+ Responder ao Tópico



  1. #1
    thomasitajuba
    Visitante

    Padrão Backup Total e Incremental no Linux

    Quero fazer um backup total de minha máquina na segunda e os outros incrementais dela na terca, quarta, quinta e sexta.
    Agendei o crontab para fazer isso todos os dias as 4h da manha, usando o comando:

    find \etc -mtime -1 -type f -print | \
    tar zcvf tmp\nomedobackup.tar.gz -t -

    onde o -1 significa que o linux vai procurar por arquivos modificados na faixa de 1 dia

    Só que o problema é que esses backups posteriores (incrementais) estao aumentando cada vez mais, ficando ate maiores que o backup total.
    Alguem sabe o que estou fazendo de errado e pode me ajudar??


    Testei também o comando
    tar -czf backup-$(date +%W_%y%m%d).tar.gz -g $(date +%W).snap CAMINHO_A_BACKUPEAR

    Observe o seguinte:
    o "-f" indica o nome do arquivo compactado que neste caso será algo como: backup_50_051214.ta.gz
    o "-g" é um arquivo de "snap" ele contém o timestamp de cada arquivo backupeado e caso o arquivo não exista ele será criado juntamente com um primeiro backup completo. Seu nome será algo como "50.snap"
    o "CAMINHO_A_BACKUPEAR" dispensa comentários ;-)

    Nos nomes dos arquivos observe que eu usei um "sub-shell" com o comando date onde o "%W" refere-se ao número da semana, onde o primeiro dia da semana é "segunda-feira" (ESTE É O SEGREDO DA COISA). Toda segunda-feira muda o número da semana e logo o arquivo de snap não existe forçando a criação do backup completo. Nos demais dias o arquivo de snap já existirá e portanto apenas os arquivos alterados serão backupeados.

    Mesmo assim ainda estou tendo problemas. Alguem pode me ajudar ?

    Agradeco muito a ajuda de todos
    Att. Thomas

  2. #2

    Padrão Backup Total e Incremental no Linux

    A minha primeira alternativa seria abrir o arquivo de backup e olhar seu conteúdo para se sertificar de que só estão indo aquivos recentes...
    O diretório que você está copiando não é de banco de dados, por exemplo, pois seus arquivos são atualizados a cada momento, então você teria sempre arquivos atuais para guardar...
    O esquema que você montou é interessante... :good: