+ Responder ao Tópico



  1. #1
    Walfredo
    [size=24px]Deputado diz que "viu estrelas" no exame de próstata[/size]
    Publicidade
    LUIZ FRANCISCO
    da Agência Folha, em Salvador

    No dia em que Salvador completou 456 anos e que fortes chuvas provocaram a morte de duas pessoas, o deputado estadual Manoel Isidório de Santana (PT), 43, ocupou a tribuna da Assembléia Legislativa da Bahia para fazer um discurso contra o toque retal, utilizado pelos médicos no exame de próstata.

    No final da tarde de ontem, o deputado, mais conhecido como Sargento Isidório, disse que ficou traumatizado com o exame que havia realizado pela manhã. "Até agora estou vendo estrelas, graças à virulência do médico", contou o deputado, um dos líderes da maior greve feita pela polícia baiana, em 2001.

    Parlamentar folclórico --costuma ir às sessões carregando um botijão de gás, cujo preço prometeu baixar se fosse eleito --, Sargento Isidório disse em seu discurso que não é machista. "Pensava que era de uma outra maneira. Mas, da maneira que o médico me tratou, a maneira que foi introduzido aquele dedo, foi horrível. Quase que desmaio, não aceito", saí de lá com o olho cheio de vaga-lume", disse o deputado.

    Mais à frente, Sargento Isidório disse que o exame feito em "pessoas menos esclarecidas" ainda é pior. "Se faz isso com um deputado, imagine com pessoas que não têm esclarecimento. Imagine com um sem-terra, com um desempregado."

    Paralelo ao seu discurso, o deputado fez questão de mostrar com gestos e gritos como foi o seu exame. "O médico chegou e foi colocando o dedo. É angustiante para um pai de família, principalmente com a minha idade, passar por isso", disse. Em seguida, o deputado acrescentou que a medicina tem o dever de encontrar uma outra fórmula para o exame. "A ciência está aí querendo fazer até gente igual, criando tudo que é coisa. Tem de haver outros métodos."

    O deputado Targino Machado (PMDB), que é médico, em aparte, lembrou que existe outra fórmula para o exame, o PSA (exame de sangue usado para diagnosticar câncer de próstata). "Todo homem civilizado, depois dos 40 anos, deveria fazer o exame. Mas, deputado, por melhor que seja, o PSA não é totalmente eficiente. Então, temos de fazer o toque retal mesmo", disse.

    [b]Enganado pelo médico[b]

    Demonstrando inconformismo com a opinião de Machado, o deputado petista voltou à tribuna para dizer que foi "enganado" pelo médico. "Jamais vou aceitar uma coisa dessa."

    Ao mesmo tempo em que falava e divertia os seus colegas, Sargento Isidório ainda foi obrigado a ouvir piadas. O deputado João Bonfim (sem partido), após o pronunciamento do parlamentar, perguntou para Sargento Isidório se foi mesmo o dedo que o médico usou para realizar o exame.

    No final, o deputado Targino Machado voltou a defender o exame. "Não posso aceitar que vossa excelência venha a esta tribuna para fazer apologia contrária à prevenção do câncer de próstata. Eu e os outros homens, se não morrermos de outra enfermidade, seremos acometidos, com certeza, pela doença."



    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, elegeram mais um palhaço!

  2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk :clap:



  3. #3
    LenTu
    ='DDDDDD






Tópicos Similares

  1. Respostas: 5
    Último Post: 17-08-2014, 02:07
  2. Respostas: 8
    Último Post: 23-09-2006, 11:45
  3. o que esta errado ? [script logon no velox]
    Por mceiras no fórum Linguagens de Programação
    Respostas: 1
    Último Post: 13-01-2006, 07:00
  4. Erro Windows diz que samba nao esta seguro !!! :-(
    Por aspenbr no fórum Servidores de Rede
    Respostas: 5
    Último Post: 07-01-2005, 06:45
  5. O que eu fiz/vou fazer no final de semana?
    Por epf no fórum Assuntos não relacionados
    Respostas: 5
    Último Post: 31-10-2004, 22:27

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L