+ Responder ao Tópico



  1. Caros colegas,

    Sou novato aqui, e se estiver cometendo alguma gafe me corrijam.

    Tenho o seguinte cenário:

    1 RB 2011 com entrada do Link dedicado na porta SFP
    1 RB 1016 como concentrador

    Está em funcionamento.

    Vou receber um segundo link, chegará também numa fibra.
    Não sou AS ainda.
    Gostaria de uma dica do equipamento que deverei utilizar para balancear esses dois links e, se possível, um passo a passo que deva seguir.

    Agradeço antecipadamente a ajuda!

  2. Divida os links conforme a demanda da rede, nunca deixe duas conexões pro mesmo IP de Origem, a não ser que você seja um AS e use uma boa política de roteamento.

    Você esqueceu de um detalhe importante; Qual a velocidade desses links?

    Se for inferior a 500Mbps, use uma RB1100 ou CCR1009.
    Se for superior a 500Mbps, use uma CCR1016 ou CCR1036.

    Caso precise de consultoria ou serviço profissional, entre em contato via mensagem privada



  3. Utilize a própria CCR1016 para fazer o balanceamento. Utilize a RB2011 somente para poder usar o SFP caso eles te entreguem por SFP, e o segundo link no SFP da CCR1016. Caso eles tenham conversores de mídia próprio deles, você nem usa a RB2011.

    Você pode fazer um balanceamento simples, PCC, utilizando somente src-address como valor de hash na politica do PCC. Isso quer dizer que o balanceamento será feito a nível de cliente, e não de conexão. Ou seja, a decisão de balanceamento será feita utilizando somente o endereço de origem do pacote (endereço do cliente), o que fará que aquele cliente sempre saia pelo mesmo link. Isso evita problemas com sites de bancos por exemplo.

    Caso você tenha links assimétricos, você pode ainda utilizar outras políticas de balanceamento. Você pode, por exemplo, redirecionar todo trafego da porta 53 para o link de menor latência (porta 53 é porta do DNS), fazendo o DNS responder mais rápido. Pode redirecionar todo o trafego UDP de portas altas para o link de maior banda, pois trafego UDP de portas altas geralmente é trafego P2P. Se decidir direcionar TODO o trafego UDP para um link específico, é só lembrar de excluir dessa regra as portas UDP 80 e 443, que são utilizadas pelo protocolo SPDY do Google (que é um stream UDP que o gmail utiliza por exemplo, quando aberto pelo Chrome).

    Trafego pela porta TCP 80 você pode tranquilamente balancear entre os 2 links independente das regras PCC. Isto no caso de links assimétricos, pois você pode inclusive, randomicamente, direcionar maior parte do trafego da porta 80 para o link maior, parar tentar equilibrar mais os links e aproveitá-los melhor.

    Enfim, equipamento novo acredito que você não precise, pois mesmo que você use os SFP para receber os links, você vai ter o SFP da RB2011 e o da CCR1016.

  4. Citação Postado originalmente por inquiery Ver Post
    Utilize a própria CCR1016 para fazer o balanceamento. Utilize a RB2011 somente para poder usar o SFP caso eles te entreguem por SFP, e o segundo link no SFP da CCR1016. Caso eles tenham conversores de mídia próprio deles, você nem usa a RB2011.

    Você pode fazer um balanceamento simples, PCC, utilizando somente src-address como valor de hash na politica do PCC. Isso quer dizer que o balanceamento será feito a nível de cliente, e não de conexão. Ou seja, a decisão de balanceamento será feita utilizando somente o endereço de origem do pacote (endereço do cliente), o que fará que aquele cliente sempre saia pelo mesmo link. Isso evita problemas com sites de bancos por exemplo.

    Caso você tenha links assimétricos, você pode ainda utilizar outras políticas de balanceamento. Você pode, por exemplo, redirecionar todo trafego da porta 53 para o link de menor latência (porta 53 é porta do DNS), fazendo o DNS responder mais rápido. Pode redirecionar todo o trafego UDP de portas altas para o link de maior banda, pois trafego UDP de portas altas geralmente é trafego P2P. Se decidir direcionar TODO o trafego UDP para um link específico, é só lembrar de excluir dessa regra as portas UDP 80 e 443, que são utilizadas pelo protocolo SPDY do Google (que é um stream UDP que o gmail utiliza por exemplo, quando aberto pelo Chrome).

    Trafego pela porta TCP 80 você pode tranquilamente balancear entre os 2 links independente das regras PCC. Isto no caso de links assimétricos, pois você pode inclusive, randomicamente, direcionar maior parte do trafego da porta 80 para o link maior, parar tentar equilibrar mais os links e aproveitá-los melhor.

    Enfim, equipamento novo acredito que você não precise, pois mesmo que você use os SFP para receber os links, você vai ter o SFP da RB2011 e o da CCR1016.
    Cara muito interessante sue comentário sobre links assimétricos,eu gostaria de trocar uma ideia sobre esse assunto.
    Abraço.






Tópicos Similares

  1. Respostas: 9
    Último Post: 23-01-2013, 16:43
  2. Link dedicado da OI em Brasilia
    Por jviana2004 no fórum Redes
    Respostas: 13
    Último Post: 09-03-2012, 19:29
  3. Balanceamento link dedicado e adsl
    Por MaxAdriano no fórum Redes
    Respostas: 31
    Último Post: 01-09-2009, 22:30
  4. Respostas: 24
    Último Post: 23-10-2007, 14:04
  5. Balanceamento - Link dedicado e Adsl da BrT
    Por rfm no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 2
    Último Post: 23-10-2005, 21:58

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L