Página 3 de 8 PrimeiroPrimeiro 1234567 ... ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Ah sim, nas yagi é comum o último elemento ser um refletor:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         Yagi.gif
Visualizações:	44
Tamanho: 	9,6 KB
ID:      	65406

    Os 2 elementos ligados no cabo são os dipolos, são geralmente os últimos ou penúltimos elementos, os da frente (Diretores) são só pra encaminhar o sinal.

    Tem yagi com refletor a venda:
    http://www.estrela10.com.br/antena-u...36009-p4356845

    O refletor precisa ter o ponto focal no dipolo, em gambiarra tipo isso o ponto focal está batendo nalgum elemento diretor:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         110dmw7.jpg
Visualizações:	29
Tamanho: 	490,8 KB
ID:      	65407

    Por mais que talvez dê alguns dBi a mais de ganho, pro ganho ser otimizado teria que colocar o dipolo no ponto focal da antena, no caso das parabólicas de tela ou de chapa é aquele ponto onde fica o disco do LNBF.

    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         parabolica-foco-central.gif
Visualizações:	29
Tamanho: 	7,9 KB
ID:      	65408Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         img0895.png
Visualizações:	26
Tamanho: 	5,1 KB
ID:      	65409

    Se colocar a grade de uma antena 2,4GHz 25dBi, mesma coisa, o dipolo 2,4GHz fica nessa ponta preta, e algumas antenas yagi da Proeletronic são quadradas e acho que até encaixam no cano quadrado das antenas:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         usb-2510-2.png
Visualizações:	26
Tamanho: 	59,2 KB
ID:      	65410

    Só não sei quantos dBi de ganho aumentaria, em 1800MHz provavelmente uns 10 a 15dBi a mais (colocando o dipolo no ponto focal, e acertando a polarização), mas em 900MHz talvez 6dBi a mais, é pouca área de reflexão pra frequência tão baixa (Que tem o tamanho de onda maior).

    Com o ponto focal em algum elemento diretor não sei se tem como calcular o ganho, até onde eu conheça só existe ganho máximo se o dipolo ficar no ponto focal, com ele tão longe do ponto focal (Como na gambiarra com antena de disco cinza) sei lá se dá 3dBi a mais, é um peso tão grande a mais que concorre com a possibilidade de colocar a antena simplesmente num cano mais alto e estaiar (Minha irmã tem antena 21dBi em cima de 10m de cano 3" sem estaios! Só preso na lateral de um poste de 4m com 2,5m enterrado), como a difração faz diferença em poucos metros essa possibilidade tem que ser pensada, antena grande e baixa versus antena pequena e alta, 10m de diferença na altura (E talvez mais longe do obstáculo a frente) faz diferença.

    Digamos isso:

    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         difracao2.gif
Visualizações:	40
Tamanho: 	18,9 KB
ID:      	65411

    Se tiver aquelas offset tipo da Zirok, acho que existe ponteira pra elas, mas é adaptação, mais ou menos como esses, é um dipolo de antena de grade adaptado pras offset:
    http://produto.mercadolivre.com.br/M...7590-zirok-_JM
    Não que não valha a pena comprar, mas dipolo simples 1800MHz é minima coisa menor que o 2,4GHz, seria só pegar um dipolo 2,4GHz de uns 3,1cm e diminuir pra uns 2cm, ia cair de meia onda pra 1/4 de onda. Pra ficar em meia onda teria que fazer um dipolo com 2 terminais de uns 4cm cada. Nos ponteiras originais da Zirok não cabe dipolo tão grande (Só de 2cm), e nas parabólicas de TV via satélite o monopolo que elas tem nos LNBF está no tamanho certo, seria só soldar o cabo direto lá dentro, aproveitando um LNB queimado. Falo desses monopolo dentro do LNBF (Tem um em cada polarização), um paralelo ao pino e outro na transversal:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         004 Lnbf KU com semi pino (Postar).jpg
Visualizações:	38
Tamanho: 	100,1 KB
ID:      	65412
    Parabólica banda C é feita justo pra 950 a 2150MHz, bate certinho com celular 2G a 3G.


    Ah, agora que falei de polarização lembrei: A antena das torre é dupla-polarização geralmente, então sua yagi pode ficar na vertical ou na horizontal, mas se ficar na horizontal DEVIA TER uma atenuação menos nos obstáculos que ficam acima ou abaixo, digo, a difração pra BAIXO ou pra CIMA afeta mais as ondas na vertical.
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         VxH.jpg
Visualizações:	25
Tamanho: 	114,1 KB
ID:      	65413
    Não custa testar, virar a antena 90°, seja yagi ou qualquer outra (Disco, grade, patch).

    E se for pra construir algo, eu faria uma yagi com mais elementos, apoiada em 2 pontos de tão grande, tipo:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         EF7017_mount.jpg
Visualizações:	36
Tamanho: 	33,5 KB
ID:      	65414
    ou esse absurdo com 6m:


    (Ele comenta que não funcionou, e dá pra ver de longe o motivo, está só 1m acima do telhado e tem obstáculo logo na frente, ele entendeu o conceito de como yagi's funcionam mas não entendeu que RF penetra por obstáculo só com perdas consideráveis, não adianta passar um obstáculo se na verdade 80% do sinal ficou pra trás do obstáculo, teria que fazer isso em cima de tubos de pelo menos 4m acima do telhado, põe 3 estaios de arame comum em cada tubo e o troço fica firme)

  2. Caso particular da Claro, sei por que com antena na banda de 900 MHz o sinal chegava digamos -80dBm, e com antena de 1800 MHz a -105 dBm ou só identificava, mas com uma quadri-band e/ou log periódica a -90 dBm e conseguia ligar mas sua instabilidade era muito alta, precisando de operar com a Tim em 1800. A menos que neste caso, esteja usando sinais de duas ERBs diferentes, além de estar a 32 km de distância.
    A Tim usa 4 setoriais divididos em 4 cardeais, a Vivo usa omni e duas setoriais e o mesmo com a Claro; a Oi apena para área urbana. O posicionamento dessas antenas faz uma boa diferença.



  3. Citação Postado originalmente por Nilton Nakao Ver Post
    Caso particular da Claro, sei por que com antena na banda de 900 MHz o sinal chegava digamos -80dBm, e com antena de 1800 MHz a -105 dBm ou só identificava, mas com uma quadri-band e/ou log periódica a -90 dBm e conseguia ligar mas sua instabilidade era muito alta, precisando de operar com a Tim em 1800. A menos que neste caso, esteja usando sinais de duas ERBs diferentes, além de estar a 32 km de distância.
    A Tim usa 4 setoriais divididos em 4 cardeais, a Vivo usa omni e duas setoriais e o mesmo com a Claro; a Oi apena para área urbana. O posicionamento dessas antenas faz uma boa diferença.
    Olá amigo! as antenas yagis têm uma boa fama em desempenho, porém, no meu
    ponto de vista, existe um modelo de antena especifico para cada situação. Aqui a 20km da torre da Tim, antes quando a transmissão era feita em 900mhz, elas
    funcionavam perfeitamente, depois que Tim passou a transmitir apenas em 1800mhz, antenas yagis nesta frequência não funcionam, e quando funcionam é
    de maneira não satisfatória. A antena que funciona aqui em 1800mhz é apenas a
    antena de grade triband da proeletronic.

  4. Citação Postado originalmente por chicao48 Ver Post
    Olá amigo! as antenas yagis têm uma boa fama em desempenho, porém, no meu
    ponto de vista, existe um modelo de antena especifico para cada situação. Aqui a 20km da torre da Tim, antes quando a transmissão era feita em 900mhz, elas
    funcionavam perfeitamente, depois que Tim passou a transmitir apenas em 1800mhz, antenas yagis nesta frequência não funcionam, e quando funcionam é
    de maneira não satisfatória. A antena que funciona aqui em 1800mhz é apenas a
    antena de grade triband da proeletronic.
    E tem uma explicação bem básica para uma yagi cortada para 900mhz não funcionar bem em 1800mhz, apesar de serem multiplos. É que essas antenas yagi comerciais são projetadas especificamente para ter seu melhor desempenho em 1/4 de onda... sendo que a distância e tamanho dos diretores muda. Enquanto dipolo de 1/4 de onda para 900mhz tem aproximadamente 16cm de diâmetro e o primeiro diretor tem 14cm em uma yagi para 1800mhz o dipolo tem 8cm, o diretor tem 7cm... se observarem é um a metade do outro... o que muda então?
    A posição dos diretores... eles não seguem a mesma proporcionalidade do tamanho de onda.
    Também, como as antenas estão projetadas para o melhor desempenho em 1/4 de onda, quando usamos uma antena de 900mhz em um sinal de 1800mhz, ela estaria trabalhando como uma antena de 1/2 onda... O dipolo até pode estar correto, mas invariavelmente os diretores não vão estar corretamente dimensionados e nem posicionados. Por isso o desempenho dela não é o mesmo.
    Quanto a antena da Proeletronic , tem duas possibilidades... ela é cortada para 1800mhz... a grade funciona como um concentrador melhor.

    Enviado via SM-J110L usando UnderLinux App



  5. A ideia geral das yagi 800-2100MHz é justo ter um dipolo qualquer, mas ter diretores no tamanho pra ressonar 800 a 2100MHz.

    Funcionar funciona, mal e porcamente mas funciona, igual antena de TV com esse conceito, indo de 54 a 300MHz, é um range grande demais.

    Numa yagi apenas 900MHz, os diretores tem tamanho que bate com 1/4 de onda de uns 840 a 980MHz, que é até um pouco mais que a faixa dos 900MHz usa, mas funciona bem melhor.

    Com diretores de tamanhos muito variados o VSWR ao longo das frequências muda muito, tem 1:1,5 a 900MHz e talvez 1:2 a 1700MHz, e mais que isso acima de 1840MHz, isso é uma diferença enorme. O ganho também tem que mudar, os fabricantes não divulgam esse dado, só colocam um ganho único, mas provavelmente se apoiam na praxe de mercado de dizer ganho no angulo nominal de meia potência ou de 1/4 de potência (Ou seja, 3db ou 6dB a menos). No caso de uma yagi 850-1800MHz falam em 12dBi, mas... provavelmente tem 6 a 12dBi conforme a frequência, numa frequência muito fora do ideal além do ganho de apenas 6 ou 7dBi ainda vai ter o VSWR de 1 pra 2,5, aí fica impossível comparar com outra frequência a 12dBi e 1 pra 1,5 de VSWR.

    Yagi é ótima pra bandas baixas (Celular), pelo comprimento da antena com digamos mais de 10 elementos os diretores mandam pro dipolo tudo que chega em qualquer área da antena. Com antena patch (Impressa em PCB) as vezes movimentando a antena 30 ou 40cm o sinal muda alguns dBm, a yagi com mais diretores aproveita isso, é excelente pra conexão sem visada. Mas pra altos throughputs acho que não fica ótimo, eu uso muito aquelas CPE da Oiwtech que tem yagi dentro, mas troco a PCBA original por MK, e tráfego tipo 20-30Mbps é tranquilo, baixo ping e sem variar, acima disso ainda não consegui mesmo com sinais ótimos (E uso fora da cidade geralmente, onde a poluição no espectro é zero), suspeito que em data rate tipo 64QAM ou 256QAM começam os efeitos dos reflexos que os diretores "trocam" entre si digamos "mandando pro lado errado", em modulação mais baixa não faz efeito mas nas altas me parece que sim. Mas estou me baseando só nas yagi da Oiwtech (Cortadas a laser em chapa de alumínio de uns 4mm) e numas genéricas de 9 a 13dBi que tem na DealExtreme (Já comprei todas por lá, 2,4 a 5GHz, são com tubos igual as yagi 900MHz Aquario e cia), o desempenho dos 2 tipos (Cortado em chapa, ou com tubos) me parece igual, não consegue throughput muito alto mas nos baixos o CCQ e throughput são estáveis e sempre no limite máximo.

    Se antena dualband fosse uma coisa tão boa os roteadores de ponta usariam, mas tudo o que custa caro e tem bom desempenho OU tem uma antena pra cada banda, OU tem aquelas anteninhas multiformato de baixo ganho (2dBi), OU tem antena única mas com entradas em pontos diferentes (O que na prática torna 2 antenas, tipo essa dos WRT da Linksys: https://i.ytimg.com/vi/JclIw8mTKAo/maxresdefault.jpg A antena no canto inferior esquerdo tem o cabo cinza soldado num lado e o cabo preto no outro, são 2 antenas aproveitando uma mesma base, na hora de fabricar (Prensar) é uma peça só mas são 2 antenas diferentes pois o ponto de alimentação é diferente. Uma yagi 900/1800MHz deveria ter 2 conectores diferentes (Um indo pra cada dipolo), aí seriam 2 antenas diferentes na prática).

    E no caso da Aquario yagi de 12dBi, eu comprei o modelo que vem na caixa dizendo que é 900MHz, depois outra que na caixa vem dizendo que é 1800MHz, mas dentro elas são iguais, provavelmente é um modelo dualband que é vendida ora como dualband, ora como 900 e ora como 1800MHz.

    Se for usar uma yagi de 1730-1850MHz acredito que vai ter o mesmo funcionamento que com grade, mas essas yagi de R$ 120 duvido muito que tenham fabricação exclusiva, acho que são quase todas modelos 900MHz adaptados.

    O jeito de ver se á frequencia exclusiva é ver tamanho de diretor, o menor não pode ter metade do tamanho do maior. A yagi de 1 frequência tem os diretores quase todos do mesmo tamanho:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         New-Cell-phone-signal-booster-External-font-b-Yagi-b-font-Antenna-for-800-850-font.jpg
Visualizações:	32
Tamanho: 	42,3 KB
ID:      	65423
    Enquanto nas dualband (Que eu só aceito de graça) o diretor da frente tem praticamente metade do tamanho do último antes do dipolo:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         China_GSM_Dual_band_directional_Yagi_antenna20128181003228.jpg
Visualizações:	28
Tamanho: 	130,2 KB
ID:      	65424

    Se é pra atender digamos 900 e 1800MHz (E não 900 a 1800) teria que ter isso, aí sim faz algum sentido rodar normal nas 2 bandas tão distantes:
    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         YAGI.jpg
Visualizações:	50
Tamanho: 	14,0 KB
ID:      	65425

  6. Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Sobre perda de sinal em cabos longos, se usar um RGC213 (Grosso, mais de 1cm de grossura) vai perder, em 850MHz, algo na casa dos 2dBm de sinal. A 2100MHz seriam algo na casa dos 3dBm de perda.

    Com o cabo RGC58 (Evite o RG-58, com meio flexível), fino de menos de 0,5cm de grossura, a perda é maior, 20 a 30% maior!

    Mas putz, a antena externa terá sinal 30dBm maior, perder 3dBm em 15m de cabo não faz diferença nesse caso.

    Problema maior é em frequência mais alta tipo 5GHz, tem cabo que vai perder 20dBm em 15m a 5,8GHz, aí sim faz muita diferença.

    Cabo mais longo perde mais sinal, mas a 850 e 2100MHz, se usar RGC58 ou RGC213 a perda é meio insignificante pro ganho das antenas e do posicionamento externo dela. Atendo fazenda com 40m de cabo RGC213 (Em torre de 30m de altura, abaixo disso não pega) onde o ganho da antena (Intrínseco dela, e o ganho pela posição elevada) ultrapassa em muito as perdas no cabo (Alias, aqui a maioria das fazendas tem muito mais de 15m de cabos, geralmente só as torres e mastros tem 15m, pra chegar até dentro de casa é normal ter mais 10m!).
    Olá amigo! tenho que instalar uma antena de celular, na qual serão necessários
    15 metros de cabo, porém, tenho 9 metros de cabo rgc213, mas, para economizar dinheiro, quero comprar 6 metros de cabo rgc58 para completar os
    15 metros. Quero montá-lo com conector fêmea para emendar no conector macho
    do cabo rgc213. Será que haverá perda de qualidade de sinal?



  7. Citação Postado originalmente por chicao48 Ver Post
    Olá amigo! tenho que instalar uma antena de celular, na qual serão necessários
    15 metros de cabo, porém, tenho 9 metros de cabo rgc213, mas, para economizar dinheiro, quero comprar 6 metros de cabo rgc58 para completar os 15 metros. Quero montá-lo com conector fêmea para emendar no conector macho
    do cabo rgc213. Será que haverá perda de qualidade de sinal?
    Emenda geralmente tem perdas, além de que fazer emenda entre RG213 e RG58 é um serviço um tanto quanto questionável. Agora dependendo da frequência se for em banda baixa é provável que funcione se o sinal externo estiver bom. Se for para montagem de repetidor esqueça... faça um cabo único em RG213

  8. Como disse chicao48, no caso dele só funcionou a tri-band. Quando se usa em dual, acredito que devam usar duas antenas nas ERBs sendo uma para RX e outra para TX, em certos casos mascara o desempenho e chega a ter um bom resultado. Fiz muito isso em serviços privados( segurança privada e pública).
    Alguns fabricantes de telefone sem fio optam por usar duas antenas, principalmente no monofone.



  9. Citação Postado originalmente por sphreak Ver Post
    Emenda geralmente tem perdas, além de que fazer emenda entre RG213 e RG58 é um serviço um tanto quanto questionável. Agora dependendo da frequência se for em banda baixa é provável que funcione se o sinal externo estiver bom. Se for para montagem de repetidor esqueça... faça um cabo único em RG213
    Eu testei o roteador zte mf253l, em 500 metros de fio FE 80 de telefone aqui na cidade com antena interna, e funcionou.
    Quero instalá-lo na zona rural, para usá-lo apenas para voz. Vou ligá-lo numa antena externa de grade triband.

  10. Citação Postado originalmente por sphreak Ver Post
    Emenda geralmente tem perdas, além de que fazer emenda entre RG213 e RG58 é um serviço um tanto quanto questionável. Agora dependendo da frequência se for em banda baixa é provável que funcione se o sinal externo estiver bom. Se for para montagem de repetidor esqueça... faça um cabo único em RG213
    Olá amigo!


    Fiz 3 experiências com resultados negativos: 1ª: liguei um roteador zte mf253l em uma antena externa de celular a 20km de distância da torre e não deu sinal, enquanto isso, essa mesma antena indica 3 barrinhas de sinal no
    celular sem oscilar. 2ª: testei um divisor de sinal de celular para dois aparelhos, e a indicação de 3 barrinhas ficou oscilando entre 1 e 2. 3ª: testei um conector rgc 213 contra surto em cabo coaxial e indicou 0 de sinal; e todos esses eventos com antena apenas 6 metros de altura e com cabo de 9 metros de comprimentos.



  11. Citação Postado originalmente por chicao48 Ver Post
    Olá amigo!


    Fiz 3 experiências com resultados negativos: 1ª: liguei um roteador zte mf253l em uma antena externa de celular a 20km de distância da torre e não deu sinal, enquanto isso, essa mesma antena indica 3 barrinhas de sinal no
    celular sem oscilar
    Pode ser alguma configuração do roteador. Frequência ou banda. No celular a troca de frequências e bandas é automática (GSM -850,900,1800>>> CDMA 850,2100).

    Você usou um adaptador para conectar no celular? E no roteador?

    Muitas vezes a ausência de sinal tá nos detalhes. Mas se deu 3 barras no celular significa que é possível. É só determinar a banda e a frequência que tá chegando aí.

    Citação Postado originalmente por chicao48 Ver Post
    2ª: testei um divisor de sinal de celular para dois aparelhos, e a indicação de 3 barrinhas ficou oscilando entre 1 e 2.
    Divisores podem atenuar o sinal.

    P.S> NUNCA LIGUE 2 EQUIPAMENTOS EM 1 ANTENA!!! A saída do rádio de 1 pode queimar a saída do outro devido a alta potência.

    Citação Postado originalmente por chicao48 Ver Post
    3ª: testei um conector rgc 213 contra surto em cabo coaxial e indicou 0 de sinal; e todos esses eventos com antena apenas 6 metros de altura e com cabo de 9 metros de comprimentos.
    O comprimento do cabo tá jóia. Agora o protetor contra surto (centelhador) principalmente xing ling tem o mau hábito de interromper o sinal.


    Esse aqui é só uma emenda:

    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         download.jpg
Visualizações:	33
Tamanho: 	7,7 KB
ID:      	65695



    E esse aqui eu saio correndo dele:

    Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         download (1).jpg
Visualizações:	30
Tamanho: 	5,0 KB
ID:      	65696

    Na verdade o que esses centelhadores fazem é aterrar a malha do cabo.

    Centelhadores bons são a gás... e custam os olhos da cara!!

  12. Nome:      unnamed.jpg
Visitas:     118
Tamanho:  3,3 KBUsei o primeiro da esquerda, de uma entrada e uma saída.



  13. Citação Postado originalmente por chicao48 Ver Post
    Nome:      unnamed.jpg
Visitas:     118
Tamanho:  3,3 KBUsei o primeiro da esquerda, de uma entrada e uma saída.
    Ele é praticamente a mesma coisa que esse último que eu postei. Ele tem uma conexão pra aterramento. Esse tipo de centelhador (chinês principalmente) costuma atenuar tanto o sinal que pode acabar por interrompe-lo.

  14. Quinze metros está no limite para usar o cabo RGC 58C; mas se usar o cabo RGC 213C, terá menos atenuação, em contrapartida terá emendas pigtail ou adaptador para conector SMA o que conforme a frequencia pode piorar. Em todo o caso, se for para economizar sugiro nem começar. Nos projetos de rádio enlace para até 470 MHZ usa como padrão atenuação de até 3dB em cada conector mais um dB se tiver emenda ou niple( UHF, N etc), e no caso 700 MHZ até 6 GHZ é muito interessante repensar o assunto; Em guias de ondas acho que algumas empresas usavam até 5 dB de atenuação nas emendas mas a atenuação ao longo do condutor e praticamente nulo.

  15. Eu conectei 6 metros de cabo RGC 58 em 9 metros de cabo RGC 213 usando conectores fêmeas rosqueado no macho, o resultado foi péssimo; as 3 barrinhas de sinal caíram para apenas 1. A solução mais economica foi usar apenas os 9 metros de cabo RGC 213, e colocar a interface de celular em uma caixinha hermética de apenas r$15,00.

  16. Citação Postado originalmente por chicao48 Ver Post
    Eu conectei 6 metros de cabo RGC 58 em 9 metros de cabo RGC 213 usando conectores fêmeas rosqueado no macho, o resultado foi péssimo; as 3 barrinhas de sinal caíram para apenas 1. A solução mais economica foi usar apenas os 9 metros de cabo RGC 213, e colocar a interface de celular em uma caixinha hermética de apenas r$15,00.
    Jóia amigo! Essa é a instalação padrão que geralmente é feita.
    Em instalações futuras pode usar um cabo unico RGC58 de até 10mts. Acima disso dai é usado o RGC213. Sempre em peças únicas sem emendas.

    Abraço

    Enviado via SM-J110L usando UnderLinux App

  17. Citação Postado originalmente por sphreak Ver Post
    Jóia amigo! Essa é a instalação padrão que geralmente é feita.
    Em instalações futuras pode usar um cabo unico RGC58 de até 10mts. Acima disso dai é usado o RGC213. Sempre em peças únicas sem emendas.

    Abraço Enviado via SM-J110L usando UnderLinux App

    Olá amigo!

    Eu defino celular rural como "telefone quebra galho". Coloquei uma interface de celular a 200m de distância da residência; está indicando 3 barrinhas de sinal, com chip da TIM; faz ligação e recebe interurbanas, e locais para TIM de fora do estado. Está ocorrendo as seguintes situações: 1ª: quando alguém liga para esse número de uma cidade a 50km de distância dentro do mesmo estado, vem uma voz do além dizendo "esse número de telefone não existe". 2ª: ligações interurbanas para fora do estado só completam para a própria TIM; para outra operadora fica apenas buscando conexão, aí vem aquela voz do além dizendo "sua ligação está sendo encaminhada para caixa de mensagem.

  18. Citação Postado originalmente por chicao48 Ver Post
    Olá amigo!

    Eu defino celular rural como "telefone quebra galho". Coloquei uma interface de celular a 200m de distância da residência; está indicando 3 barrinhas de sinal, com chip da TIM; faz ligação e recebe interurbanas, e locais para TIM de fora do estado. Está ocorrendo as seguintes situações: 1ª: quando alguém liga para esse número de uma cidade a 50km de distância dentro do mesmo estado, vem uma voz do além dizendo "esse número de telefone não existe". 2ª: ligações interurbanas para fora do estado só completam para a própria TIM; para outra operadora fica apenas buscando conexão, aí vem aquela voz do além dizendo "sua ligação está sendo encaminhada para caixa de mensagem.
    Realmente. Celular rural é para aquelas localidades em que não há outra opção. Quanto a esses problemas de ligação pode ser algumas coisas. Pode ser a própria operadora (Tim é lixo) mas no sul por exemplo foi a operadora definida pela Anatel para a expansão rural. Tem localidade que fica até 15 dias sem sinal.

    Pode ser a interface. ITC4000 da Intelbras é lixo.... trava, não completa ligação, de difícil programação, além de ser um dinossauro que só funciona em GSM... ou seja, se pegar uma área de expansão rural que é obrigatório ser em 3G (CDMA) ela simplesmente é inútil... uma interface peso de papel ou escora de porta. Interface Daruma já foi boa....

    Eu recomendo a interface 3G da JFA... muito boa para ambiente rural e funciona até 500mts de FE80. E se não for necessário ser 3G a JFA tem modelo GSM barata e que funciona muito bem também.

    Essa "interfaces" que na verdade são roteadores 3G (Dlink, ZTE, Huawei, etc) com saída para telefone só funcionam bem quando o sinal está quase dentro de casa... aí já quase compensa investir em um repetidor.

    Enviado via SM-J110L usando UnderLinux App

  19. Citação Postado originalmente por sphreak Ver Post
    Realmente. Celular rural é para aquelas localidades em que não há outra opção. Quanto a esses problemas de ligação pode ser algumas coisas. Pode ser a própria operadora (Tim é lixo) mas no sul por exemplo foi a operadora definida pela Anatel para a expansão rural. Tem localidade que fica até 15 dias sem sinal.

    Pode ser a interface. ITC4000 da Intelbras é lixo.... trava, não completa ligação, de difícil programação, além de ser um dinossauro que só funciona em GSM... ou seja, se pegar uma área de expansão rural que é obrigatório ser em 3G (CDMA) ela simplesmente é inútil... uma interface peso de papel ou escora de porta. Interface Daruma já foi boa....

    Eu recomendo a interface 3G da JFA... muito boa para ambiente rural e funciona até 500mts de FE80. E se não for necessário ser 3G a JFA tem modelo GSM barata e que funciona muito bem também.

    Essa "interfaces" que na verdade são roteadores 3G (Dlink, ZTE, Huawei, etc) com saída para telefone só funcionam bem quando o sinal está quase dentro de casa... aí já quase compensa investir em um repetidor.

    Enviado via SM-J110L usando UnderLinux App
    A minha é JFA SMART CELL PLUS; é a única que funciona com menos problemas. Aqui a maioria usam INTELBRAS que é uma marca sinônimo de dor de cabeça. Quando eu fui comprar o vendedor me indicou a JFA, pois, ele deixou de vender INTELBRAS, porque estava tendo enxurrada de reclamações de clientes a respeito dessa marca.

  20. chicao48, quanto ao não completar ou receber, resolvi o problema ligando para TIM, mas num dado momento a operadora me informou que deveria levar o " chip" para assistência técnica da empresa, que no caso são quase 600 km. Eu simplesmente disse: troco de operadora, que é mais fácil kkkkkk em 15 minutos estava resolvido o problema.






Tópicos Similares

  1. QUal é a forma mais pratica de fazer teste de sinal para 3g ou 4G?
    Por ccbsumare no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 4
    Último Post: 10-02-2017, 13:55
  2. Respostas: 5
    Último Post: 12-03-2016, 11:17
  3. Antena para Ampliar Sinal de Celular
    Por wdnc5 no fórum Redes
    Respostas: 4
    Último Post: 22-10-2013, 23:17
  4. Respostas: 8
    Último Post: 05-09-2011, 15:50
  5. Respostas: 24
    Último Post: 29-04-2009, 07:46

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L