+ Responder ao Tópico



  1. #1
    fisiconuclear18
    Visitante

    Padrão Conectiva 9

    Alguém sabe como quebrar a senha de root do conectiva 9? Tenho uma maquina aqui, mas esqueci a senha...Se alguém puder ajudar eu agradeço...

  2. #2
    Djova_tux
    Visitante

    Padrão Conectiva 9

    tente isso ai e depois me conte:

    # linux init=/bin/bash rw

    Quando o sistema o colocar no bash, remova a senha do /etc/shadow, salve
    o arquivo, depois sincronize o disco (sync) e desmonte-o (mount -o
    remount -r /). Só aí reinicie.

    Ok

    Giovani :toim:



  3. #3

    Padrão Conectiva 9

    Fisiconuclear18, boa noite nobre amigo.
    Claro que tem outros caminhos mais fáceis. Com certeza. Mas eu passei um sufoco a cerca de uns 2 anos e meio atrás, com algo parecido. Só que no meu caso a minha encrenca foi bem maior. Um colega nosso no CPD, não sabemos como (ainda era aprendiz) deu um rm * achando que estava no diretório /var/log/squid e estava no /etc. Tente o caminho que o amigo de cima sugeriu. Mas se vc quiser tem outro mais chatinho, funciona. E depois que aprendi isso, já salvei coisas malucas inclusive do windows a semana passada. Já consegui fazer backup de windows e hoje sinceramente, fico tranquilo quando vejo o que o Linux é capaz de fazer.
    Bom vamos lá. Pode ser um cd do Slackware ou do SuSE. Nunca testei com outras distros. Dê boot com o cd dessas distros que te falei. No caso do SuSE vá pela opção do Rescue.
    Elas vão entrar no modo texto. No Slackware é toda em texto. Fica mais fácil. Mas o SuSE faz a mesma coisa. Um vez que carregou o cd. Monte o hd que vc quer montar. Tipo mount /dev/hdx /mnt por exemplo. Você vai estar acessando o hdx (troque o x pela letra do hd que está instalado a sua distro). Vá a partir do /mnt montado, no diretorio que vc precisa, no caso o /etc/passwd do hd acessado e troque a senha. Depois dê boot normal na sua distro. Já fiz isso no Conectiva 8. E deu certo. É bem mais trabalhoso. Mas é uma situação de emergência. Depois disso fiquei admirado pelo que certas distros Linux são capazes. Como mencionei, é bem mais trabalhoso, mas se as suas tentativas não funcionarem, tente essa.
    Um grande abraço e boa sorte ......... :good: