+ Responder ao Tópico



  1. #13

    Padrão

    Fui lá ver, e mais embaixo tem uma relação por países.
    Vi que a Claro usa GSM1800 e 3G850. A Vivo, que também distribui banda larga na cidade tem GSM850.

    Agora fica a dúvida: o serviço de internet via rádio não está limitado a 900, 2.4 e 5.8? E devem usar os protocolos IEEE 802.11?
    Eu estou chegando a conclusão que está realmente havendo uma invasão de serviços destas operadoras em áreas que não autorizadas

  2. #14

    Padrão

    Citação Postado originalmente por 1929 Ver Post
    Fui lá ver, e mais embaixo tem uma relação por países.

    Vi que a Claro usa GSM1800 e 3G850. A Vivo, que também distribui banda larga na cidade tem GSM850.

    Agora fica a dúvida: o serviço de internet via rádio não está limitado a 900, 2.4 e 5.8? E devem usar os protocolos IEEE 802.11?
    Eu estou chegando a conclusão que está realmente havendo uma invasão de serviços destas operadoras em áreas que não autorizadas
    acho que a sua duvida tb é a sua resposta... "protocolos IEEE 802.11" é para provedores a radio ne, as operadoras de celular disponibilizaçao transmiçao de dados por GPRS, que é um serviço adcional (ou vinculado) a telefonia movel, é o mesmo q vc querer processar uma montadora de veiculos por vender condicionador de ar pro carro sendo q nao pode vender eletrodomensticos, o condicionador é um adcional do veiculo, assim como o GPRS do celular, pois o cliente pode navegar tanto no proprio celular qto pelo pelo computador, desde este esteja conectado ao celular. e no caso do modem, é so para economizar aparelho celular, pq tb precisa de um chip, e o mesmo chip do modem pode ser usado para telefonar.



  3. #15

    Padrão

    Citação Postado originalmente por lelyrock Ver Post
    acho que a sua duvida tb é a sua resposta... "protocolos IEEE 802.11" é para provedores a radio ne, as operadoras de celular disponibilizaçao transmiçao de dados por GPRS, que é um serviço adcional (ou vinculado) a telefonia movel, é o mesmo q vc querer processar uma montadora de veiculos por vender condicionador de ar pro carro sendo q nao pode vender eletrodomensticos, o condicionador é um adcional do veiculo, assim como o GPRS do celular, pois o cliente pode navegar tanto no proprio celular qto pelo pelo computador, desde este esteja conectado ao celular. e no caso do modem, é so para economizar aparelho celular, pq tb precisa de um chip, e o mesmo chip do modem pode ser usado para telefonar.

    Eu só levantei esta questão justamente porque não conheço o sistema.
    A sua exposição explica a tecnologia, mas com certeza não justifica tamanha concerrência.

    E quanto a licença SCM? Esta licença é aplicada a transmissão de dados mas não é para telefonia.
    Assim, mesmo que seja uma tecnologia diferente, não pode escapar da SCM, o que na prática para eles é facilimo de conseguir.
    Eu fiz algumas consultas a orgãos técnicos e vou aguardar a resposta.

  4. #16

    Padrão

    A explanação do lelyrock esclarece muitas dúvidas.

    Quanto ao SCM vide adsl, afinal o conceito é o mesmo. Sendo que a Claro usa o meio "telefone celular" para o transporte de dados e o Velox usa o meio físico da linha telefonica.

    Em termos de licença qual seria a diferença?

    Ah, mas tem a torre? Mas a torre de celular não está lá operando e legalmente?

    Acho difícil que tenha alguma coisa errada com o esquema da Claro.



  5. #17

    Padrão

    É nestas horas que eu gostaria de ser advogado para saber lidar com os meandros da lei. Mas vamos lá, ver algumas considerações que retirei do site da Anatel.
    Portal Anatel
    O provimento de conexão à internet via acesso discado, ADSL, radiofreqüência, cable modem, entre outras tecnologias, deverá estar associado a um serviço de telecomunicações devidamente regulamentado pela Anatel. Os serviços de telecomunicações que dão suporte ao provimento de conexão à internet, por sua vez, só deverão ser explorados por empresas que possuam concessão, permissão ou autorização emitida pela Anatel.
    Ao contratar um serviço de acesso à internet, há a necessidade de se contratar não apenas o provimento de conexão à internet, que é um serviço de valor adicionado, mas também um prestador de serviços de telecomunicações que lhe dê suporte. O usuário do serviço de telecomunicações tem a opção de contratar o provedor de serviço de conexão à internet da própria prestadora ou outro que seja por ela habilitado.
    Empresas que oferecem acesso à internet banda larga precisam de autorização da Anatel para explorar o serviço de telecomunicações que irá suportar a conexão. Já para instalar ou operar serviços de comunicação de dados dentro de uma instituição - quando a atividade de telecomunicações estiver restrita aos limites de uma mesma edificação ou propriedade móvel ou imóvel - não há necessidade de concessão, permissão ou autorização da Anatel

    No sub-menu "perguntas frequentes tem mais algumas orientações. Me chamou a atenção esta:

    6. Qual a autorização de serviço de telecomunicações que uma empresa precisa para prover os meios de acesso a Internet via radiofreqüência?
    Para prover os meios de acesso a Internet, a empresa deverá obter, junto a Anatel, uma autorização para explorar qualquer serviço de telecomunicações que dê suporte a essa atividade.

    - Assim, não há distinção entre o tipo de tecnologia utilizada para a transmissão wireless. A transmissão de voz pelos celulares é um tipo de serviço, com sua autorização correspondente. Dados, imagens é outro tipo de serviço englobado pela SCM, independente da tecnologia utilizada, conforme a própria definição.
    Assim, a autorização que dá suporte a transmissão de dados de internet é SCM, seja transmissão com fio ou sem fio.

    O serviço de telefonia movel é regulado por outro tipo de licença:
    Estas são algumas definições que encontrei no mesmo site.

    • Serviço Móvel Pessoal (SMP) - é o serviço que permite a comunicação entre celulares ou entre um celular e um telefone fixo. Pela Resolução Tecnicamente, é definido como o serviço de telecomunicações móvel terrestre de interesse coletivo que possibilita a comunicação entre estações móveis e de estações móveis para outras estações (Regulamento do Serviço Móvel Pessoal e Anexo).
    • Serviço Móvel Especializado (SME) - é o serviço que possibilita a comunicação por meio de despacho via radiocomunicação para uma pessoa ou grupos de pessoas previamente definidos. Semelhante ao celular, é tecnicamente definido como o serviço de telecomunicações móvel terrestre de interesse coletivo que utiliza sistema de radiocomunicação, basicamente, para a realização de operações tipo despacho e outras formas de telecomunicações (Regulamento do Serviço Móvel Especializado).

    Veja que no SMP a comunicação deve dar-se entre telefones e não entre telefones e computadores, mesmo utilizando a mesma base tecnologica.

    No SME, é semelhante a aplicação, conforme grifei.

    A meu ver, as operadoras tem acesso aos backbones e proveem os meios necessários para o acesso. Mas quanto a exploração de serviço de valor agregado, que é caracterizado pela exploração comercial junto ao consumidor final, há a necessidade da SCM.

    E quanto a questão de equipamentos homologados, fica difícil para nós mortais conhecermos os principios técnicos que norteiam as instalações físicas, para sabermos se são realmente homologados.
    Estamos mais informados sobre os equipamentos de uso corrente no nosso meio.
    Como exemplo: O modem que é vendido pela Claro, não consta o selo da Anatel. Pelo menos não vi nem no modem e nem na caixa.
    O que me chamou a atenção nas especificações deste modem é sobre a taxa de transmissão. 7.2 mbps.

  6. #18

    Padrão

    Citação Postado originalmente por 1929 Ver Post


    Eu só levantei esta questão justamente porque não conheço o sistema.
    A sua exposição explica a tecnologia, mas com certeza não justifica tamanha concerrência.

    E quanto a licença SCM? Esta licença é aplicada a transmissão de dados mas não é para telefonia.
    Assim, mesmo que seja uma tecnologia diferente, não pode escapar da SCM, o que na prática para eles é facilimo de conseguir.
    Eu fiz algumas consultas a orgãos técnicos e vou aguardar a resposta.

    SCM significa "Serviço de Comunicação Multimídia", pensando assim, as operadoras de celular ja fazem a muito tempo ne, pq a qto tempo pode se enviar mensagens (torpedo) com imagens e sons?

    nao creio q uma empresa tao grande vá trabalhar ilegalemnete nesse sentido, outra obsvervaçao q devo fazer é q uma operadora nao precisa de uma scm pra cada cidade, sendo assim, se detem autorizaçao pra fornecer pacote de transmiçao de dados pra uma cidade, ela tem autorizaçao para trabalhar em todo territorio nacional.

    deem uma olhada em dois artigos interessantes:
    TeleSíntese - Convergência:Anatel vai turbinar o SCM
    Telemig Celular

    achei essa ultima informaçao ai no site da telemig pelo google onde fala q ela detem a scm, nao achei no site da claro, mas como disse la em cima, nao acredito q uma empresa tao grande como a claro iria trabalhar ilegamente nesse sentido.
    Última edição por lelyrock; 13-03-2008 às 15:50.