+ Responder ao Tópico



  1. #1
    Davi Sousa
    Visitante

    Question Instalação do Linux através do Kernel. Possível???

    Olá! Sou técnico em Informática e estou estudando Linux para que a empresa onde trabalho possa dar suporte ao mesmo. Estou usando o Guia Foca GNU/ Linux. Se vocês souberem outras fontes boas, agradecerei a indicação.
    Como meu maior objetivo de aprender Linux é profissional, eu preciso de um grande aprofundamento, principalmente no Kernel.
    A minha dúvida é a seguinte:

    Estou tentando instalar o Linux, mas quero fazer todos os passos pelo Kernel (Particionamento, Formatação, Instalação, etc) e não estou conseguindo. No Windows, daria o boot (Ex: win98) e faria os demais processos. Já no Linux estou me enganchando exatamente nisso: Como dar o boot. Estou tentando por um Live CD (Kurumin) através do VMWare (Programa que cria maquinas virtuais no HD) e digitando os comandos (do próprio Linux) no Kernel. Mas não consigo.
    Tem como criar um disco de Boot, similar ao do Win98?
    É realmente possível fazer todo o passo pelo Kernel?
    O fato de estar usando o VMWare implica em alguma coisa?

    Desde já agradeço.

    Davi Sousa.

  2. #2

    Padrão

    Opa... vamos com calma para não colocar a carroça na frente dos bois.

    Eu estou vendo que por ser iniciante, falta um pouco de conceito pra você. Tudo bem, isso não é problema algum. Afinal de contas, ninguém nasce sabendo.

    Primeiramente, espero que você tenha ótimas experiências com o sistema operacional, e espero que você obtenha muito conhecimento aqui no nosso fórum.

    O kernel em si é o núcleo do sistema operacional. Um kernel é a parte do sistema operacional que controla os hardwares, os sistemas de arquivos, a protocolagem de rede e as chamadas de sistema. Você não entra em contato diretamente com ele, a não ser que você tenha um shell, que por sua vez é o interpretador de comandos presente em todos os sistemas operacionais, que é onde você digita os comandos como: ls, mv, cp, etc etc etc.

    A maioria das pessoas chama o sistema operacional de apenas "Linux", o quê é incorreto, a partir do momento que "Linux" é apenas o kernel e só com o kernel você não faz nada. Para isso que existem as outras ferramentas que vêm conjuntamente com a sua distribuição, que são parte da GNU. Na introdução do Focalinux é explicado isso, se bem me lembro.

    Existe, sim, a possibilidade de você montar um GNU/Linux desde o começo. Dois projetos que promovem essa idéia é o Progeny e o LFS (Linux From Scratch). Entretanto, são apenas recomendados para usuários com um conhecimento mais avançado.

    Mas respondendo suas perguntas...

    Sim, você pode criar um disco de boot. Ferramentas para isso estão disponíveis no próprio CD da sua distribuição, geralmente em um diretório do CD chamado "tools" ou coisa parecida.

    É bom utilizar o VMware porque você não precisa ficar mexendo na sua própria máquina com medo de estragar o quê não deve. Raramente eu encontrei problemas de compatibilidade no VMware rodando algum sistema GNU/Linux, com excessão daqueles que são para plataforma 64 bits.



  3. #3

    Padrão

    Opa... vamos com calma para não colocar a carroça na frente dos bois.

    Eu estou vendo que por ser iniciante, falta um pouco de conceito pra você. Tudo bem, isso não é problema algum. Afinal de contas, ninguém nasce sabendo.

    Primeiramente, espero que você tenha ótimas experiências com o sistema operacional, e espero que você obtenha muito conhecimento aqui no nosso fórum.

    O kernel em si é o núcleo do sistema operacional. Um kernel é a parte do sistema operacional que controla os hardwares, os sistemas de arquivos, a protocolagem de rede e as chamadas de sistema. Você não entra em contato diretamente com ele, a não ser que você tenha um shell, que por sua vez é o interpretador de comandos presente em todos os sistemas operacionais, que é onde você digita os comandos como: ls, mv, cp, etc etc etc.

    A maioria das pessoas chama o sistema operacional de apenas "Linux", o quê é incorreto, a partir do momento que "Linux" é apenas o kernel e só com o kernel você não faz nada. Para isso que existem as outras ferramentas que vêm conjuntamente com a sua distribuição, que são parte da GNU. Na introdução do Focalinux é explicado isso, se bem me lembro.

    Existe, sim, a possibilidade de você montar um GNU/Linux desde o começo. Dois projetos que promovem essa idéia é o Progeny e o LFS (Linux From Scratch). Entretanto, são apenas recomendados para usuários com um conhecimento mais avançado.

    Mas respondendo suas perguntas...

    Sim, você pode criar um disco de boot. Ferramentas para isso estão disponíveis no próprio CD da sua distribuição, geralmente em um diretório do CD chamado "tools" ou coisa parecida.

    É bom utilizar o VMware porque você não precisa ficar mexendo na sua própria máquina com medo de estragar o quê não deve. Raramente eu encontrei problemas de compatibilidade no VMware rodando algum sistema GNU/Linux, com excessão daqueles que são para plataforma 64 bits.

  4. #4

    Padrão

    Se quiser uma distro que tb permita algo mais a fundo de compilação, criação de diretorios e tudo mais, sugiro da uma olhada no gentoo tb, que é uma distro já pronta, mas que vc compila tudo que for utlizar.

    falows



  5. #5
    Davi Sousa
    Visitante

    Padrão

    O que eu estava me referindo ao mencionar o Kernel era realmente o Shell. Não estou querendo (ainda) compilar, embora esse seja um dos meus interesses. O que estou tentando realmente fazer, como disse, é realizar todos os passos pela linha de comando. Quero fazer dessa maneira para já ir me habituando com os comandos, para que se futuramente eu encontrar um servidor todo esbagaçado (exemplo), através do Shell poderia realizar todos os processos sem nenhuma dificuldade.

    Quero através do Shel particionar, formatar, instalar o sistema e programas, etc. Espero não estar perdendo tempo ou indo pelo caminho errado ao fazer isso.

    Agradeço a ajuda e pretendo utilizar muito esse fórum, pois estou sendo autodidata no Linux.

  6. #6

    Padrão

    A maioria dos instaladores - para não falar todos - utiliza ferramentas normais do sistema, como cp, mv, fdisk, etc, para efetuar as tarefas normais dele.

    Nenhuma distribuição GNU/Linux é igual à outra. Todas têm suas peculiaridades e eu acredito que você consiga fazer o processo de instalação de todas "na mão", mas eu não acho uma boa trilhar este caminho para quem não conhece MUITO A FUNDO o sistema operacional. O passo de instalar pelo shell uma distribuição é possível, não muito prático, mas bem instrutivo. Existem projetos bem interessantes sobre a criação de novas distribuições, como o LFS (Linux From Scratch), o Progeny e o CDD.