultar em economia.

  2. Deveria ter normas e critérios para isso. O fato no caso de uma companhia de telefone fixo, ao instalar um novo terminal num determinado endereço acho que é pago ao prestador o material utilizado ficando inúmeros pares naquele imóvel, salvo em condomínios onde são exigidos cabos apropriados e uma caixa dentro do imóvel.

    Muitos engenheiros, arquitetos têm conhecimento disso mas vem um pedreiro mea-boca convence se cliente que isso é gasto desnecessário e acaba por não fazer o serviço, vem o fiscal só avalia e libera o habits e vai prosseguindo em todas assim. Lembrando que esse pedreiro cobrou por uma obra de acordo com o projeto, resultando numa economia fantasma de 1 a 3 % da obra mais os dias de antecipação.
    No meu caso, já tinha o cabo de rede instalado( 4 pares), bastando apenas à nova operadora retirar um e instalar outro e habilitar ao servidor. Esse cabo( média de 15 mt por cliente mais conectores), tempo para passagem desse cabo resultou como lucro à empresa mas num outro cliente pode demorar muito mais do que o previsto, isso não me importo contando que não fique com cabo inutilizado como é com telefones(ramais, que eram 5 hoje só 2) e TV que eram para 5 hj só um. Ia instalar cabos de rede para PCs, mas um simples roteador resolve o problema.

    Acho que deveria ter um terminal de fibra em uma determinada quadra ou condomínio, dali serão distribuídas para rede de TV a cabo, telefonia, internet, segurança pública etc. Anos atrás, eram cabos CCE, UTP, Multiplex e vieram os cabos coaxiais, atualmente são fibras ópticas, enlaces de rádio são bem antigos como um todo; futuramente ninguém sabe o que será criado para melhorar a nossa comunicação cada vez mais conectados.



  3. Caro Colega a atitude é legal mas nem sempre podemos fazer isso justamente porque as pessoas usam de má fé e se aproveitam da situação sempre para se dar bem nas custas dos outros, meus funcionários são orientados para NUNCA cortar nenhum cabo FE ou UTP que não seja o nosso, pois os mesmos podem conter força e dar choque, pode cortar um fio por engano e o mesmo estar ativo e a pessoa perguntar para o vizinho se viu alguém no poste e ele disser que seu funcionário estava lá cortando cabos, você pode cortar um cabo UTP que o cliente não esta mais usando mas no meio do caminho um outro par estava sendo usado por outro cliente que te liga furioso dizendo que seu funcionário cortou a internet deles e que se não consertar vai processa-lo, pode cortar o cabo no poste do cliente só que ele já fez uma migração e já estava com outra internet a cabo funcionando e o cliente liga te ameaçando, os funcionários de outras empresas que você cortou o cabo liga te ameaçando e cortam seu cabo "dando o troco", dentre varias outras coisa, digo isso pois tenho mais de 50km de rede cabeada e tudo isso já aconteceu comigo e por isso não mecho em mais nenhum cabo que não seja o da minha rede troncal.

  4. Eu também acho que seria legal fazer isso, até porque a poluição visual da cidade fica demais, porém por esses e outros motivos que o nosso amigo agatangelos comentou que aqui não fazemos isso, por inúmeras vezes já aconteceu de desativar um cliente e o cabo ficar lá, e meses depois esse cliente solicitar novamente nosso serviços, quando chegamos lá, aquele mesmo cabo já estava em uso por outro provedor, porém nunca utilizo cabo que está conectado na rede de outro provedor, até porque já tivemos vários problemas por conta disso, então, infelizmente o jeito é deixar como está e lançar um novo cabo, quem sabe um dia realmente tenha um jeito p isso, porém por enquanto, prefiro não ter os problemas que o nosso amigo comentou.



  5. Desculpa se expressei errado, mais me referir a retirar e cortar apenas os nossos cabos, caso em que por exemplo o cliente se muda, some, cancela fica inadimplente e etc, e não tem como retirar o cabo completo, ae cortamos na entrada da residencia.






Tópicos Similares

  1. Licensa para rede cabeada
    Por NetLagos no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 6
    Último Post: 29-02-2008, 22:57
  2. rede cabeada navega normal e sem fio nao
    Por edcomrocha no fórum Redes
    Respostas: 5
    Último Post: 14-12-2007, 23:52
  3. rede cabeada + wifi
    Por kraddv no fórum Redes
    Respostas: 0
    Último Post: 30-08-2007, 08:11
  4. Rede cabeada com MK
    Por netxtreme no fórum Redes
    Respostas: 1
    Último Post: 01-08-2007, 13:10
  5. OFF > Rede cabeada para provedor (como?)
    Por nataniel no fórum Redes
    Respostas: 35
    Último Post: 03-06-2007, 12:27

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L