Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo
+ Responder ao Tópico



  1. #1

    Padrão PTP 27Km

    Boa noite, senhores.

    Pretendo trazer um link que está a 27Km e dividindo em 3 segmentos de, no máximo, 10Km cada. Como esse caminho será o meu backbone principal, acredito que haverá a passagem de uma grande quantidade de pacotes por segundo, pois servirá a 500 clientes.

    Não vou colocar as antenas de 22dbi da ALGCom pelo seu alcance máximo recomendado ser de 10Km. Usarei a de 29dbi, também da ALGCom, que possui alcance de 30Km.

    Inicialmente, pretendo passar uns 50 ou 60Mbits pra atender a 100 clientes. Mas quero chegar aos 500, e ai passar 100Mbits.

    Eis minhas dúvidas:

    1) Quais rádios recomendam para aguentar essa quantidade de pacotes? Gostaria de algo estável e que não necessitasse manutenção frequentemente, uma vez que os locais das antenas são de difícil acesso.

    2) Pelo fato de estar sobrando alcance, vocês acham que essa antena de 29dbi (até 30Km) manterá estabilidade no sinal em dias de chuva forte dentro dos 10Km?


    Obs: optei pela ALGCom pelos relatos positivos que li aqui no fórum.

    Todas as opiniões são bem-vindas!
    Última edição por surfinhu; 18-12-2015 às 01:49.

  2. #2

    Padrão Re: PTP 27Km

    Amigo, pra enlace desse porte so consigo pensar em Airfiber (mas nao o Airfiber que tem dupla antena e sim o AF5X) ou radio digital licenciado WI2BE (esse depende de negociar direto com a Wi2be). Ambas aguentam 400mbps facil... a diferença e que a AF5X é em freqüência livre....
    O investimento e um pouco alto, na casa dos 5 pila para qualquer das duas, mas de qualidade garantida.

    Abraço



  3. #3

    Padrão Re: PTP 27Km

    Meu caro, monte esse KIT em todos os enlaces.

    Radio APC5M da Intelbras
    Pig Tail da propria ALGCOM
    Antena Parabola AlgCOM

    feche os olhos e boas vendas

  4. #4

    Padrão Re: PTP 27Km

    Citação Postado originalmente por sphreak Ver Post
    O investimento e um pouco alto, na casa dos 5 pila para qualquer das duas, mas de qualidade garantida.
    Amigo, estou no início e como vou ter 6 antenas dessa, acho que o valor vai ficar um pouco alto pra mim, que estou começando. Mas a contribuição foi ótima e vou guardar esses nomes de rádios.

    Citação Postado originalmente por rimaraujo Ver Post
    Meu caro, monte esse KIT em todos os enlaces.

    Radio APC5M da Intelbras
    Pig Tail da propria ALGCOM
    Antena Parabola AlgCOM

    feche os olhos e boas vendas
    Amigo, você acha que terei estabilidade em dias de chuva forte? Estou prezando pela estabilidade nesse caminho pois dependerei muito dele.

    Obs: a área não é poluída.
    Última edição por surfinhu; 18-12-2015 às 16:59.



  5. #5

    Padrão Re: PTP 27Km

    @rubem, se puder ajudar nessa de RF...

    Usando outro tópico[1] sobre PowerBeam como referêcia, você acha que consigo manter throughput em 100Mbits e PPS estáveis em dia de chuva com qual modelo de PowerBeam? São 10Km também e o espectro é limpo. Não achei nada sobre PPS no datasheet[2] dos PowerBeam AC.

    E a latência, arredondando pra cima, aumentaria muito?

    E o par ALGCom + Rocket/APC? Recomendam? Seria melhor que o par de PowerBeam?

    Reforço que a intenção é manter a estabilidade dos PTPs mesmo em dias de forte chuva. Nesses dias chuvosos, as pessoas ficam mais em casa, logo, ficam na internet. Se elas não conseguirem acessar, irão falar mal do provedor. Prezo muito pela imagem do provedor! :P

    Abraços.

    [1] https://under-linux.org/showthread.php?t=182026
    [2] http://dl.ubnt.com/datasheets/PowerB...Beam5ac_DS.pdf
    Última edição por surfinhu; 18-12-2015 às 23:40.

  6. #6

    Padrão Re: PTP 27Km

    Não tenho praxe com nada além de umas fazendas com muito funcionário onde mal passa de uns 15Kpps...

    Exceto se alguém já mediu isso melhor, o jeito é se basear no chipset. Os equiptos UBNT com mesmo chipset que MK tem desempenho similar, muda pouco, se pegar o AR9344 dos PowerBeam N comuns dá pra pegar a previsão de performance do MK com hardware similar lá no final:
    http://routerboard.com/RB951G-2HnD
    E isso é igual até a chipset levemente diferente (Mas da mesma geração, muito parecido):
    http://routerboard.com/RB912UAG-5HPnD-OUT
    Tem quem relate desempenho similar nos PowerBeam N.

    Já os PowerBeam AC, tem por 5AC-300 com chipset mais comum e menos ram, é o AR9344 como CPU, e o QCA9882 pra wifi, então ele deve cair na capacidade de PPS do PowerBeam N (E da RB912).
    O PBE 5AC-500 tem 64MB de Ram, mas já é um chipset mais novo, é o QCA9558 como CPU e o QCA9880 pra wifi (E do QCA9880 pro 9882 não muda nada grave, a capacidade na parte de wifi dos 2 é quase igual).
    O PBE 5AC-620 tem essa mesma configuração de chipset (QCA9558+QCA9880) mas tem 128MB de Ram.

    Então a capacidade em PPS do PBE 5ac-620 acho que deve ficar mais ou menos assim:
    http://routerboard.com/RB922UAGS-5HPacD
    Que não muda com relação ao prod. com QCA9880 ou 9882:
    http://routerboard.com/RB922UAGS-5HPacT-NM

    Pelo que tenho prática, o valor confiável tá em METADE do valor com 25 filtros de IP e pacote de 1500B (Porque o chipset de wifi tem que agregar pacote, confirmar envio, isso gasta o mesmo processamento que um roteamento pesado), dá pra falar em na casa dos 30Kpps em internet típica. Com muito uso de whatsapp e cia vai ter pacotes menores mas veja que o modo de operação desses mips big-endian não tem lucro com pacotes pequenos, ele gasta o mesmo processamento por pacote, o tráfego aumenta (Com pacotes maiores) mas continua limitado nums 60Kpps (Ou uns 50 no PBE-5ac-300, então eu não contaria com mais de 30 e 25Kpps respectivamente).

    Se pegar um Rocket M5, por exemplo, conseguir 20Kpps com aquilo não é fácil, eu não contaria com mais de 15Kbpps. E... as RB's com mesmo chipset e Ram falam em 35-37Kbpps com 25 regras e bla-bla-bla (Prometer na ficha é fácil, mas na vida real depois tem pacote de todo tamanho, inúmeras conexões paralelas, pacotes perdidos, não espero mais que metade).


    Pra ter estabilidade com chuva tem que ter sinal suficiente, se usar MCS9 em AC vai precisar algo tipo -45dBm mesmo com chuva, se no trajeto a chuva costuma derrubar o sinal em 5dBm, então tem que organizar a coisa de modo a ter -40dBm em dia normal, e isso é muito sinal pra 10Km. Aí o jeito é reduzir pra um MCS7 em AC e contar com -50dbm em dias normais, hora que cair pra -55dbm com chuva ainda vai ter capacidade pra mais que 100Mbps. E pra ter tudo isso de sinal acho que a PBE-5ac 500 é pouco, com radio a 20dBm, e antena de 27dBi, em 10Km vai ter uns -54dbm de sinal, caindo pra -58 a -59dbm com chuva, daria pra MCS6 em AC, dá 100Mbps só com 40MHz (Prefiriria MCS7 a 30MHz), nem sempre presta porque faixa livre de 40MHz anda rara.
    A PBE-5AC 620 com 29dBi já teria 4dBm a mais de sinal, mas ele também tem 2dBm a mais de potência no radio, ou seja, teria como ter sinal -48dBm, ótimo pra 100Mbps nessa distância (Provavelmente MCS7 em AC, a 30MHz, vai passar mais que isso em dia de chuva comum, teria que testar se o MCS8 em AC fica estável na chuva nessa distância, acho que não).

    O PBE 5AC 500 acho que ia obrigar a usar 40MHz ou mais, aí já entra na falta de canal e consumo de processamento um pouco maior (Mais portadoras é mais coisa no ADC, come um pouco de processamento), não ponho a mão no fogo por mais de 100Mbps em chuva nesse caso, mas posso estar errado. A PBE 5ac 300 duvido que dê 80Mbps nesse uso com chuva, talvez poluindo 60 ou 80MHz, mas ainda assim com chuva o sinal baixo fica instável com tanto tráfego, o AR9344 não é dessa era, é pra trafegos de 5 anos atrás.



  7. #7

    Padrão Re: PTP 27Km

    Citação Postado originalmente por surfinhu Ver Post
    Amigo, estou no início e como vou ter 6 antenas dessa, acho que o valor vai ficar um pouco alto pra mim, que estou começando. Mas a contribuição foi ótima e vou guardar esses nomes de rádios.



    Amigo, você acha que terei estabilidade em dias de chuva forte? Estou prezando pela estabilidade nesse caminho pois dependerei muito dele.

    Obs: a área não é poluída.

    Compre esses equipamentos que eu informei com uma antena de 30 algcom.
    Faça uma boa alimentação elétrica. E um sistema de aterramento se for usar companhia energética. Se for painel solar utilize um painel de 12V. Você vai instalar e esquecer. Tenho desses ponto a ponto fazendo 80km passando 45mb, 46km passando 90mb 35km passando 100 mb.
    Já estão em produção a 2 anos chuva e sol até hoje não caiu 1 dia.
    Mas tentei utilizar o que podia de melhor. Cabo de rede blindado. Conectores blindado. Aterramento protetor surto clamper. Fonte da CCN 12v e bateria 65A freedom

  8. #8

    Padrão Re: PTP 27Km

    Muito interessante essa sua análise e agradeço muito pelas informações. Estou inclinado a optar pelas PowerBeam pelo fato de serem 2 em 1 (rádio e antena), por dizerem por aí que têm boas velocidades e por consumirem relativamente pouco (isso é papo pra mais pra frente! rs).

    Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    O PBE 5AC 500 acho que ia obrigar a usar 40MHz
    Você quis se referir a qual tipo de limitação? Vi isso no datasheet: "PtP Mode 10/20/30/40/50/60/80 MHz".

    Pro meu cenário, você acha mais interessante então a 620, né? Se for ela, tudo bem. O único problema é que não está homologada ainda, a 500 está. Talvez seja questão de tempo até homologarem a 620 também, não sei.

    Você acha que seria então uma boa optar pelas PowerBeam à outras formas, tipo ALGCom + Rocket AC (ou APC5M)? Uma vez que precisarei de menos energia até!


    Citação Postado originalmente por rimaraujo Ver Post
    Tenho desses ponto a ponto fazendo 80km passando 45mb, 46km passando 90mb 35km passando 100 mb.
    Meu camarada, qual a sua média de PPS (pacotes por segundo) nesse enlace de 35Km?



  9. #9

    Padrão Re: PTP 27Km

    Antena esta certa e radio eu iria de rb 911.Se não achar vai de 912 mesmo.
    Se não estiver muito poluído vc vai conseguir seus 100M fácil fácil.

  10. #10

    Padrão Re: PTP 27Km

    Eu começei um enlaçe de 10km com essas power beam 500ac e estou muito satisfeito. Esta passando 138mb em 60Mhz 6X 64Qam. Agora vou ampliar e colocar Algcom 29 com rocket AC.



  11. #11

    Padrão Re: PTP 27Km

    Citação Postado originalmente por brunocemeru Ver Post
    Antena esta certa e radio eu iria de rb 911.Se não achar vai de 912 mesmo.
    Se não estiver muito poluído vc vai conseguir seus 100M fácil fácil.
    Qual cartão usar?

  12. #12

    Padrão Re: PTP 27Km

    Amigo esta tb é como um rocket.
    Vem integrado.



  13. #13

    Padrão Re: PTP 27Km

    Amigo aqui nos foruns tem muito vendedor para essa distancia ou maior se tiver visada AIRGRID 27 DBI por ser mais fáscio de montar e ter qualidade melhor ou igual sem contar no investimento não estou vendendo verifique pesquise e qualquer outra coisa SKYPE: aprendainformaticaskype

  14. #14

    Padrão Re: PTP 27Km

    Citação Postado originalmente por surfinhu Ver Post
    Você quis se referir a qual tipo de limitação? Vi isso no datasheet: "PtP Mode 10/20/30/40/50/60/80 MHz".

    Pro meu cenário, você acha mais interessante então a 620, né? Se for ela, tudo bem. O único problema é que não está homologada ainda, a 500 está. Talvez seja questão de tempo até homologarem a 620 também, não sei.

    Você acha que seria então uma boa optar pelas PowerBeam à outras formas, tipo ALGCom + Rocket AC (ou APC5M)? Uma vez que precisarei de menos energia até!
    O que quis dizer é que pra passar mais banda num aparelho de antena menor geralmente precisa usar canal mais largo.
    O problema não é o aparelho suportar isso, mas sim poluir uma largura maior a toa, e estar mais sujeito a poluição dos outros.

    Fazendo um scan de SSID talvez não ache muita coisa, mas tem que rodar o visualizador de espectro do AirOS, nele dá pra ver se tem uma faixa de 20 ou 30MHz livre, e geralmente tem. Mas uma faixa de 40, 50 ou 60MHz livre, sem nenhuma CPE de cliente na vizinhança usando, isso é raro.

    Canal mais largo usa mais portadoras (Ou sub-portadoras dependendo da tradução), isso sozinho já é um pouco mais de dados pro chipset processar, mas o problema maior é os sinais indesejados no mesmo canal, num canal estreito terá menos dados indesejados, quanto mais largo o canal mais dados (Se usar digamos 5800 a 5840MHz, e um vizinho é cliente de um provedor que usa 5805 a 5825MHz, ele lgia a CPE 4h por dia, mas nesse horário vai ter muito dado indesejado pro chipset lidar, e por ser trafego de cliente esse SSID você não escaneia (Porque é um cliente de um AP bem longe, o sinal do AP é fraco demais mas o do cliente não).

    Por isso é comum você conseguir digamos 60Mbps com canal de 20MHz, mas ao mudar pra 40MHz não consegue 120Mbps e sim uns 80 ou talvez 90Mbps. Canal largo NÃO é solução pra tudo, ele tem mil probleminhas, então NÃO conte com ele (Apesar de ele poder resolver muita coisa).

    Ao invéz de um PBE 5ac-500 a 40MHz, recomendo um PBE 5ac-620 a 30MHz (E se tivesse um PBE-5ac-700 pra usar a 20MHz seria ainda melhor!).


    Quanto a Airgrid passar 100Mbps: Só na terra da fantasia.
    Airgrid é polarização simples, essas velharias são pra 2010, ou pra banda pequena tipo PTP de 5Km com 40Mbps, mas aí também vai poluir 40MHz por pura burrice, o que um ridículo Airgrid trafega usando 40MHz qualquer CPE de dupla-polarização trafega ocupando só 20MHz, vendedor realmente indica muito lixo porque raramente vendedor tem conhecimento técnico do que vende, e... "poxa, tem caixas de caixas de velharias tipo Airgrid e NS2 aqui, vou empurrar isso pros trouxas que não sabem o que querem..."

    RB912 com antena de 30dBi realmente vai ficar melhor que PBE-5ac-620, mas poxa, aí é um comparativo injusto, tem que colocar antena de 29dBi, e limitar a potência no radio. Antena de 27dBi com RB912 dá porque ela tem potência menos limitada, mas o PBE 5ac-500 tem antena de 27dBi mas TAMBÉM potência 2 ou 3dBm menor nos mesmos datarates, não é só questão de ganho de antena (Se fosse isso poderia ligar uma RB711 5hnd numa antena de 30dBi, não adianta ter sinal ótimo se esse hardware pobre (Que já é anos mais moderno que os velhos gagás Airgrid) não dá conta de muito trafego no mundo real, com pacotes de todo tamanho, uma rb711 barata nesse caso sei lá se chegaria nos 80Mbps em dia normal com tráfego real (Teste de banda com pacote de tamanho fixo não ajuda, o mundo real tem centenas de conexões simultaneas, mil pacotes pequenos a serem agregados (E isso consome processamento do chipset, processamento que os testes de banda fica livre), não adianta medir 140Mbps half-duplex numa pbe 5ac 300 se hora que tiver tráfego de verdade vai chegar a 2/3 disso.



  15. #15

    Padrão

    Grande Rubem!


    Citação Postado originalmente por rubem
    O que quis dizer é que pra passar mais banda num aparelho de antena menor geralmente precisa usar canal mais largo.
    O problema não é o aparelho suportar isso, mas sim poluir uma largura maior a toa, e estar mais sujeito a poluição dos outros.
    Prezo muito pra evitar esse tipo de poluição! Se eu pudesse chegar a 100Mbps usando 10Mhz, tava ótimo! rs


    Citação Postado originalmente por rubem
    RB912 com antena de 30dBi realmente vai ficar melhor que PBE-5ac-620, mas poxa, aí é um comparativo injusto, tem que colocar antena de 29dBi, e limitar a potência no radio. Antena de 27dBi com RB912 dá porque ela tem potência menos limitada, mas o PBE 5ac-500 tem antena de 27dBi mas TAMBÉM potência 2 ou 3dBm menor nos mesmos datarates, não é só questão de ganho de antena
    Como essa torres serão só pra eu trazer um link pra cidade, acho que, quanto menos coisa lá, melhor! Se eu usasse o que você aconselhou ser melhor, a RB912, eu teria que comprar, além das antenas da ALGCom e da RB, mais um cartão. Enquanto que com as PowerBeam, eu teria apenas elas. O meu GRANDE MEDO é a estabilidade pra manter esses 100Mbps. Usando as PowerBeam 620 com 30Mhz, eu conseguirei algo próximo de 100Mbps? 100Mbps estáveis em dia de chuva, será? O meu medo é são as chuvas (deu pra perceber, né? rs). Acho que vou focar nas PowerBeam pelo conjunto final ser mais em conta e também ter bom desempenho. Mas antes de tudo, estou interessado em saber o seu parecer. rs


    Forte abraço!

  16. #16

    Padrão Re: PTP 27Km

    Tem gente que evitar PBE e cia justo porque se queimar tem que trocar tudo (Mas pra mim isso é preguiça de usar protetor de ethernet e de ter chipset pra troca, ou uma ponteira reserva).

    Enquanto com rb + cartão + antena se queimar pela ethernet será só RB, e se queimar a parte de RF será ou a da RB ou a do cartão (E antena não queima, só se levar um raio direto). E se for queimar algo nesse caso, provavelmente seria a ethernet da RB se estiver ligado em algo. Se ela estiver ligada em NADA, com um cabo ethernet descendo mas ligado em lugar nenhum (Pra plugar notebook em baixo e fazer algo), o trafego vai do cartão pra etapa de RF da RB (E vice-versa), e a etapa de RF hoje nessas RB's e cartões é muito boa, os EMP8602 queimavam só de gritar "Olha a chuva", mas desde os XR2 e XR5 tem proteção pra altíssima tensão nisso, as chances de queima de chipset de RF andam muito baixas.

    Ou não é repetição? Se for um de cada lado e é só um PTP, porque cartão? A RB912 já tem etapa de RF, tá tudo pronto, é rosquear os 2 cabos de RF, plugar o cabo ethernet com POE, e pronto (É tipo Rocket, alias, a RB912 concorre com Rocket Titanium, se tem algum amor incondicional à UBNT (Tem gente que idolatra a Apple... vai saber) é ela que você tem que comprar).

    E eu uso datarates baixos e "conto" só com pouco tráfego justo porque não me interessa o desempenho em dia de sol, digamos um domingo a tarde onde quase não tem ninguém usando nada, nesse ambiente irreal é fácil ter 150Mbps full-duplex (150M de TX e 150M de RX) num PBE AC, mas hora que chove e o sinal cai 4 a 8dBm, hora que alguma fazenda ou morador da área rural liga seu Airgrid configurado em 27dBm num canal de 40MHz (Só assim pra essa velharia passar digamos 40Mbps) a poucos Km mas apontado pra você (Porque o provedor dele fica do outro lado, ele tem que passar por você, e antena de 6° de abertura acerta muita gente depois de uns Km, uma fatia de pizza de 6° tem 200m de largura depois de 2Km, e o sinal depois de 2Km é apenas 10dBm menor que a 10Km, ou seja, pro provedor dele receber -60dBm você precisa receber (Conta a vontade) uns -50dBm), enfim, hora que esse incomodos surgem esses radios caem o throughput pela metade.

    Um PBE 5ac 620 em 10Km em dia de sol, com vizinhança limpa, terá sinal -50dBm, perfeito até pra MCS9 em AC, com canal de 30MHz deve passar uns 150-160Mbps half, ou talvez 40M/120M RX/TX, só que isso vai cair pra -55 a -58dbm com chuva, aí não tem condições de usar MCS9 (Ia ter muita perda de pacote), talvez nem MCS8, e teria que usar nessa hora apenas MCS7 em AC, que trafegará pouco mais de 100Mbps com ou sem chuva (-50 ou -58dBm pra ele muda pouco o throughput), mas falo de algo tipo 30M de RX e 100M de TX (Ou 100/30M RX/TX, afinal internet não é síncrona, o upload é muito pequeno).

    Eu vejo muito radio fazendo asneira com datarate auto, chove e o sinal cai (Ou um passaro pousa na ponteira), e ao invés do bicho burro diminuir o datarate, a porcaria fica com sinal -60dBm e insistindo em datarate alto, aí o CCQ cai pra 90%, o ping sobe, e todo mundo reclama. Enquanto com datarate baixo e fixo esse tipo de incomodo não pesa porque já está contando com isso, ter sinal -50dbm pra um MCS7 em AC é desnecessário, mas... não tem como ficar aumentando e reduzindo isso conforme chuva e neblina, o jeito é deixar fixo, de modo que quando chover ou ter neblina ele cair até um nível em que ele ainda consegue trabalhar bem. E esse nível a meu ver seria MCS7 em AC a 30MHz em 10Km. Pra passar mais banda eu evitaria usar MCS8 mas sim passaria pra 40MHz, e o motivo também é a queda de sinal em chuva, MCS8 a 30MHz exige mais sinal que MCS7 a 40MHz, mas... é bom testar todas as opções, MCS9 a 20MHz não vale o teste porque em dia de chuva certamente vai faltar sinal.

    Alias, atendo mais fazendas, e acontece muito isso de num local estar seco mas a 20Km chover tanto que até cai caminhão-pipa, pra não ter esse problema eu uso datarates baixos, aumento ack-timeout, dou uma limitada de modo que em dias bons não terá mais banda que em dias ruins, mas é o modo de não ter reclamação, se cair nessa de "Mas quando chover eu desligo tudo e nem uso" só vai ouvir reclamação, cliente leigo não entende que o problema é a chuva no trajeto e não a água molhando a antena (Que em sí derruba mal e mal 1dBm no sinal), nessa época do ano num trajeto de 30Km tem uma chuvinhas várias vezes ao dia, e é capaz de a antena num lado nem molhar, quem configura tudo pra dias lindos tem throughput variável demais.
    (E o cliente não entende que o problema é a chuva a 20Km daqui, na cabeça dele se não está pingando no telhado dele então a internet precisar estar rápida)

    E tô levando em conta chuva pesada que atenua 0,5 a 0,8dBm por Km, ela não é tão comum ou não é tão comum ter 10Km de chuva, mas... eu que tô numa região seca vejo isso uma duzia de vezes no ano, imagina onde chove mais. Eu ví uns 10dbm de queda de sinal só em PTP longo tipo 35Km, mas na casa dos 10Km acho que não lembro de mais de 5dBm de queda, falo 8dBm por precaução, mas pelo tipo de chuva do local talvez fique em 3 ou 4dBm.

    (E sobre o chacoalhar da antena com vento (Chuva e vento andam juntos), os 2 ou 3° dessas antenas de disco ajuda nessa hora, em 10Km cada grau chega numa abertura de 175m, 3° dá então 500m de largura, ela pode virar 1 ou 2º chacoalhando com o vento que ainda não vai ter variação no sinal, geralmente o sinal cai 2 ou 3dBm com mais 1° de inclinação, então na pior das hipóteses numa chuva forte com muito vento inconstante (Rajadas, e não um vento contínuo) pode perder uns 20% da capacidade do PTP e cair pra uns 80Mbps, mas aí seria caso de chuva violenta em todo lado, nessas horas a maioria dos usuário desliga equipto pra evitar queima, não tem alto tráfego mesmo, fora que essas rajadas fortes deixam muito bairro sem eletricidade ("Arvores não tem 4 rodas, são feitas pra cair"), nesse tipo de situação não tem como não perder throughput mas quando a coisa é tão grave não tem alto tráfego de jeito nenhum, o comum que é chuva forte não cuasa nada além de queda no sinal, 0,3 a 0,5dBm por Km de chuva (Não de PTP) fraca ou media, até 0,8dBm por Km de chuva forte)



  17. #17

    Padrão Re: PTP 27Km

    Rubens tem como passar os modelos de protetor Ethernet que você usa?

  18. #18

    Padrão Re: PTP 27Km

    Eu faço os meus. Tem vários posts com uma duzia de ideias:
    https://www.google.com.br/search?q=p...nder-linux.org

    Mas já comprei uns baratos no Ebay (Que são só diodos), uns caaaaros da Clamper (São caros a toa, não tem componente caro lá dentro), tá espalhado pelos clientes, e quando algum queima é fazenda onde queimou/explodiu duzias de equiptos (Raio direto nada protege).

    Qualquer protetor aterrado (Sem aterramento a utilidade é mínima. Mas o aterramento pode ser mínimo que já faz muito efeito) ajuda muito, tem muitas ideias porque qualquer coisa que leve os excessos pro terra resolve.



  19. #19

    Padrão Re: PTP 27Km

    Citação Postado originalmente por rubem Ver Post
    só que isso vai cair pra -55 a -58dbm com chuva, aí não tem condições de usar MCS9 (Ia ter muita perda de pacote), talvez nem MCS8, e teria que usar nessa hora apenas MCS7 em AC
    Isso pode ser configurado? Digo, fazer essa alteração de MCS8 pra MCS9 quando o sinal cair com a chuva.

    Se não puder, qual MCS melhor pra fixar?

  20. #20

    Padrão Re: PTP 27Km

    Tô insistindo desde a primeira mensagem em MCS7 justo pra NÃO deixar em automatico (A maldita caixa "automatic" marcada), porque o AirOS, RouterOS e qualquer software são BURROS e não baixam o datarate quando o sinal baixa, eles trabalham com margem mínima tipo 5 a 10dB, mas pra ter CCQ decente (Nada de lixos tipo 80%) em 10Km precisa margem de 20dB ou mais.

    Releia os posts, onde falo MCS6 em AC, MCS7 em AC, isso tudo é datarate FIXO, eu NUNCA vou recomendar nada automático, config. fixa justa pro não variar throughput quando o sinal variar. E o MCS exato vai depender da zona de fresnel que tiver, se vai ter 10Km na mosca, dependendo do canal usado (5,4 a 5,7GHz) o FSL muda 1dBm ou mais, enfim, terá que colocar no lugar e ver o sinal, adequar o datarate ao sinal existente (Uma zona de fresnel só 90% limpa derruba o sinal em mais 2dBm, faz diferença).