Página 6 de 9 PrimeiroPrimeiro ... 23456789 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. A RB951 é pra uso interno, pra rotear alguma coisa dentro de ambiente soho, talvez até fazer load balance, e operar como um AP de uso local. A Cisco e a Linksys sempre tiveram AP's com antenas de 2 a 3dB de alcance grande e estabilidade muuuuuito superiores aos TPLink com antena de 5dB.

    Em casa eu preciso alcance e estabilidade então usaria um equipamento 802.11N em 1x1, na empresa precisa banda alta pros aplicativos via rede então usaria 2x2. Tem que ver o que esse video da RB951 queria, se é só dar um exemploele conseguiu, qualquer uso é um exemplo. Teria que ver se essa RB951 faz MIMO, se ela não é do tipo antena 1 RX, antena 2 TX, mas fixos, de modo que a banda final conseguivel não é tão grande quanto os equip. que fazem RX e TX simultaneamento nas 2 antenas.
    (Fixa RX em uma e TXem outra melhora o alcance e estabilidade nuns casos, desde a RB133 com cartões Engenius (Ambos de 2001 provavelmente) isso é possível e na época era o que tinha de acessível pra PTP de longa distancia, RX e TX em antenas separadas)

    Quanto a MK em PC x86, funciona mas é ruim. Um Pentium dualcore G860 de 3GHz, com 4GB de Ram, deve dar na mesma capacidade final que uma RB 1200, com 1GHz de proc. e 512MB de Ram. Sistemas otimizador pra ARM, PPC e cia geralmente tem desempenho muito melhor com poucos recursos que em ambiente x86. Dia que tiver um MK x64 a coisa talvez melhore, mas duvido, MK em RB's tipo 1100x2 (Dualcore de (Acho) 1GHz) se sai muuuuuito bem, enquanto na plataforma x86 falta suporte a multiplos nucleos, falta acessar muita memoria, etc.
    Quanto a placas PCI baratas em antena de grade, as melhores placas PCI são bem ruinzinhas comparado a digamos R52HN, o barramento PCI é ancião mas o miniPCI também, adaptador PCI>miniPCI não resolve, um sistema x86 vai consumir recursos a toa sendo que existem sistemas pra ppc, arm ou qualquer risc, que fazem o mesmo com muuuuuuuuito menor hardware.

    RB com cartão miniPCI é muito usado porque é uma plataforma muito versátil, poderia evoluir pra miniPCI-e? Poderia, mas não tem espaço pra muito hardware nesses cartões, não tem "motivo" pra essa mudança ainda (O barramento PCI é lerdo mas é mais que suficiente pra telecom, quando tiver cartões pra 802.11AC de 800Mbps talvez a coisa mude). Tem outras opções, tipo com processadores AMD Geode, ou com Intel tipo a RB Yanomami, são muito parudos. Uns modens ADSL Alcatel DOMESTICOS de 1998/2000 tinham proc. risc Intel e eram extremamente estaveis, uns rodam até HOJE sem travar, sem perder pacotes, sem precisar "tirar da tomada porque travou" por anos e anos, o mundo risc (Que meio que deu origem a ARM e o atual sucesso do Android) é economico e estavel, o mundo IBM x86 é uma serie de gambiarra que vem se arrastando desde 1984, esse mundo IBM tem que ficar se preocupando em limitar o acesso do sistema a certas camadas porque o usuario poderia fazer muita bobeira e tal, isso gasta processamento, enquanto risc não tem esse perigo.


    Ah, esqueci de responder antes, toda RB ou UBNT tem memoria nand pra armazenar as configs, igual qualquer roteador domestico tem 2 a 4MB pra isso, eles não precisam bateria interna pra manter dados (Mas perdem a hora quando a alimentação é cortada). O armazenamento via microSD é espaço extra, pra logs ou backups de config., mas é desnecessario pra 99% dos usuarios disso.
    (UBNT tem outro tipo de usuario, usuario de SO completo (Linux, windows, mac), por isso o armazenamento de config's tem que ser feito via backup das configurações noutra maquina, igual qualquer roteador domestico. A MK vem da Letonia, um ambiente completamente diferente dos EUA da UBNT, por isso approach's tão diferentes em tudo, é praticamente a diferença de componentes eletronicos EUA x URSS nos anos 70 e 80 (Ou as valvulas dos anos 50 e 60))

  2. Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Em casa eu preciso alcance e estabilidade então usaria um equipamento 802.11N em 1x1, na empresa precisa banda alta pros aplicativos via rede então usaria 2x2. Tem que ver o que esse video da RB951 queria, se é só dar um exemploele conseguiu, qualquer uso é um exemplo. Teria que ver se essa RB951 faz MIMO, se ela não é do tipo antena 1 RX, antena 2 TX, mas fixos, de modo que a banda final conseguivel não é tão grande quanto os equip. que fazem RX e TX simultaneamento nas 2 antenas.
    O vídeo ao qual me referia era sobre a SXT, mas é a mesma coisa da RB951 em questão de wireless. Nas duas tem como atribuir cada antena para RX, TX ou ambos, isso indica que elas são capazes de fazer MIMO? Na datasheet da RB951 fala que ela é MIMO 2x2, mas na da SXT não diz nada sobre isso.
    E quer dizer que 2x2 tem menos alcance e estabilidade que 1x1?

    Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Quanto a MK em PC x86, funciona mas é ruim. Um Pentium dualcore G860 de 3GHz, com 4GB de Ram, deve dar na mesma capacidade final que uma RB 1200, com 1GHz de proc. e 512MB de Ram. Sistemas otimizador pra ARM, PPC e cia geralmente tem desempenho muito melhor com poucos recursos que em ambiente x86. Dia que tiver um MK x64 a coisa talvez melhore, mas duvido, MK em RB's tipo 1100x2 (Dualcore de (Acho) 1GHz) se sai muuuuuito bem, enquanto na plataforma x86 falta suporte a multiplos nucleos, falta acessar muita memoria, etc.
    Na verdade, o PC Cliente-AP roda Linux. Eu nem mencionei Mikrotik ao falar dele, homi. Hahaha.

    Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Ah, esqueci de responder antes, toda RB ou UBNT tem memoria nand pra armazenar as configs, igual qualquer roteador domestico tem 2 a 4MB pra isso, eles não precisam bateria interna pra manter dados (Mas perdem a hora quando a alimentação é cortada).
    Ué, no routerboard.com não cita esse armazenamento em nenhuma RB que eu vi. A RB433AH por exemplo tem 64MB para salvar as coisas, mas no site se quer é mencionado isso. Eu queria saber quanto a 951 tem, pretendo usar uma VM com Linux no MetaROUTER para algumas coisas, mas não sei se o espaço é suficiente para isso.

    Ah, ou esse fórum é muito diverso, entre pessoas que sabem realmente alinhar e configurar uma antena e outros que não sabem nem diferenciar os pontos cardiais, ou as SXT tem lotes com performance inferior. Em alguns tópicos vejo pessoas dizendo que fizeram PTP de 1 ou 3Km aproximadamente e estão com CCQ baixo, passando pouca banda, já outras dizem que fecharam 7Km usando SXT passando uns 45Mbps.

    É curioso, as SXT Lite são as menos lite em desempenho dentre todas. A Mikrotik nomeia as RBs de acordo com presença de sensores, beepers e USB ao invés de tomar como base o que o produto visa fazer primariamente.

    E sobre a questão da homologação que falei no post anterior, tenho que me preocupar com isso?
    Última edição por TsouzaR; 03-06-2014 às 20:25.



  3. A SXT Lite5 faz MIMO.
    RX e Tx separado existe desde "sempre" em cartões mini-PCI ou PCMcia pra telecom, mas mimo só chegou com 802.11N.

    O armazenamento interno está lá em toda RB, das SXT é 64MB mesmo, as vezes está no folder de vendas, as vezes só no manual:
    http://tec-wi.com.br/site/?p=489

    Homologação... está mais pra questão de ética do que risco de fiscalização. A Anatel deve fiscalizar 10 ou 20 empresas no país todo por mes, num universo de 500 mil empresas com equip. de telecom isso não é uma amostragem significativa, ela praticamente só atende denuncia.

  4. Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    O armazenamento interno está lá em toda RB, das SXT é 64MB mesmo, as vezes está no folder de vendas, as vezes só no manual:
    http://tec-wi.com.br/site/?p=489
    É pouco, mas ainda bem que a 951 interna tem suporte a USB.

    Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    Homologação... está mais pra questão de ética do que risco de fiscalização. A Anatel deve fiscalizar 10 ou 20 empresas no país todo por mes, num universo de 500 mil empresas com equip. de telecom isso não é uma amostragem significativa, ela praticamente só atende denuncia.
    Ok então, vou ver se incluindo frete não vai ficar muito caro comprar na Computech ao invés da NR Store.

    Um detalhe que eu tinha visto algum tempo atrás mas só agora me lembrei são os esquemas de radiação da SXT. Ela parece radiar para as laterais e para trás, enquanto para frente parece não ir muito longe (http://i.mt.lv/routerboard/files/sxt-patterns.pdf). É a única coisa que está me preocupando agora em relação a ela. Estou achando que a quantidade de ruído/interferência vai ser muito grande. Embora aqui não tenha muitas redes 5GHz ainda, as que existem são mal configuradas, exageram no EIRP, não alinham direito, colocam setoriais em tudo quanto é canto, etc.
    Teria algo a dizer sobre isso? Essa irradiação dela aí não deixa muito a desejar não?

    Até mais.



  5. Quase toda antena tem um diagrama de irradiação que preocupa, e o problema de hardware barato (Oiw, Elsys, GTS) é não ter etapa de RF e chipset que saiba lidar com esses ruídos. Talvez SXT teria desempenho melhor com antena melhor, mas pro tamanho e preço digamos que está excelente.

    Alias, pelo tamanho dele é bem facil pegar uma panela de aluminio e transformar em radome se precisar :-)
    (Aluminio batido, ou "Ararense", toda cidade maior tem alguem que compra latinha e transforma nessas panelas, são baratas, e por não serem lisas elas dissipam muita coisa)

    Já fiz muita antena caseira (Quando eu não trabalho com eletronica meu hobby é eletronica), yagi, patch, multipatches, biquad, biquad dupla ou quadrupla, testando elas em hardware barato (Chipset RTL8186) o desempenho é meia-boca, mas hora que coloca num MK o desempenho melhora muuuuuito. Alias, quantas vezes já configurei MK sem antena, só com o pigtail, e aquele misero pino do plug do pigtail opera como uma antena de uns 0,5dB e permite conexão proxima.

    Tem local (Cliente) que com roteador comum nem escaneia seu SSID, você mantém a antena (De grade, por exemplo) mas troca por RB com cartão que não só escaneia como conecta e tem CCQ tipo 80%. O hardware MK compensa qualquer problema em antena. Eu até diria o mesmo der UBNT, mas tem excessões, tipo Bullet ou NS Loco, eles são melhores que roteadores domesticos, mas não fazem os milagres que RB+cartão ou rocket dish ou airgrid fazem.






Tópicos Similares

  1. Respostas: 3
    Último Post: 30-09-2009, 14:40
  2. Respostas: 20
    Último Post: 26-07-2007, 17:39
  3. roteador com antena "móvel"
    Por _N3o_ no fórum Redes
    Respostas: 12
    Último Post: 02-05-2007, 21:20
  4. adap. USB Encore ENUWI-B- ANTENA EXTERNA, COMO?
    Por eduardo_lg no fórum Redes
    Respostas: 3
    Último Post: 30-12-2006, 21:42
  5. 99 % 5 Ghz nao tem antenas externas...
    Por patrickcanton no fórum Redes
    Respostas: 12
    Último Post: 07-09-2004, 08:32

Visite: BR-Linux ·  VivaOLinux ·  Dicas-L