+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão diskless

    Galera jah perguntei uma vez e me passaram alguns links... mas eu to apanhado pacas e ainda num sai do lugar
    eu quero montar um servidor onde os clientes serão maquina sem disco rigido, quero que elas dem boot por diquete e usem os aplicativos no servidor, algem ja fez isso ???

  2. #2
    cantisan
    Visitante

    Padrão diskless

    Eu usei o lstp (Linux Terminal Server) para uma rede, mas o boot era via placa de rede (protocolo da intel), não precisei configurar nada. Existe um site que gera o disco de boot para você rom-on-matic (algo parecido), basta escolher a placa de rede e o protocolo que sera usado (pcx e etc).

    ps- Aproveitando, como voce fez para colocar sua foto no forum ? Eu tentei, mas so apareceu os icones prontos.



  3. #3

    Padrão diskless

    cara vc pode me dar + uns toques com isso??? eu num to conseguindo fazer nda....

    pra colocar a foto vc tem q mandar ela pra [email protected]

  4. #4

    Padrão diskless

    para meu desgosto acabei de descobrir que o LTSP não suporta o Slackware,.....
    alguem tem alguma alternativa???????



  5. #5
    Visitante

    Padrão diskless

    Usa o conectiva 8 ele vem com o software servidor remoto, e a configuração é toda gráfica feita no Linuxconf. basta entrar no modo serviços de inicialização, Boot remoto. Configura o DHCP habilita alguns serviços desabilita outros e pronto com 30 minutos você faz isso.

  6. #6

    Padrão diskless

    facil falar.... se fosse o problema soh do boot remoto eu montava uma maquina separada...
    nessa maquina eu tenho rodando:
    samba
    squid
    dhcp
    mysql
    apache
    etc,etc,etc....
    e num vou perder o desempenho dela colocando conectiva....



  7. #7
    cantisan
    Visitante

    Padrão diskless

    Eu até entendo que o Slackware é todo feito "a mão", toda a sua historia e etc... Mas dai você dizer que a performance será bem diferente eu duvido... Eu uso o RedHat, não porque ame a empresa e sim, porque a maioria dos aplicativos free ou comerciais são homologados para esta distribuição e meus clientes querem soluções e não ideologias se é que me entende... Resumindo, larga este slackware de mão e vai para o RedHat, mas fica de olho no UnitedLinux que promete... Se quiser maiores detalhes do LSTP pergunte!

  8. #8
    NickName
    Visitante

    Padrão diskless

    Você então pode usar o LTSP.

    O primeiro passo é ir no http://www.ltsp.org e baixar o LTSP, o software que iremos utilizar no servidor. Existem vários pacotes, com alguns aplicativos e vários drivers de vídeo, mas os pacotes básicos são:

    ltsp_core-3.0.0-1.i386.rpm
    ltsp_kernel-3.0.1-1.i386.rpm
    ltsp_x_core-3.0.1-1.i386.rpm
    ltsp_x_fonts-3.0.0-0.i386.rpm

    Depois de baixar e instalar os quatro pacotes (através do comando rpm -ivh nome_do_pacote, ou simplesmente clicando sobre o arquivo através do gerenciador de arquivos) você ainda precisará configurar os parâmetros referentes aos terminais editando os arquivos:

    /etc/dhcpd.conf
    /etc/hosts
    /opt/ltsp/i386/etc/lts.conf

    No site http://www.ltsp.org/documentation/ltsp-3.0.0/ltsp-3.0.html , você pode encontrar informações sobre a configuração de cada arquivo.

    Existem algumas limitações no uso do LTSP. O servidor deve ser o único servidor DHCP disponível na rede. Você não pode por exemplo manter uma estação Windows com o ICS ativado na mesma rede. Apesar da configuração ser centralizada no servidor, você precisará configurar cada estação de forma independente no /opt/ltsp/i386/etc/lts.conf, sem direito a qualquer mecanismo de detecção automática. E, o mais limitante, o servidor deverá ter uma única placa de rede para acesso das estações (você pode usar uma segunda placa de rede para conexão com a Internet ou outro uso qualquer, mas não distribuir os clientes entre várias placas de rede) o que impede o uso de todo o projeto de rede para otimizar o desempenho das estações que havia mostrado anteriormente. O melhor projeto de rede neste caso seria usar uma placa Gigabit Ethernet no servidor e um switch para permitir que as placas das estações trabalhem a 10 ou 100, sem limitar o desempenho da placa do servidor. Mas, este projeto é mais caro e menos eficiente.

    Outra excelente opção é utilizar o K12LTSP, uma distribuição baseada no Red Hat desenvolvida especialmente para permitir a criação de um servidor LTSP com um mínimo de dificuldade. Boa parte das configurações que citei aqui são feitas de forma semi-automática no K12LTSP e existe uma grande quantidade de documentação disponível, inclusive vários exemplos do seu uso em escolas e outras organizações. A página oficial é:

    http://k12ltsp.org/

    Mais um projeto, que ainda está no início mas que parece ser promissor é o pxes, que pode ser encontrado no:

    http://pxes.sourceforge.net

    Ele oferece basicamente a mesma estrutura do LTSP, com um módulo que deve ser instalado no servidor e outro para os clientes. A principal vantagem do pxes é que o módulo cliente pode ser utilizado para acessar também servidores Windows NT (Terminal Server). Como o foco da distribuição é a facilidade de uso, é possível que em breve ele torne-se uma opção mais fácil de utilizar que o LTSP.

    Mais a frente ainda você pode usar uma conbinação do LTSP com o OpenMOsix que permite que o servidor utilize os recursos de processamento das estações quando elas tiverem ociosas.

    Estas informações todas você vai encontrar no site do Morimoto.

    www.guiadohardware.info ou no http://www.ltsp.org



  9. #9

    Padrão diskless

    vc leu todas as mensagens??
    para meu desgosto acabei de descobrir que o LTSP não suporta o Slackware,.....
    alguem tem alguma alternativa???????

  10. #10
    NickName
    Visitante

    Padrão diskless

    E o pxes, quem sabe dá certo, Slackware é para 486 meu, Instala o RedHat ou até mesco o Conectiva que tem um programa bem simples para este tipo de rede.



  11. #11

    Padrão diskless

    vc ficou loko??? slackware funciona em 486 pq ele eh leve, isso num quer dizer q ele eh inferior!!! instala ele no lugar de um redhat ou qq conectiva depois vc me fala qual aguenta + o tranco...

    mas voltando ao assunto o pxe usa boot pela placa de rede com eprom, eu num quero usar isso.....

  12. #12

    Padrão diskless

    mais um problema... o pxe usa interface grafica pra fazer tudo.... <IMG SRC="images/forum/icons/icon_razz.gif">
    será que esse pessoal num percebe que em servidor num precisa ter ambiente gráfico!! <IMG SRC="images/forum/icons/icon_mad.gif">
    pelo menos criassem uma versao pra rodar pelo texto se querem deixar a gráfica



  13. #13
    cantisan
    Visitante

    Padrão diskless

    PXE nao precisa de interface grafica ! Aliais, aliais é o melhor para boot remoto... Muito fácil tanto no cliente como no server...

  14. #14

    Padrão diskless

    entaum to ficando loko...
    o link num eh esse: http://pxes.sourceforge.net

    e se ele num precisa de grafico pq qdo fui compilar ele reclamou do GTK??????



  15. #15
    Visitante

    Padrão diskless

    Kara, eu naum ia mais fazer isso, pq vc é meio grosso. Mas já q tu tas mesmo c/ um problemaum, tenta isso.
    Em algumas máquinas, a própria bios é quem identifica o local de boot. Na minha tem essa opção, mas eu acho q é pq ela é on-board; Mas tenta, vê se na bios das máquinas aí tem a opção do boot pela rede, se tiver, eu acho que um simples serviudor de nfs dá um jeito.
    Naum sei se é o caso, mas tenta!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  16. #16

    Padrão diskless

    NO CASO DA PLACA MAE PROCURAR O BOOT PELA REDE..ATEH PODERIA SER...

    EU JAH TRABALHEI COM PLACAS ARCNET QUE TINHA SEMPRE ESSA OPCAO..PODIAM PROCURAR O BOOT EM UM NODO E SE NAO ACHASSEM PROCURAM EM UM SEGUNDO... MUITO BOM...(MAS ARCNET EH CARA!!!!)

    COLEGA E ... VC JAH PENSOU EM FAZER DIFERENTE??


    EXATAMENTE O QUE VC ESTA PROCURANDO ACHO EU... NAO PERDEREMOS TEMPO COM AS PLACAS DE REDE, (ELAS TEM QUE SER QQ PLAQUINHA PADRAO ..SEM EPROM DE BOOT REMOTO)...

    O BOOT PELO DISQUETE, QUE MONTA UM ESQUELETINHO DE LINUX...CARREGA O MINIMO POSSIVEL E PROCURA TODO O RESTO NO SERVIDOR... TIPO A DISTRIBUICAO QUE TEM PRA RODAR EM CIBERCAFE...
    vou dar uma boa pesquisada nisso..pois me interessa muito..