Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L


+ Responder ao Tópico

  1. #1
    hawk23
    Pessoal ... quem foi fiscalizado poderia nos contar como se deu a fiscalização da anatel ? O que eles perguntaram, fora a famosa pergunta, se tem licença SCM, o que fizeram, pois com isso já nos ajudaria saber como que eles ajem .

    Desde já grato .


  2.    Publicidade


  3. Faz tempo já, acho que foi aí por janeiro de 2003...

    Eu trabalhava num outro provedor, que aliás, fechou no ano passado (por causa da sacanagem do UOL).

    Vieram 2 fiscais da Anatel, chegaram por volta das 11 da manhã no provedor. Quando eles chegaram já foram logo pedindo a licença SCM, ou o protocolo da Anatel, comprovando que foi tudo encaminhado.

    Na época nós já tínhamos iniciado os estudos pra obter a licença. Isso foi feito junto à um engenheiro elétrico que trabalhou na Anatel e tinha experiência na obtenção dessas licenças.

    Mas o engenheiro ainda não havia entregue os documentos na Anatel, em Porto Alegre, e portanto, não tinha o tal do protocolo que os fiscais da Anatel tanto pediam.

    Eu liguei na hora pro engenheiro, ele me orientou a desligar todos os equipamentos de rádio (servidor, ap's, antenas) e dizer pros fiscais que enquanto nossa licença não tinha sido liberada, nós estávamos sem operar. Os fiscais foram na sala dos servidores e olharam os micros. Eu expliquei a eles que os servidores que estavam ligados era o das páginas, e-mail, banco de dados... e que os 2 que estavam desligados eram os servidores dos rádios. Até aí tudo bem, ainda bem que eles não chegaram perto dos micros, pois estavam ainda quentes... hehee. Mandei também as secretárias tirarem os fios dos telefones, pros clientes não ficarem loucos ligando. Depois disso eles voltaram lá pra frente.

    Bom, eu mostrei a eles um monte de folhas técnicas, dizendo a eles que nós estávamos fazendo o estudo técnico que a Anatel exigia e tudo mais, tentando justificar a falta do protocolo, mas nada disso adiantava. Eles ouviam toda a nossa conversa quietos, até balançando a cabeça positivamente, mas no final, diziam que aquilo ali não adiantava de nada.

    Tentei explicar de tudo que foi jeito. Disse que o engenheiro estava com os papéis nas mãos, e que no início da tarde ele já estaria protocolando isso na Anatel, mas para os fiscais, nada valia.

    Sem ter sucesso, eu perguntei a eles o que eles iriam fazer. Eles me disseram que seriam obrigados a lacrar a AP que enviava o sinal. E que iriam fazer isso nas 13:30, logo que o provedor abrisse.

    Durante todo o horário de almoço, falamos com o engenheiro diversas vezes, ele disse que realmente iria entregar a documentação na Anatel de tarde e pediu pra gente tentar fazer com que os fiscais voltassem no outro dia.

    Abrimos o provedor as 13:30 e os caras já estavam lá, esperando. Tentei mais uma vez falar pra eles sobre o engenheiro e até pedi pra eles falarem com ele, mas nada feito.

    Como eu já tinha esgotado todas as possibilidades de diálogo, convidei eles para subirmos no prédio, lacrar a AP. No caminho, eu fui tentando botar medo neles. Dizendo que ainda bem que não tinha chovido, porque se as telhas tivessem molhadas, eu não subiria nem que eles me prendessem. hehe. Sem falar que pra subir no prédio, tinha que tirar umas 4 telhas, e os caras estavam vestidos de terno e gravata.. hehe.

    Pra resumir eles começaram a me perguntar sobre os papéis, os documentos, o engenheiro... e me disseram que não iam precisar subir. Descemos até a sala, eu peguei o telefone, liguei pro engenheiro e passei pra eles. Depois de uns 3 minutos de conversa, eles descobriram que o engenheiro esse, foi colega deles... hehee. Nesse momento eles até começaram a rir no telefone. Um bom sinal. Depois disso eles desligaram e disseram que como o engenheiro tinha sido colega deles eles iriam acreditar nele e nos disseram pra encaminhar o quanto antes os papéis, porque se eles voltassem alí e os papéis não estivessem prontos, eles lacrariam os equipamentos. Detalhe: depois de lacrado o equipamento, demora no mínimo uns 30 dias pra conseguir deslacrar. No nosso caso, seria o fim do provedor.


    Desculpem por esse texto enooorme, mas resolvi contar em detalhes, de repente isso serve pra ajudar alguém.

    [].
    Ederson


  4.    Publicidade




Usuários que leram este tópico: 1