Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Olá pessoal, primeira vez que uso rocket m5 com basetation , e não estou me dando muito bem,
    antes do basetation eu tinha um nano loco m5 (velho) e parecia que tava melhor , porém eu estava com 18 clientes
    pendurados e em alguns o sinal não era muito bom , creio que por causa da abertura do nano loco .
    Comprei um basetation 90G 17dbi e coloquei com uma rocket m5 , tudo novo , porem o sinal nos clientes não aumentou sequer 1dbi , clientes todos airgrids m5 a menos de 2 km
    e estão com lentidão , testei diversas configurações e canais .. segue os prints , espero que alguem possa me ajudar

    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         imagem.JPG
Visualizações:	96
Tamanho: 	126,8 KB
ID:      	64166

    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         imagem2.JPG
Visualizações:	102
Tamanho: 	165,2 KB
ID:      	64165

    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         3.JPG
Visualizações:	82
Tamanho: 	103,8 KB
ID:      	64167

  2. Bom dia
    Cara tá tudo errado ai nas configurações, primeiro ativa o WDS, depois desabilita o dfs depois coloca em 20 Mhz, depois coloca a potencia no ultimo, e tenta usar canal do 5400 ate 5500 que fica melhor nas rockets, e no pais coloca australia para poder abrir mais canais.
    Testa ai depois posta os resultados



  3. Boa noite caros colegas, aproveitando o tópico do amigo.
    Tbem estou com o mesmo problema, porem minha base-station é de 120Gº - 16DBI.
    Uso em compilance test e potencia no talo.

  4. E como estão os sinais dos clientes?

    No caso da imagem no primeiro post, tem cliente chegando com sinal -75dBm, isso é um sinal bem inútil, só serve pra MCS9 e olhe lá.

    Esse negócio de mudar de país é uma besteira enorme, lei é pra ser cumprida, se na área da IEC e no Brasil o limite de emissão é 27dBm EIRP abaixo de 5725MHz, quem quiser usar mais potência que mude de país (Ou faça um questionamento técnico muito bem embasado pra Anatel, mas isso não tem como, tem mil motivos pra limitar a potência nessa faixa). Se você está usando canal abaixo de 5725MHz, e informa que a antena é de 17dBi, pode configurar pra 12, 15 ou 25dBm de potência que NÂO ADIANTA, o software vai limitar a 27dBm EIRP (17dBi + 10dBm = 27dBm EIRP).

    Mudar de país sem conhecer a legislação do outro país é mais noobice que não conhecer a legislação do país onde mora.

    Se tem sinais tão lixo tipo -74 ou -75dBm vindo do cliente, não adianta mexer em potência na torre, potência de TX não muda nada o RX (Só quem acha que muda é velho surdo que fala gritando). Pra saber qual data rate usar pro cliente enviar dados (TX rate do cliente, RX na torre) é só olhar o datasheet do equipto na torre, no caso do Rocket M5:
    https://dl.ubnt.com/rocketM5_DS.pdf

    Tá lá a sensibilidade, MCS12 tem sensibilidade de -84dBm. Se aplicar uma margem de 8dBm isso significa sinal de -76dBm (Entre -84 e -76 tem 8 de diferença, matemática básica), e isso implica em 10% de perdas nos pacotes, 10% de perdas nas rajadas de dados geralmente exige o reenvio de TODOS os pacotes (Perder 1800 bits de um pacote de 1472 bytes é MUITA coisa), ou seja, sinal -76dBm pra MCS12 é sinal LIXO, baixo demais, completamente inútil. Aqui dá pra ter uma noção dos perdas com cada margem:
    https://community.ubnt.com/t5/Wirele...hment-id=17483

    Com 18dB de margem (-84 + 18 = -66dBm) já cai pra 1% de perdas. Pra ficar ABAIXO de 1% de perdas (O mínimo de qualidade que se espera é isso, não ter perdas nem de 1% e sim menos que isso) é com uns 20dB de margem. Ou seja, sinal -64dBm caso use um data rate cuja sensibilidade seja de -84dBm.

    Então, se o cliente chega com sinal -75dBm, 20dB de margem leva a qual data rate? Leva ao inútil MCS8, que mal permite vender 2 ou 3Mbps de upload agregado. Então NÃO DÁ pra ter rede decente com cliente com sinal tão baixo, tem que resolver a falta de visada deles, se quiser usar um MCS10 nos clientes (TX nos clientes, RX na torre) tem que dar um jeito dos clientes chegarem em pelos menos -70dBm (E MAIS que -70 é -69, -68, -67, etc).

    Quando a desabilitar DFS, cai na mesma questão de mudar país: Tem legislação pra que, caramba? Tá lá na resolução 506 ( http://www.anatel.gov.br/legislacao/...-resolucao-506 ), DFS é OBRIGATÓRIO entre 5470 e 5725MHz, quem quiser usar a legislação pra limpar a bunda, que se mude pra Bolívia ou pra Venezuela, aqui (E e em todo o mundo civilizado) um radar meteorológico pra uso aeronáutico é MUITO mais importante que um provedor que entrega internet pro povão ficar pendurado no facebook futricando a vida alheia. Que se dane o facebook, os radares aeronáuticos são muito mais necessários que um provedor de internet operando com alta potência onde não deve.
    (Se não quer usar DFS, é só usar 5725-5850MHz, ou se mudar pra Bolívia e Venezuela, bem simples. Quem opta deliberadamente por ignorar legislação é marginal, não merece respeito)

    Todos os canais de 5725-5850MHz estão ocupados? Se estão, tem que aprender a se virar com os 27dBm EIRP que a lei permite na faixa dos 5470-5725MHz. E com 27dBm EIRP dá pra atender cliente até uns 2km, pois com 27dbm e antena de 16 ou 17dBi terá em 2km sinal na casa dos -70dBm, que até serve pra digamos MCS12 (Daria 14dB de margem) desde que todos os clientes tem zona de Fresnel limpa. Em rede perfeita até 12dB de margem presta, mas repetindo: desde que todos os clientes tenham zona de Fresnel 100% limpa. Se 3 ou 4 clientes tiverem visada porca, com apenas 50 ou 60% da zona de Fresnel (Ou pior, se um vizinho nem tiver visada) tem que partir pra margem de 20dB (Então com -70dBm só poderia usar MCS10, que permite vender 15Mbps agregado em condições boas.

    Tem que manter TODOS os clientes com nível de sinal decente pro data rate em uso (E o software é besta, ele não sabe analisar qualidade de sinal, e seleciona automaticamente data rates altos demais pros níveis de sinal existente, o software trabalha com margem tipo 8 ou 10dB, mas ele usa a mesma margem em ambiente limpo ou poluído, onde tem reflexos ou onde não tem, enfim, em ambiente ruim ele faz como nesse caso, usa data rate muito alto pro sinal que tem, o que resulta em CCQ tipo 70%, enquanto se usasse uma margem decente teria CCQ acima de 95%.

    Outra margem a olhar é a margem entre sinal e ruído, se o ruído está em -91dBm, e o sinal está em -71dBm, isso dá uma margem de 20dB até o ruido, logo, a relação sinal-ruído é de 20dB, e... desde quando 20dB de SNR é suficiente pra data rate alto em wifi?
    Se pegar tabela como essa:
    http://image.slidesharecdn.com/v1brk...?cb=1324564314
    E ver onde tem 20dB de margem, é em MCS11 (Ou MCS3, caso use polarização simples). Se quiser usar data rate maior PRECISA ter SNR maior, e o jeito de ter isso é conseguindo nível de sinal mais alto, ou nível de ruído mais baixo.
    (Alias, notar na tabela que ela foi feita com o MRC ( https://en.wikipedia.org/wiki/Maximal-ratio_combining )com 3 clientes, entre MCS0 (1 chain, ou 1 polarização) e MCS8 (Mesma modulação mas com 2 chains, ou 2 polarizações) o MRC cai de 4,7 pra 1,7dB de ganho, porque passou de 3 pra 6 sinais, passando pra 10 clientes isso cai ainda mais, por isso PTMP não pode ter as mesmas regras de um PTP, um PTP com SNR de 25dB e margem (SOM) de 20dBm dá um throughput enorme, mas PTMP vai dar metade ou 2/3 disso com os MESMOS níveis de sinal. -70dBm de sinal vindo dos clientes só é útil em ambiente limpo, e onde esse sinal é resultado de distância e não de zona de Fresnel parcial. Pra maioria dos ambiente urbano só existe qualidade quando se ficar acima de -65dBm (E acima quer dizer -64, -63, -62, etc). Se não tem como erguer a CPE do cliente pra limpar a zona de Fresnel, então tem que cancelar o atendimento a esse cliente, se ficar atendendo todo mundo vai precisar trabalhar com margem de 20dB ou mais pra manter a qualidade nos clientes que tem sinal bom.

    E só mudem configuração de país se mudarem de país, se tem uns marginal pilantra que preferem ignorar legislação deixa eles morrerem com a legislação enfiada na bunda, quem espera um mundo mais justo tem que fazer a sua parte ainda que uns idiotas optem pela ignorância e nem leiam a legislação, ou optem pelo egoísmo e descumpram só a parte da legislação que interessa ao próprio bolso.



  5. Sobre as frequências liberadas para uso. Gostaria de tirar a dúvida. posso usar de 5470 e 5725MHz com DFS ativo, e de 5725-5850MHz com ele desativado certo?

    Outra dúvida. Sempre configurei com todos os canais liberados, acabei de testar e configurei uma PTP (mikrotik) com país brasil e setei Frequency Mode como regulatory-domain para seguir a regulação do pais. Observei então que as frequências liberadas são de 5180 até 5815 ai fiquei confuso.

    Posso deixa meu equipamento em superchannel e limitar as frequência liberadas pelo governo? Ou devo obrigatoriamente selecionar regulatory-domain?

    Fico na duvida se
    regulatory-domain ajusta outras obrigações impostas pela anatel!

    Desculpa usar o espaço desse tópico para tirar outra dúvida, mais como comentaram sobre esse assunto e sempre tive essa dúvida.






Tópicos Similares

  1. antenas para pnt-pnt 5.8ghz? Hyperlink HG5817D 17dBi
    Por Projeto_Destino no fórum Redes
    Respostas: 2
    Último Post: 07-12-2007, 00:31
  2. Respostas: 11
    Último Post: 22-11-2007, 22:38
  3. Hyperlink 2,4Ghz Setor 17dBi
    Por backUp no fórum Redes
    Respostas: 7
    Último Post: 10-10-2007, 08:35
  4. Setorial Hyperlink 17dbi
    Por chacal4p no fórum Redes
    Respostas: 19
    Último Post: 19-04-2007, 15:29
  5. 10G baseT
    Por sara no fórum Redes
    Respostas: 0
    Último Post: 09-06-2005, 16:29

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L