Página 1 de 5 12345 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão franquia na banda larga. E AGORA....

    A partir do próximo ano, serviço de internet oferecido pela Vivo, a exemplo da Net e da Oi, não será mais por velocidade, mas sim por volume de dados. A Vivo já havia anunciado em fevereiro deste ano, a utilização de uma franquia com limite no uso de dados móveis na internet banda larga. Desta forma, os usuários da internet do tipo ADSL, a mais comum no Brasil, já devem ir se acostumando com o controle do uso de dados em casa. Até 2017, todos os planos de internet fixa da Vivo, a exemplo da Oi e da Net, deverão ser oferecidos com limite de dados, diferente do modelo adotado por algumas empresas atualmente, em que os planos são regulados por velocidade, sem um volume máximo de tráfego permitido.

    SERA QUE OS DEDICADOS TBM IRAM ADERIR.


  2. #2

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    Ja me fiz essa pergunta, ai seria o fim da picada.



  3. #3

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    Mas se você ler os contratos da OI pessoa física isso já esta previsto ha muito tempo, só não foi realizado ainda.

  4. #4

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    Penso que no futuro o serviço de acesso a internet tem tudo para ser cobrado pelo consumo, assim como água e luz, no início desse mudança (como já existe atualmente), existiria uma franquia e que ao atingi-la, a velocidade será reduzida drasticamente, no futuro mais adiante não reduzirá a velocidade teria tipo uma taxa mínima de 40,00 (que todo mundo pagaria usando ou não) e quem passar os gigas mínimos começaria a pagar pelos gigas excedentes.
    Desta forma vai reduzir (se não acabar) com o compartilhamento de senhas wifi etc, o números de assinantes provavelmente irá dobrar...

    E nos deveremos nos adiantar criando os scripts para mk para aplicar outro queue (No caso de redução) ou para contar os gigas e calcular a fatura do cliente (um sistema trabalhando junto com o MK)



  5. #5

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    alguem aqui ja trabalha neste termos . com esse termo de dados contados. e bloqueio depois de atigino o pacote.

  6. #6

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    O provedor da minha cidade ja trabalha dessa forma. quando atinge 60GB, ele reduz a velocidade para 600k
    dependendo do plano que assinou ele vai reduzir de acordo com o plano contratado.
    No meu caso assino por 2 megas, quando consumo 60gb ele reduz para 600k.



  7. #7

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    não aplicar a franquia pode ser um diferencial para os pequenos ...

  8. #8

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    mas como ter banda para trabalhar se as operadoras faram isso. estou muito preoculpado com o futuro dos pequenos provedores.



  9. #9

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    Citação Postado originalmente por lllorde007 Ver Post
    mas como ter banda para trabalhar se as operadoras faram isso. estou muito preoculpado com o futuro dos pequenos provedores.
    É obrigação os provedores fazer o limite da franquia?

  10. #10
    Avatar de andersonfire
    Ingresso
    Mar 2011
    Localização
    Rio Grande do Sul-Alvorada(cidade sem lei)
    Posts
    281

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    Citação Postado originalmente por lllorde007 Ver Post
    mas como ter banda para trabalhar se as operadoras faram isso. estou muito preoculpado com o futuro dos pequenos provedores.
    Até onde eu sei o controle de dados vai ser aplicados em clientes pessoas fisicas(CPF)
    Ou estou desatualizado?



  11. #11
    Deus acima de tudo!
    Ingresso
    Jul 2009
    Localização
    Paulista - Pernambuco
    Posts
    414

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    Citação Postado originalmente por andersonfire Ver Post
    Até onde eu sei o controle de dados vai ser aplicados em clientes pessoas fisicas(CPF)
    Ou estou desatualizado?
    Sim, até o momento se fala apenas para clientes residenciais, até o momento não fiquei sabendo de nada sobre clientes que tenha dedicado, até porque se trata de outro tipo de serviço!
    O amigo falou mais acima é que muitos provedores pequenos fazem uso da ADSL, VDSL como link em seus provedores, poucos que utilizam dedicado, então ele e os demais que provavelmente utilizam e terão seus links limitados estão preocupados.

    Eu recomendo o seguinte, já faça todo um projeto p ter um link dedicado, faça cotações veja qual a melhor empresa p lhe oferecer esse tipo de serviço e com um valor que está dentro do seu orçamento, fique preparado, porque provavelmente isso irá entrar em vigor sim, então melhor está prevenido do que ser pego de surpresa.

  12. #12

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    Este é o caminho natural.... o complicado vai ser convencer o usuário que tráfego de internet é um bem finito e como tal tem limite. O limite na verdade é a infraestrutura.
    Quem de vez em quando dá uma olhada no ptt.br já deve ter observado o crescimento de consumo.
    Alguns anos atrás a Deutsche Telekon, já havia partido para este modelo de comercialização e lá incialmente também houve quem reclamasse.
    A alegação da telecom alemã é que eles não paravam de aumentar infraestrutura para "saciar" a necessidade dos usuários que cada vez mais consumiam banda.
    E lá já estava acontecendo um negócio interessante. O número de usuários não tinha grandes perspectivas de aumentar no mesmo rítmo que crescia o consumo.
    Conteúdos cada vez mais pesados e a negação de fornecedores de conteúdos participarem da expansão de infraestrutura.
    A saída foi esta mesmo, a franquia. Quem consome mais paga mais.

    Eu já defendi isso aqui na época que circulou a notícia alemã.... e fui muito criticado por quem defende a liberação irrestrita. E quando vejo manifestações de asociações de usuários, Procons e afins, sempre é colocado o assunto numa luz negativa para o lados das telecom.
    Para mim é pura falta de conhecimento técnico. Não há como atender a todos os usuários cada vez mais fominhas ( e com razão, pois o conteúdo está aí disponível) sem aumentar infraestrutura.... E tem outro fator que contribui para a franquia, a regulamentação da Anatel sobre as bandas disponiveis em cada momento e na média... São valores altos, como 80% de banda em medição média é o que prevê a norma em breve.
    Aquele argumento de que "estou pagando" e por isso eu quero, vai obrigar a expansão da infraestrutura por todos os prestadores de serviço. Então é natural que se cobre mais de quem mais utiliza a infraestrutura.



  13. #13
    Analista de Sistemas Avatar de MDdantas
    Ingresso
    Apr 2007
    Localização
    Caruaru - Pernambuco
    Posts
    423

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    Isso é um afronta ao Marco Civil da Internet (Lei nº 12.965, de 23 de abril de 2014). Infrigi mais especificamente o Artigo 9º, que diz:


    "Art. 9º O responsável pela transmissão, comutação ou roteamento tem o dever de tratar de forma isonômica quaisquer pacotes de dados, sem distinção por conteúdo, origem e destino, serviço, terminal ou aplicação."

    O Ministério público do Distrito Federal já solicitou explicações.

  14. #14

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    São suas palavras as minhas 1929, tem cliente que chega aqui no escritório e já fala logo, quantos gigas é a velocidade de internet? Sorte que eu não fico pra atender, um dia chegou um cidadão falando em giga, perguntei se ele entendia o numero giga, ele disse é o que todo mundo fala. Também acho justo pagar pelo consumo.



  15. #15

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    infelismente ja aconteceu na telefonia movel e acredito ( infelismente ) ira acontecer com a banda larga. e sim nao sera poupado nem pessoa fisica quanto juridica.

    Citação Postado originalmente por MDdantas Ver Post
    Isso é um afronta ao Marco Civil da Internet (Lei nº 12.965, de 23 de abril de 2014). Infrigi mais especificamente o Artigo 9º, que diz:


    "Art. 9º O responsável pela transmissão, comutação ou roteamento tem o dever de tratar de forma isonômica quaisquer pacotes de dados, sem distinção por conteúdo, origem e destino, serviço, terminal ou aplicação."

    O Ministério público do Distrito Federal já solicitou explicações.

  16. #16

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    Citação Postado originalmente por 1929 Ver Post
    Este é o caminho natural.... o complicado vai ser convencer o usuário que tráfego de internet é um bem finito e como tal tem limite. O limite na verdade é a infraestrutura.
    Quem de vez em quando dá uma olhada no ptt.br já deve ter observado o crescimento de consumo.
    Alguns anos atrás a Deutsche Telekon, já havia partido para este modelo de comercialização e lá incialmente também houve quem reclamasse.
    A alegação da telecom alemã é que eles não paravam de aumentar infraestrutura para "saciar" a necessidade dos usuários que cada vez mais consumiam banda.
    E lá já estava acontecendo um negócio interessante. O número de usuários não tinha grandes perspectivas de aumentar no mesmo rítmo que crescia o consumo.
    Conteúdos cada vez mais pesados e a negação de fornecedores de conteúdos participarem da expansão de infraestrutura.
    A saída foi esta mesmo, a franquia. Quem consome mais paga mais.

    Eu já defendi isso aqui na época que circulou a notícia alemã.... e fui muito criticado por quem defende a liberação irrestrita. E quando vejo manifestações de asociações de usuários, Procons e afins, sempre é colocado o assunto numa luz negativa para o lados das telecom.
    Para mim é pura falta de conhecimento técnico. Não há como atender a todos os usuários cada vez mais fominhas ( e com razão, pois o conteúdo está aí disponível) sem aumentar infraestrutura.... E tem outro fator que contribui para a franquia, a regulamentação da Anatel sobre as bandas disponiveis em cada momento e na média... São valores altos, como 80% de banda em medição média é o que prevê a norma em breve.
    Aquele argumento de que "estou pagando" e por isso eu quero, vai obrigar a expansão da infraestrutura por todos os prestadores de serviço. Então é natural que se cobre mais de quem mais utiliza a infraestrutura.
    Concordo totalmente com franquias em planos de acesso banda larga.

    E se serviços de água e energia funcionassem como o provimento de acesso à Internet? As companhias de saneamento teriam que aumentar sempre as tubulações e trocar bombas, já que o serviço seria contabilizado por vazão de água e todos iriam sempre querer mais (com a oferta disso viria demanda para maiores vazões, aplicações surgiriam); as concessionárias de energia teriam que fazer redes para entregar milhares de Volts (que representam a vazão) para os clientes usarem como quiserem, ao contrário de contabilizar os ampéres consumidos...

    O problema não é ter franquia, é ter franquia absurda e cara, como as operadoras fazem. Se provedor calcular bem os limites e preços, o resultado pode ser positivo. Se não vai cobrar por velocidade, essa característica tem que ser irrelevante no preço, é uma mentalidade diferente. Querer cobrar os mesmos R$80 dos 5Mbps anteriormente ilimitados pelos 5Mbps com franquia é abuso, merece perder mercado por falta de bom senso e esforço em fazer as contas.


    Citação Postado originalmente por MDdantas Ver Post
    Isso é um afronta ao Marco Civil da Internet (Lei nº 12.965, de 23 de abril de 2014). Infrigi mais especificamente o Artigo 9º, que diz:


    "Art. 9º O responsável pela transmissão, comutação ou roteamento tem o dever de tratar de forma isonômica quaisquer pacotes de dados, sem distinção por conteúdo, origem e destino, serviço, terminal ou aplicação."

    O Ministério público do Distrito Federal já solicitou explicações.
    Não enxergo o modelo de franquias infringindo esse artigo. Distinção seria se a franquia fosse aplicada somente para NetFlix e YouTube, por exemplo. A franquia é aplicada independente do conteúdo, sem distinção. Se uma franquia nesse modelo infringir o artigo 9º, então limitar velocidade, como os planos atuais, também infringe, o que obviamente não faz sentido.



  17. #17

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    Um exemplo prático era o consumo de água aqui na minha cidade, no início se cobrava uma taxa fixa para uso ilimitado da água, resultado não existia represa suficiente, a companhia era retirando bomba de uma represa para outra fazendo adutora, para atender, tinha neguinho com pomar no fundo de casa com água derramando o dia todo. Ao se colocar os contadores em todas as casas, o consumo despencou... passa se períodos de logas secas aqui e nem por isso represa seca, e sem contar que tem bem mais habitantes do que há 15 anos atrás...

  18. #18

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    Gente
    Tem algumas pessoas dizendo que Esse lance da Franquia vai ser ótimo para pequenos provedores, mas eu acho que vai é uma faca de dois gumes.

    Os pequenos provedores podem até instalar mais clientes, mas possivelmente a quantidade de HardUsers também vai aumentar, logo, consumira mais link do provedor.

    Vou deixar uma dica de um sistema bem bacana: Topsapp
    Na maioria dos sistemas, você pode configurar velocidades por horario... assim o cliente pode ter uma velocidade de dia e outra de noite... é aplicado em todos os clientes com aquele plano.
    Já quando você configura um Plano com franquia, apenas o cliente que atingir esse limite tem a velocidade reduzida para o minimo e assim fica até a vira do mês.

    No topsapp, você consegue juntar ambos (Velocidade por horário e Franquia de dados).
    Por exemplo:
    Você pode configurar um plano (ex: 2Mega) com Franquia (Ex: 20GB) e dizer que o cliente (APÓS ATINGIR A FRANQUIA) terá uma velocidade reduzida em horario de pico (ex: 1,5Mega entre 17:00 ~ 00:00 hrs) e velocidade normal nos demais horarios (ex: 2 mega entre 00:00 ~17:00 hrs)

    Dessa forma, o provedor consegue fazer com que APENAS os HardUsers tenha sua velocidade reduzida em horário de pico, e velocidade normal nos demais horários.
    Já que apenas os HardUsers atingiram aquela franquia média que tu estipulou.
    Enquanto os usuários normais terão a velocidade normal sempre.

    Apenas usando essa configuração, o provedor pode economizar até 20% de seu link.

    PS: essa opção foi implementada no Topsapp a uns 2 anos atrás depois de uma sugestão/solicitação minha.



  19. #19

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    Citação Postado originalmente por MDdantas Ver Post
    Isso é um afronta ao Marco Civil da Internet (Lei nº 12.965, de 23 de abril de 2014). Infrigi mais especificamente o Artigo 9º, que diz:


    "Art. 9º O responsável pela transmissão, comutação ou roteamento tem o dever de tratar de forma isonômica quaisquer pacotes de dados, sem distinção por conteúdo, origem e destino, serviço, terminal ou aplicação."

    O Ministério público do Distrito Federal já solicitou explicações.
    Errado meu caro.
    A franquia não afronta em nada esse Art.
    Até porque o artigo refere-se a tratamento diferenciado conforme o tipo de pacote/conteudo.
    E no caso da franquia é um limite de uso independente do conteúdo.

  20. #20

    Padrão Re: franquia na banda larga. E AGORA....

    esa franquia e para cliente final, nao altera em nada quem tem link dedidaco, quem tem link dedicado pode seguir operando com seus clientes sem franquia normalmente se tiver link sobrando.