+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão SCM x Operadoas STFC

    Bom pessoal, como muitos aqui sabem não é permitido uma mesma empresa possuir licença SCM e STFC, ou seja, as operadoras de teleonia não podem vender acesso de internet.

    Esse é o motivo que as empresas fazem a venda casada de ADSL + PROVEDOR.

    No dia 27-9, a justiça federal determinou que a Telefonica não obrigasse seus assinantes de speedy a contratar o provedor.

    O que isso tem haver com os pequenos provedores????????????????????

    Todos estão sendo feito de palhaço, pois são obrigados a pagar altas taxas pelos links e ainda pagar a SCM!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    A telefonica está vendendo internet a preços nos quais os pequenos provedores não conseguem e DE ACORDO COM A LEGISLAÇÃO A TELEFONICA NÃO PODE OBTER SCM!

    Acho que é hora de todo mundo se mexer.

  2. #2

    Padrão

    Amigo vc tem toda a razão, mais aqui eh assim, sempre termina em merda ou pizza, agora o grande problema um decisão judicial sobrepois uma norma da ANATEL, agora devemos ver oq a ANATEL pretende faze??? pq agora a Telefonica e com certeza as demais operadoras vão acaba entrando na roda, vão faze pra resolve isso com certeza, vão abrir uma outra empresa pra faze isso o NOS os pequenos ( e muito tontos =) ) vamos continuar pagando este valor abusivo, e sendo obrigado a cumpri muitas exigencias da ANATEL que são cada vez maiores, pagar um imposto cada vez mais alto graças ao famozo SIMPLES NACIONAL que desenquadrou os provedores de internet com SCM, e por ai vai.



  3. #3

    Padrão

    eu sinceramente estou completamente pasmo com isso!

  4. #4

    Padrão

    aqui está o processo na integra

    a própria telefonica assume não poder comercializar a internet.

    será q se for aberto umas 100 denuncias na anatel eles vão atras????????

    se fosse um empresa pequena com apenas 1 tenho certeza q seria lacre na certa



  5. #5

    Padrão

    Essa sua ideia eh otima se o pessoal que tem provedor aqui do forum se junta acho que da bem mais de 100 denuncias, mas com certeza a ANATEL, vai no maximo comunicar a Telefonica e estipular um longo prazo pra que isso se resolva e se não resolve a Telefonica arruma uma liminar na justiça, é sempre assim que tem grana tem mais vantagens, mais seria muito bom encher um pouco o saco da Telefonica e dar um pouco de trabalho pra ANATEL, assim eles esquecem os pequenos um tempinho, pode conta comigo

  6. #6

    Padrão

    Galera, acho isso uma tremenda sacanagem conosco, observe só, no meu caso dou de MS, aqui quem atende é a Brasil Telecom, o que acontece que o amigo lá em cima disse a verdade, uma empresa não pode ter SCM e STFC ao mesmo tempo, mas e se forem empresas distintas? como é o caso aqui, a Brt tem 2 CNPJ um é a Brasil Telecom Comunicações Multimídia e outro lá, então eles usam um CNPJ pra STFC e outro pra SCM, se uma empresa não pode ter os dois serviços, então os caras criam outra.
    O que acontece é que a lei no Brasil hoje tem muitas brechas...

    Na minha opinião tínhamos que criar um sindicato ou uma associação de provedores e entrar na justiça pra que as grandes teles não sejam permitidas vender serviço de internet para usuário final.

    Ou então padronizar o preço mínimo da velocidade 128k, 256k, etc

    Um grande abraço a todos...
    Última edição por islan; 15-10-2007 às 20:10.



  7. #7

  8. #8

    Padrão

    o quadro social tbm não pode ser o mesmo, ou seja, os sócios acabam sendo laranjas.


    tem um integrande aqui do fórum, Manoel Santana, vou tentar mandar um e-mail pra ele e ver qual a visão dele........ ele já está bem inteirado no assunto, é um dos lutadores pelos pequenos provedores.

    []´s



  9. #9

    Padrão

    Associação ja existe varias eu mesmo participo da Abramulti e recomento pra muitos amigos, mais realmente os grandes, conseguem burlas as leis que como sempre servem apenas para os pequenos, ou seja nois os pequenos provedores que na maioria das vezes levam acessos a cidades bem antes das teles, e depois acabam sofrendo com a concorrencia desleal

    Citação Postado originalmente por islan Ver Post
    Galera, acho isso uma tremenda sacanagem conosco, observe só, no meu caso dou de MS, aqui quem atende é a Brasil Telecom, o que acontece que o amigo lá em cima disse a verdade, uma empresa não pode ter SCM e STFC ao mesmo tempo, mas e se forem empresas distintas? como é o caso aqui, a Brt tem 2 CNPJ um é a Brasil Telecom Comunicações Multimídia e outro lá, então eles usam um CNPJ pra STFC e outro pra SCM, se uma empresa não pode ter os dois serviços, então os caras criam outra.
    O que acontece é que a lei no Brasil hoje tem muitas brechas...

    Na minha opinião tínhamos que criar um sindicato ou uma associação de provedores e entrar na justiça pra que as grandes teles não sejam permitidas vender serviço de internet para usuário final.

    Ou então padronizar o preço mínimo da velocidade 128k, 256k, etc

    Um grande abraço a todos...

  10. #10

    Padrão

    Citação Postado originalmente por ijr Ver Post
    Bom pessoal, como muitos aqui sabem não é permitido uma mesma empresa possuir licença SCM e STFC, ou seja, as operadoras de teleonia não podem vender acesso de internet.

    Esse é o motivo que as empresas fazem a venda casada de ADSL + PROVEDOR.

    No dia 27-9, a justiça federal determinou que a Telefonica não obrigasse seus assinantes de speedy a contratar o provedor.

    O que isso tem haver com os pequenos provedores????????????????????

    Todos estão sendo feito de palhaço, pois são obrigados a pagar altas taxas pelos links e ainda pagar a SCM!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    A telefonica está vendendo internet a preços nos quais os pequenos provedores não conseguem e DE ACORDO COM A LEGISLAÇÃO A TELEFONICA NÃO PODE OBTER SCM!

    Acho que é hora de todo mundo se mexer.
    Parece que não é bem isso. A Telefonica e a Oi (Telemar Norte Leste S/A) têm SCM.

    Atos de Autorização (na verdade, adaptação de SRTT para SCM):

    http://www.anatel.gov.br/Portal/docu...33791_2003.pdf

    http://www.anatel.gov.br/Portal/docu...59460_2006.pdf

    No caso então eles podem usar a rede do STFC para prestar o SCM?
    Última edição por ryiades; 16-10-2007 às 18:39. Razão: correção



  11. #11

    Padrão

    Citação Postado originalmente por ryiades Ver Post
    Parece que não é bem isso. A Oi (Telemar Norte Leste S/A) tem SCM. Veja o contrato do velox: http://www.velox.com.br/ArquivosEsta...ivelox_res.pdf

    Ato de Autorização (na verdade, adaptação de SRTT para SCM): http://www.anatel.gov.br/Portal/docu...59460_2006.pdf

    No caso então eles podem usar a rede do STFC para prestar o SCM?
    Amigo, foi o que eu disse lá em cima, eles tem 2 ou mais CNPJ, aí pra cada um tem uma licença, como se fossem empresas distintas...

  12. #12

    Padrão

    Citação Postado originalmente por islan Ver Post
    Amigo, foi o que eu disse lá em cima, eles tem 2 ou mais CNPJ, aí pra cada um tem uma licença, como se fossem empresas distintas...
    Tratam-se da(s) mesma(s) empresa(s). Confira a razão social das concessões/autorizações STFC por exemplo no Rio de Janeiro: http://sistemas.anatel.gov.br/stel/C...mplificada.asp

    Ainda que fossem CNPJ diferentes (1 ou 1000), seriam empresas controladora ou controlada (coligadas).
    O artigo 68 da Resolução 272 facultou às operadoras adaptarem suas Autorizações de Serviço Limitado Especializado e SRTT em suas diversas submodalidades para o SCM.
    Última edição por ryiades; 16-10-2007 às 21:37.