+ Responder ao Tópico



  1. #1
    Caros, estou comecando a pequisar sobre o DRBD e estou gostando muito..principalmente se der pra clusterizar o SAMBA. So que nao entendi uma coisa? Eu clusterizo particoes? ou blocos?
    No tutorial da Sulamita Garcia em ha.under-linux.org diz pra fazer de particoes..
    Bom, no entanto nao estou entendendo o funcionamento..
    Vamos supor que quero espelhar o SAMBA.. tenho que criar a particao /etc/ e criar o nodo?
    Agradeco qq info.

  2. O DRBD (Distributed Replicated Block Device) é um módulo de kernel e scripts associados desenvolvidos pelo alemão Phillip Reisner como trabalho de conclusão de curso de graduação que oferece um dispositivo de bloco projetado para construir clusters de alta disponibilidade. Isto é feito espelhando conjunto de blocos via rede (dedicada). Você pode vê-lo como um raid nível um via rede. Isto é feito pelo espelhamento de um dispositivo por meio de uma rede.Para que este sistema funcione o DRBD deve estar instalado em ambas as máquinas do cluster, onde uma máquina encarrega-se de obter os dados, escreve no disco local e transmite para o outro host; a outra máquina por sua vez, deve estar preparada para receber e manipular adequadamente tais informações. Com isso se obtém dois nodos com disco iguais até o instante da falha. As aplicações que trabalham com dados dinâmicos ou atualizados com muita freqüência se beneficiam diretamente deste driver.

    Cada dispositivo possui um estado nomeado primário ou secundário (primary ou secondary). No nodo com o dispositivo primário, a aplicação estará em execução e terá acesso ao dispositivo (/dev/nbX). Toda escrita é enviada para o ‘dispositivo de bloco do nível mais baixo’ (lower level block device) e para o nodo com o dispositivo secundário. O secundário simplesmente escreve o dado no ‘dispositivo de bloco do nível mais baixo’. Leituras são sempre realizadas localmente.

    Se o nodo primário falhar, heartbeat alterna o dispositivo secundário em primário e reinicia a aplicação. (Se você está usando um filesystem não-journaling isto implica em executar o fsck).

    portanto o mesmo usa espelhamento de partições...

    abs

    Marcos Pitanga
    Linux Clusters Specialist






Tópicos Similares

  1. Proxy, como funciona (iniciantes)
    Por Magal no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 21
    Último Post: 03-07-2011, 20:01
  2. FIREWALL, entenda como funciona (iniciantes)
    Por Magal no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 0
    Último Post: 28-11-2008, 18:04
  3. DNS, ententa como funciona (iniciantes)
    Por Magal no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 0
    Último Post: 28-11-2008, 17:14
  4. NAT, entenda como funciona (iniciantes)
    Por Magal no fórum Redes
    Respostas: 0
    Último Post: 28-11-2008, 16:47
  5. Wine... como funciona???
    Por Wronieri no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 1
    Último Post: 07-07-2003, 20:36

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L