Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. Pessoal,

    Depois de muito tentar entender como funciona o bendito BURST LIMIT do Mikrotik e, mais irritante, sem sucesso, resolvi efetuar vários testes com várias configurações para tentar, na prática, entender como funciona.

    PS.: Já ressalto que NÃO entendi ainda. Apenas estou testando o sistema e ANALISANDO quais os resultados.

    Eu editarei esse tópico toda vez que realizar um novo teste. Abaixo o descritivo do que fiz até o momento:

    _________________________________________________
    TESTE BURST LIMIT > MIKROTIK ROUTEROS V2.9.6 + PPPOE + FREERADIUS

    Os testes consistem em alterar situações dentro dos parâmetros RATE LIMIT enviados pelo RADIUS e, após isso, baixar arquivos de um servidor dentro da LAN para verificar o comportamento da velocidade.

    Explicando o Rate-Limit:
    Código :
    Rate-Limit = "<max> <burst> <thresold> <tempo>"

    max: a velocidade máxima que será setada ao cliente após passado o tempo de burst (upload/download)
    burst: velocidade máxima que o cliente alcançará durante o tempo de burst (upload/download)
    thresold: velocidade que o cliente deve chegar antes de receber novo tempo de burst (upload/download)
    tempo: tempo em que o burst ficará ativo

    O gráfico abaixo mostra como é o andamento de um sistema de BURST para a seguinte configuração:
    max=256k
    burst=512k
    threshold=192k
    tempo=8s
    http://www.mikrotik.com/docs/ros/2.9...ueue_burst.jpg

    A linha vermelha representa como o Mikrotik enxergará o andamento da velocidade requerida pelo cliente. Sendo assim o cliente começa em 0 e depois sobe até 512k permanecendo lá até que o limite de seu tempo seja esgotado.

    A linha verde representa com o cliente irá ver a velocidade na máquina dele. Sendo assim ele verá que o download subirá sua velocidade até o tempo determinado e deste em diante começará a cair até alcançar a velocidade limite.

    E a linha azul representa a que velocidade o cliente (linha verde) terá que descer para ter direito a usar novamente o burst.

    _________________________________________________
    TESTES REALIZADOS:

    Para poder me certificar do funcionamento do burst eu realizei os seguintes testes:

    LEGENDA:
    === <NUMERO TESTE> === (<VELOCIDADE AUFERIDA> Kbps)
    Mode = "<MODO DE USO DA MAQUINA>"
    Rate-Limit = "<DADOS DO RATE LIMIT>"

    <MODO DE USO DA MAQUINA>: O uso da máquina pode ser CLEAN (sem nada de internet rodando, apenas o download); MSN (com o MSN aberto com ou sem tráfego de texto e um ping de 1024 bytes entre a máquina e o servidor do download); SKYPE (com o MSN e o Skype aberto, com ou sem uso); NAVEGAÇÃO (com MSN, Skype e o browser navegando durante todo o período de download, imitando o uso de um cliente final).

    Os arquivos baixados tinham os seguintes tamanhos: 1MB, 2MB, 5MB, 10MB e 20MB (nomeados de 01 a 05, respectivamente). Dentro de cada uma das pastas existem 5 logs gerados pelo WGET (versão para Windows) onde constam os dados do download realizado.
    === TESTE 01 === (390,10 Kbps)
    Mode = "CLEAN"
    Rate-Limit = "100k/200k 200k/400k 20k/40k 600/600"
    http://www.cnett.com.br/nata/testes/T01/

    === TESTE 02 === (404,20 Kbps)
    Mode = "CLEAN"
    Rate-Limit = "100k/200k 200k/400k 20k/40k 300/300"
    http://www.cnett.com.br/nata/testes/T02/

    === TESTE 03 === (399,50 Kbps)
    Mode = "CLEAN"
    Rate-Limit = "100k/200k 200k/400k 20k/40k 180/180"
    http://www.cnett.com.br/nata/testes/T03/

    === TESTE 04 === (390,10 Kbps)
    Mode = "CLEAN"
    Rate-Limit = "100k/200k 200k/400k 20k/40k 180/180"
    http://www.cnett.com.br/nata/testes/T04/

    _________________________________________________
    CONCLUSÃO:

    Infelizmente até o momento não pude tirar conclusão nenhuma. Em todos os modelos utilizados recebi o mesmo tempo de download dos arquivos mudando pouco em relação as modificações realizadas no Rate-Limit.

  2. Nataniel,

    você tá entendendo errado, veja essa explicação que fiz nesse post

    http://forum.under-linux.org/index.p...c,46900.0.html



  3. cara isso ta parecendo minah duvida perante o proxy nao to vendo nada de exxonomia no consumo de banda oq tem na entrada tem an saida e uso proxy nao consigu entender isso o bust vejo caminho parecidos e duvidas diferente mas oq vale e intencao,,,,

  4. Citação Postado originalmente por Portela
    Nataniel,

    você tá entendendo errado, veja essa explicação que fiz nesse post

    http://forum.under-linux.org/index.p...c,46900.0.html
    Portela,

    Obrigado por me clarear as idéias... Sinceramente não consegui entender dessa maneira lendo o manual. Eu falei esses dias que meu cérebro tinha falhado e não tava de brincadeira... hahahahaha... To estudando demais da conta que até perdi o controle.

    Com essa sua informação acho que posso entrar em melhor acordo com o modelo de burst que usarei.

    Obrigado mesmo. Assim que eu fizer novos testes postarei aqui os resultados.



  5. Citação Postado originalmente por ederamboni
    cara isso ta parecendo minah duvida perante o proxy nao to vendo nada de exxonomia no consumo de banda oq tem na entrada tem an saida e uso proxy nao consigu entender isso o bust vejo caminho parecidos e duvidas diferente mas oq vale e intencao,,,,
    eder,

    Realmente o uso do proxy é uma coisa sinistra. Mas faça um teste simples:

    a) entre em um site qualquer e baixe um arquivo que caiba dentro do máximo limite do seu proxy (o meu proxy aguenta até arquivos de 20 MBytes);

    b) repita esse processo várias vezes para garantir que o número de pedidos desse mesmo arquivo foi suficiente para o proxy/cache entender que deve ficar com uma cópia dele;

    c) após isso remova todo tipo de limitação de velocidade para a sua máquina e tente baixar o arquivo novamente...

    No item c o arquivo deverá vir com a velocidade máxima da sua rede. Aqui na minha rede eu baixo o MSN Messenger do site www.msn.com.br/messenger a 4500 KB/s o que dá praticamente 36 Mbps de banda (eu estou dentro do escritório em uma rede wireless 802.11g).

    Talvez a economia sua não seja tão grande em relação a link, mas a economia em relação a reclamações de lentidão na rede internet externa ao seu provedor diminuem consideravelmente usando um cache que faça esse tipo de cache de arquivos de grande porte.






Tópicos Similares

  1. Ajuda com burst limit
    Por marcelomg no fórum Redes
    Respostas: 25
    Último Post: 10-06-2007, 18:13
  2. Burst Limit no HotSpot
    Por maxmelo no fórum Redes
    Respostas: 5
    Último Post: 31-05-2007, 21:15
  3. Ajuda Com Burst Limit
    Por alexsuarezferreira no fórum Redes
    Respostas: 21
    Último Post: 26-05-2007, 11:36
  4. Burst limit... como funciona
    Por nataniel no fórum Redes
    Respostas: 31
    Último Post: 28-10-2006, 07:21
  5. O Burst Limit funciona assim!
    Por Portela no fórum Redes
    Respostas: 1
    Último Post: 09-08-2006, 23:05

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L